10 dicas para acumular milhas de forma rápida e eficiente

Escrito por Caroline Hecke

Para quem não é um passageiro frequente, a ideia de juntar milhas o bastante para viajar de graça parece um sonho distante, mas existem alguns truque para quem quer aproveitar ao máximo os programas de milhagens das companhias aéreas. Aqui, reunimos as melhores dicas para quem quer ter muitos pontos na conta e a possibilidade de viajar o mundo pagando apenas as taxas de embarque.

Continua após o anúncio

1. Seja fiel

Fidelidade é um dos pontos essenciais para quem quer aproveitar o programa de milhagens. Escolha uma companhia aérea que atende melhor às suas necessidades e voe sempre com ela, mesmo quando suas passagens sejam um pouco mais caras que as da concorrência. Isso vai garantir que você acumule muito mais ponto em um só lugar o que, além de passagens de graça, podem te fazer subir de categoria, ganhando mais algumas vantagens para clientes especiais, como prioridade no embarque e franquia de bagagem adicional.

2. Fique atento às companhias parceiras

Depois que você já escolheu uma companhia aérea, conheça as alianças globais às quais ela pertence. Assim, ao viajar fora do Brasil você continua acumulando pontos – e, muitas vezes, em um volume maior do que nas companhias nacionais. Basta sempre informar o seu número de passageiro frequente no check-in.

3. Sempre confira seu saldo

Erros acontecem, por isso, sempre confira se os seus pontos foram devidamente depositados em sua conta. Caso detecte algum problema, entre em contato com o programa de milhagens imediatamente.

4. Novo no programa de milhagens? Faça seu cadastro antes de qualquer coisa!

Não espere chegar ao aeroporto para saber como o programa funciona. A maioria das companhias já exigem um cadastro prévio e você pode perder uma boa quantidade de pontos se já não for cadastrado na hora do check-in. Confira as regras da companhia escolhida antes de sair de casa e já leve seu número de cadastro com você. E lembre-se: na hora do check-in sempre informa o seu número, mesmo que a atendente não pergunte.

5. Use o cartão de crédito para tudo!

Vai ao mercado? Passe no crédito. Vai pagar boletos, se o seu banco permitir, passe no crédito. É hora de mudar seus hábitos e deixar o débito de lado. Os cartões de crédito são uma verdadeira “máquina de pontos”, então, não importa que o valor de cada compra seja baixo. Aos poucos, você acumula uma enorme quantidade de pontos.

6. Tenha um bom cartão de crédito

Se sua renda for superior a R$ 20mil, você pode tentar solicitar ao gerente do seu banco um cartão Black ou Infinite. Com eles, você acumula de duas a três vezes mais pontos do que em cartões Gold ou Platinum, além de outras regalias, como salas VIPs em aeroportos espalhados pelo mundo e serviços de concierge. Por serem cartões exclusivos, eles geralmente são enviados apenas por convite do próprio banco, mas, se você tem renda o bastante, não custa tentar, certo? Caso esse não seja o seu caso, procure por cartões de companhias aéreas e seus parceiros. Eles também contam com um acumulo de pontos mais interessante e podem garantir vantagens, como o despacho gratuito de malas extras.

7. Dê preferência às lojas parceiras de seu programa de milhagens

Alguns programas de milhagens contam com parceiros não só para quem quer trocar pontos em compras, mas também para acumular. A Multiplus, por exemplo, é parceira de gigantes do varejo, então você não precisa estar viajando para acumular pontos. Sabe aquela TV nova para o seu quarto? Ela pode render milhas! E, se você pagar com o cartão de crédito, ganhará milhas em dobro!

8. Aproveite promoções de transferências

Não espere a data limite de vencimento dos seus pontos para transformá-los em milhas. Fique de olho nas promoções do seu programa de milhagem. É bastante comum que algumas empresas façam promoções que chegam a triplicar a quantidade de pontos convertidos em milhas. Fique sempre atento aos informativos enviados por email!

9. Troque sua experiência por pontos

O portal TripAdvisor dá pontos Multiplus para opiniões cadastradas. Fique atento para o limite mensal e não faça mil avaliações de uma só vez. Avalie todos os lugares que você conhece, conforme os critério da promoção e você garantirá muitas milhas em sua conta.

10. Seja estratégico na hora da troca

Essa dica é perfeita para que suas milhas acumuladas rendam mais. Não saia trocando milhas pelo primeiro trecho que pesquisar. Muitas vezes, existe uma enorme diferença de pontos necessários para voar o mesmo trecho dependendo apenas do dia da semana escolhido. Faça muitas pesquisas e tenha em mente que 10 mil pontos valem, em média, R$300. Compare o valor em pontos com o valor em dinheiro para descobrir se a troca vale a pena. E, sempre que possível, gaste seus pontos em viagens! Produtos têm uma proporção muito menos vantajosa. A mesma quantidade de pontos que te dá um par de tênis pode garantir uma passagem de ida e volta para algum destino da América Latina.

 
   

PARA VOCÊ