Serrinha do Alambari: descubra o que fazer nesse recanto da natureza

Escrito por Flávia Resende

A Serrinha do Alambari é famosa por suas belas cachoeiras de águas bem geladas. É um lugar excelente pra quem busca tranquilidade e gosta de estar em contato com a natureza. Se esse é o seu caso, acompanhe as informações que separamos pra você.

A Área de Proteção Ambiental da Serrinha do Alambari fica em Resende, a 186 km da capital do Rio de Janeiro, entre duas cidades que provavelmente você já ouviu falar: Penedo e Visconde de Mauá. Veja como chegar ao local de carro e de ônibus.

Como chegar à Serrinha do Alambari

Saindo do Rio de Janeiro é fácil chegar à Serrinha do Alambari. Se você vai de ônibus, primeiramente deve ir para a rodoviária de Resende. Lá você pegará o ônibus da linha 310 (Rodoviária x Capelinha x Serrinha), da Viação São Miguel.

De carro você vai gastar três horas. Saindo do Centro do Rio, você deve seguir pela Rodovia Presidente Dutra (BR-116) em direção a Visconde de Mauá. Passar por Resende, até o km 311 onde fica a saída para a rodovia que vai te levar a Penedo (RJ-163). Passe a entrada de Penedo e siga por mais 4 km e você chegará à entrada da Serrinha.

Quem já esteve por lá recomenda prestar bastante atenção nas estradas porque não estão em bom estado de conservação.

O que fazer na Serrinha do Alambari

A Serrinha tem várias atividades para quem deseja fugir um pouco da civilização e curtir a natureza. Suas trilhas, cachoeiras e rica vegetação oferecem muitas oportunidades de passeios como os que listamos a seguir:

Área de proteção ambiental

A Área de Proteção Ambiental (APA) da Serrinha do Alambari abrange as comunidades da Serrinha e da Capelinha e fica localizada na Região das Agulhas Negras. A região é formada por muitas cachoeiras deslumbrantes e uma paisagem montanhosa.

O ecossistema da APA da Serrinha é muito bem conservado, o que é um importante investimento para o desenvolvimento da prática de esportes ao ar livre, turismo de aventura e ecoturismo. Dentro dessa área está o camping que falaremos a seguir.

Camping

O Camping Clube do Brasil (CCB) recebe vários campistas e é onde estão localizados poços e cachoeiras da Serrinha. É o principal local de hospedagem dos turistas que visitam a região.

Os hóspedes têm acesso a piscinas naturais, chuveiros quentes, sauna rústica (necessário pagar a entrada), quadra de esportes, playground, pavilhão de lazer, quiosques, ducha de rio e até mesmo pontos de energia para fazer a recarga de bateria de trailers. Quem está no camping não precisa pagar a entrada para o parque.

Poço das Esmeraldas

O poço, localizado no Camping Clube do Brasil, é ideal para banho e ganhou esse nome porque a água tem uma inconfundível cor de esmeralda.

Para chegar ao poço você vai precisar seguir algumas trilhas (algumas inclinadas) e caminhar cerca de 30 minutos. Por isso, lembre-se de usar tênis e roupas confortáveis para fazer o percurso sem imprevistos.

Poço do Céu e do Dinossauro

Esses poços ficam fora do camping, dentro de uma propriedade privada, e seu acesso é bem restrito. Os visitantes têm que pagar uma taxa – em dinheiro – para visitar o local. O pagamento é feito na própria propriedade, no dia da visita, para um dos guias.

As trilhas são bem sinalizadas e você não terá problemas em chegar a seu destino. Após caminhar 20 minutos, você vai chegar ao Poço do Céu e, andando mais 10 minutos, você chegará ao Poço do Dinossauro.

Os dois poços têm águas verdes e cristalinas que deixam qualquer um ansioso pra dar um mergulho. A princípio você pode se assustar com a temperatura da água, que é muito gelada, mas logo você se acostuma.

Serrinha também tem outros poços como o do Bananal, da Coruja, Duchinha, Pinguela, Dourado e da Sauna.

Dicas para quem vai visitar a Serrinha do Alambari

Listamos a seguir algumas informações importantes que podem te ajudar ao planejar conhecer Serrinha. Confira nossas dicas sobre melhor época para visitar o local, onde comer e se hospedar, e algumas medidas de segurança.

  • Tempo: os melhores meses para conhecer o local estão entre meados de abril e outubro. Nesses meses, as temperaturas variam entre 17ºC e 30ºC. É bom evitar os meses de novembro a março porque cai muita chuva e o risco de trombas d’água é maior.
  • Airbnb: Serrinha não tem acomodações cadastradas no site. A melhor alternativa para quem não quer ficar no camping é se hospedar em Penedo, a 20 minutos de carro de Serrinha. No site há vários tipos de acomodação disponíveis como casas, quartos, chalés e apartamentos.
  • Onde comer: O local mais próximo é o restaurante dentro do Camping Clube do Brasil. O estabelecimento serve café da manhã, almoço e jantar a um preço acessível. Todos podem frequentar o local, inclusive, quem não está hospedado no camping.
  • Crianças: As crianças têm muitas opções de lazer em Serrinha. É comum ver várias famílias com crianças no local se divertindo nos poços, cachoeiras e playgrounds. Mas antes de levar os pequenos para nadar, verifique o tempo de caminhada e a dificuldade das trilhas porque pode ser um percurso longo para eles. Crianças até 10 anos não pagam a entrada.
  • Chuva: No verão é comum ser surpreendido por trombas d’água. Ao primeiro sinal de chuva, saia dos poços e cachoeiras imediatamente para evitar acidentes, que podem ser fatais.

Vídeos sobre a Serrinha do Alambari

Quer saber como é visitar a Serrinha e o CCB? Selecionamos alguns vídeos para que você veja esses locais ‘ao vivo’. Acompanhe:

Camping da Serrinha do Alambari

No vídeo, um casal mostra a estrutura do Camping Clube do Brasil, as trilhas e, por fim, os poços, inclusive o mais visitado: o Poço das Esmeraldas.

Serrinha do Alambari, em Resende, vista por um drone

Acompanhe a vista da Serrinha do alto e veja seus, poços, cachoeiras e trilhas, todos emoldurados pela vegetação.

Vlog mostrando o CCB da Serrinha

No vídeo podemos observar como Serrinha é um local tranquilo e muito bem preservado. É mostrado um pouco mais do Poço das Esmeraldas e a área do camping.

Viu como Serrinha é uma boa opção para quem gosta de turismo de aventura? Além de desfrutar de dias de muita paz, os visitantes ainda podem se aventurar nas trilhas e cachoeiras.

Mais fotos da Serrinha do Alambari que vão te deixar ansioso para viajar

Confira algumas fotos que vão te ajudar a ter uma ideia melhor do que mais Serrinha tem a oferecer.

1. Em cada cantinho se esconde uma surpresa encantadora

2. Um destino de muita paz e tranquilidade

3. Que tal uma piscina natural em vários tons de verde?

4. Ou um poço particular para relaxar?

5. Não é em qualquer lugar que se pode tirar uma soneca ao ar livre

6. Ou caminhar curtindo a natureza praticamente intocada

7. E no fim de tarde ser brindado com um espetáculo da natureza

8. Registrar o mergulho é obrigatório nas águas de Serrinha

9. Se o que você procura é isolamento, Serrinha tem também

10. Sol, descanso, cachoeira e água fresca

As fotos destacam a natureza preservada da Serrinha do Alambari e dão ainda mais vontade de viajar, não é mesmo? Aproveite para registrar todos os momentos da sua viagem.

Conforme as pessoas vão conhecendo as cachoeiras e poços de Serrinha, o número de visitantes vai aumentando e, com isso, a preocupação com a preservação do local também aumenta. Então, ao viajar para Serrinha, aproveite cada minuto e ajude a preservar a natureza!

PARA VOCÊ