15 castelos mais fascinantes do mundo

Escrito por Ian Castelli

Os castelos possuem um fascínio inegável e frequentemente são cenários de histórias românticas, épicas e fantásticas. Essas construções imponentes podem ser encontradas em todo o mundo e são verdadeiros pontos turísticos. Porém, é na Europa que estão alguns dos mais históricos, charmosos e deslumbrantes.

Continua após o anúncio

Dezenas de histórias foram inspiradas nesses castelos, e só de olhar a gente sabe o porquê disso. Veja abaixo alguns castelos que realmente parecem ter saído das páginas de contos de fadas (ou de histórias um tanto mais sinistras):

1 – Neuschwanstein – Alemanha (que inspirou o castelo da Disney)

O Novo Castelo do Cisne, como é o nome traduzido para o português, não foi construído durante o período medieval, apesar de possuir o estilo arquitetônico que remete à época. Erguido em 1869, este castelo é um dos mais visitados de toda a Europa e foi inspiração para os castelos icônicos dos filmes “Cinderela” e “A Bela Adormecida” (além do castelo do Magic Kingdom na Disney de Orlando).

2 – Castelo Hohenzollern – Alemanha

Este castelo alemão está localizado no sul do país, sobre o monte Hohenzollern – daí o nome da construção. A história do castelo é riquíssima e ele foi originalmente construído na primeira metade do Século XI. Conquistado e reconquistado por franceses e prússios, com suas estruturas danificadas e depois reerguidas, três reconstruções ampliaram o castelo até o formato atual.

3 – Castelo de Edimburgo – Escócia

O Castelo de Edimburgo é tido como um dos mais assustadores de toda a Europa (e histórias de assombrações não faltam no lugar). Pairando no morro acima da cidade de Edimburgo, a construção pode ser observada de praticamente qualquer ponto da cidade.

4 – Castelo Alcázar de Segóvia – Espanha

Este é um dos castelos mais imponentes da Espanha. Originalmente construído como fortaleza militar, o Castelo Alcázar de Segóvia já foi palácio real, prisão de estado, colégio real da artilharia militar e academia militar. Fontes históricas indicam que suas primeiras estruturas foram erguidas em 1122, o que faz dele um dos castelos mais antigos da Europa.

5 – Castelo Schweriner – Alemanha

Localizando em uma pequena ilha no meio do lago Shchweriner, esse charmoso castelo alemão é famoso por estar cercado por águas, o que confere um ar idílico a ele. Já foi o lar de nobres como os Duques e Grão-Duques de Mecklenburg, porém hoje abriga o parlamento do estado de Mecklenburg. Durante a Segunda Guerra Mundial, o castelo foi transformado em maternidade.

6 – Monte Saint-Michel – França

Um dos castelos franceses mais famosos, o Monte Saint-Michel foi originalmente construído para ser um mosteiro, erguido durante o século XIII em uma planície alagável. Ele é ligado ao continente através de um istmo (uma pequena faixa de terra) e, dependendo das marés, era completamente cercado pelo mar, ficando naturalmente isolado. Contudo, hoje o caminho é permanentemente acessível devido às passagens de asfalto e à canalização do rio Couesnon.

7 – Castelo Peles – Romênia

O castelo Peles é considerado um dos mais bonitos da Europa Oriental devido à arquitetura romântica que detém. Com mais de 160 quartos mobiliados, o castelo é hoje um museu e traz um verdadeiro catálogo arquitetônico com a combinação de diferentes estilos em vários ambientes.

8 – Castelo Highclere – Inglaterra

A construção do castelo Highclere teve início em 1679, seguindo o mesmo estilo arquitetônico visto no Parlamento Britânico, por isso a semelhança. A edificação é famosa por já ter sido locação de várias séries britânicas, incluindo a recente Downton Abbey. O castelo pode ser visitado, porém é preciso comprar os ingressos com meses de antecedência para conhecer o interior de Highclere.

Continua após o anúncio

9 – Castelo Reichsburg Cochem – Alemanha

Esse castelo, localizado em um monte, é o vigilante da cidade alemã de Cochem – de modo bastante semelhante ao castelo de Edimburgo. Destruído pelas tropas francesas em 1689, o castelo foi totalmente reconstruído e é uma memória permanente dos tempos medievais da Alemanha.

10 – Castelo Löwenburg – Alemanha

Traduzido para o português, este é o Castelo do Leão, construído em 1793. Infelizmente, durante a Segunda Guerra Mundial, o castelo sofreu vários danos e perdeu as suas torres, que posteriormente foram reerguidas. Contudo, algumas áreas do castelo permanecem em ruínas até hoje.

11 – Castelo Vajdahunyad – Hungria

O castelo de Vajdahunyad não é 100% um castelo de verdade, já que foi construído no centro de Budapeste para incorporar estilos arquitetônicos variados em homenagem aos edifícios famosos que fizeram história na Hungria. Dentro do castelo, estão reunidos detalhes de mais de 20 castelos tipicamente húngaros.

12 – Castelo Chenonceau – França

O Castelo Chenonceau é um verdadeiro palácio localizado no centro da França. Também conhecido como Castelo das Sete Damas, ele foi construído sobre as águas do rio Le Cher, funcionando também como ponte. Os seus arcos conferem um ar charmoso à edificação e o apelido informal do castelo se deve as mulheres de personalidade que habitaram o lugar, incluindo duas rainhas.

13 – Castelo Bodiam – Inglaterra

O Castelo Bodiam é outro que está totalmente cercado por águas. Construído em 1385, em um terreno quadrangular, o Bodiam tem uma aparência verdadeiramente medieval. Suas quatro torres, localizadas nos quatro cantos do terreno, protegiam o local com seus arqueiros sempre a postos. As pontes do Bodiam podiam ser retiradas, fazendo com que o castelo ficasse isolado.

14 – Castelo de Bran – Romênia (é o castelo do Drácula!)

Esse não é um castelo que saiu de contos de fadas, porém de terror. O Castelo de Bran é internacionalmente renomado por ser o fictício lar do Conde Drácula de Bram Stoker. De fato, tanto o castelo quanto as paisagens da Transilvânia contribuem para uma aura um tanto sinistra ao redor do lugar. Hoje, o Castelo de Bran é um dos pontos turísticos mais visitados da Romênia.

15 – Castelo Moszna – Polônia

Esse belíssimo castelo está localizado em um pequeno vilarejo polonês que também leva o mesmo nome. As primeiras construções do Catselo Moszna começaram no século XVII, porém escavações também identificaram materiais do início do século XX, o que faz deste um castelo um misto de diferentes períodos históricos. Com um estilo neogótico, é fácil se encantar com ele.

 
   

PARA VOCÊ