10 lugares para comer bem em Nova York por até US$ 10

Escrito por Talita Ribeiro

Sim, o título é verdadeiro, testado e aprovado na cidade onde vivo há 8 meses. Porque Nova York pode até ser cara, mas é cheia de opções com excelente custo benefício, para quem quer comer bem gastando pouco. Eu compartilho os meus achados no Instagram, com a hashtag #ny10orless e fiz uma pequena seleção abaixo:

Continua após o anúncio

1. Chelsea Market

Nesse mercadão gastronômico há diversos tipos de comida que você pode experimentar por até US$ 10 e, claro, gastando bem mais que isso também. Uma das minhas opções favoritas são os combos prontos de comida japonesa do Lobster Place, feitos com peixe fresco e arroz branco ou integral. E você ainda pode tomar um cafezinho na Blue Bottle, que fica na rua ao lado e serve o meu cappuccino predileto nos EUA, com leite cremoso e café forte.

2. S’mac

Um dos pratos americanos mais clássicos é o Mac and Cheese que, como o nome dá a entender, é um macarrão cremosos com muito queijo. É o tipo de comfort food que você sente saudade quando vai embora.

O S’mac é um restaurante especializado nisso, onde dá para escolher o tipo de queijo e massa que você deseja, mais os acompanhamentos. Basicamente, todo o cardápio para uma pessoa sai por bem menos de US$ 10!

3. Shake Shack

Um dos melhores hambúrgueres do país. Não gosta de carne? Há opções vegetarianas, além de milk shakes incríveis! Essa rede, que está presente em vários estados e até em outros países, é parada obrigatória para turistas e um dos xodós dos locais também.

Se você já viu a série “Orange is the new black”, provavelmente lembra da cena em que a Piper e a Alex conversam sobre um hambúrguer que elas sentem falta. Então, é desse mesmo que eu estou falando. Dá água na boca só de lembrar e o cheeseburger custa apenas US$ 6,50 (e o double sai por US$ 8,35).

4. San Marzano

Falando em comfort food, esse restaurante italiano é uma das melhores opções para dias frios, com massas e molhos artesanais por um preço fixo: US$ 9. A minha combinação favorita é o espaguete com molho bolonhesa, mas há mais de dez opções de molhos e até massa sem glúten, para quem tem alergia alimentar.

Além disso, as bebidas da casa também são baratas, um copo de sangria sai por US$ 5 e a jarra, que pode ser compartilhada por até quatro pessoas, sai por US$ 15.

5. Dig Inn

Essa é uma rede de “comida de verdade”, feita com ingredientes orgânicos e cultivados em fazendas locais. Sim, isso existe em Nova York e, o melhor, por um preço que você consegue pagar. É bem simples, basta escolher a base do seu prato – arroz, salada, quinoa e etc. –, o tipo de proteína que deseja e até dois vegetais para acompanhar. Dá para comer gastando a partir de US$ 6!

6. Whole Foods

Ainda na linha de comida saudável, o Whole Foods é um excelente aliado para se alimentar bem e rápido. Isso porque, o mercado conta com um buffet com diversas opções de grãos, saladas, sopas, carnes… Sem falar que eles também montam sanduíches e tem uma área de comida japonesa.

Continua após o anúncio

Tudo por preços excelentes, com ingredientes quase sempre orgânicos e de produtores beneficiados pelo Fairtrade, que garante preços e condições de trabalho justos.

7. Dos Toros

Há várias redes de fast food mexicano nos Estados Unidos, porém, essa é de longe a minha favorita. Isso porque o feijão “rojo” deles é muito parecido com o “carioquinha” brasileiro, o milho não é doce como em quase todo lugar aqui e as carnitas – porco desfiado -, são deliciosas. Sério, se você pedir um burrito só com esses três ingredientes, vai me entender.

Porém, eu não dispensaria a deliciosa guacamole, nem mesmo a salsa verde, que é ardidinha na medida. Os pratos são grandes, então, para não ter desperdício, eu costumo dividir um burrito e uma porção de nachos com o meu marido. E a conta sai por apenas US$ 6,50 por pessoa.

8. Dumpling Man

Das coisas que você vai aprender a gostar aqui: comida oriental para além do sushi e do yakisoba. O Dumpling Man serve apenas dumplings, que no Brasil a gente chama de guioza, em quatro sabores – porco, frango, camarão e vegetais –, que podem ser apenas cozidos ou feitos na chapa também.

A porção com seis mais um molhinho especial sai por US$ 8,70 e é perfeita para uma pessoa. O legal é que, enquanto você come, pode ver todas as etapas de produção deles, que estão sempre frescos e são deliciosos – principalmente o de porco.

9. The Halal Guys

Essa talvez seja uma das comidas de rua mais clássica de Nova York e, com certeza, tem uma das melhores histórias. Começou como um carrinho de hot dogs e se transformou em uma franchise mundial. Isso porque, o criador da marca teve a ideia de servir comida nutritiva e barata para os trabalhadores da cidade, transformando o seu carrinho no primeiro de comida Halal – que respeita as regras islâmicas de preparo. Sim, há muitos muçulmanos em NY, mas não foram só eles que adoraram os pratos com arroz, frango e um delicioso pão pita.

Mesmo estando presente em vários locais, no “endereço original” há sempre fila para comer os sanduíches, gyros (que no Brasil chamamos de kebab), “quentinhas” e falafel. E o melhor é que eles custam entre US$ 5 e US$ 7 e são muito bem servidos.

10. Artichoke

Confesso que eu sempre mordo a língua ao ir nessa pizzaria, que serve a melhor e maior fatia de pizza que já comi na vida. Ela tem massa bem grossa, muita cobertura e é feita basicamente de alcachofra e queijo. Ou seja, tinha tudo para não agradar o paladar de uma brasileira, como eu.

Mas, vencido o preconceito, foi paixão a primeira mordida. E sempre quando levo alguma visita lá a história se repete. O  melhor é o preço, apenas US$ 5 o pedaço. Sinceramente, nunca vi ninguém conseguir comer mais que um, porém, você pode tentar e aproveitar promoções como duas fatias mais uma cerveja por US$ 13.

Gostou da nossa seleção? Quer viajar para experimentá-la?

Hoje há passagens a partir de R$ 1.294 para os EUA e eu fiz uma seleção de quartos e apartamos no Airbnb, no Brooklyn e em Manhattan a partir de US$ 35! 🙂

 
   

PARA VOCÊ