9 países que melhor recebem os turistas e fazem você se sentir em casa

Escrito por Bruno Mendes

Mergulhar em praias de águas transparentes, conhecer as riquezas históricas e as delícias da culinária de outro país são alguns dos  principais trunfos em cada viagem, mas é, igualmente, valioso ser bem recebido em cada destino.

Continua após o anúncio

Quem não gosta de receber informações claras sobre endereços ao ficar perdido em alguma esquina diferente, ser tratado com paciência e atenção por não ter tanta (ou nenhuma) familiaridade com o idioma local ou bater papo em alguma mesa de bar com um gringo gente boa e curioso sobre seu país?

O Fórum Econômico Mundial elaborou uma lista com os países mais amigáveis do mundo, então, se você não abre mão de se sentir em casa em suas viagens pelo mundo, veja quais são os países mais agradáveis. Prepare-se: você vai vivenciar momentos inesquecíveis nesses lugares campeões em hospitalidade.

1. Islândia

A Islândia é o país mais receptivo do planeta. Com apenas 323 mil habitantes, o pequeno país insular, situado entre a América do Norte e a Europa, é menos populoso que Aracaju-SE e do que muitos bairros de grandes cidades brasileiras. Com excelente qualidade de vida, é o país mais igualitário do mundo e o melhor para as mulheres viverem.

Além de poder contemplar paisagens de beleza irreal, o visitante encontrará boas opções de lazer na capital Reykjavik e, é claro, um povo educado e muito cosmopolita. Há muito o que se apreciar no local em que nasceu a cantora Bjork.

2. Nova Zelândia

A medalha de prata em agradabilidade ao turista é da Nova Zelândia, um país com muitas cavernas, gêiseres, vulcões, lagos de diversas tonalidades e montanhas de tirar o fôlego. Além dos presentes da natureza, o viajante poderá conferir, em cidades como Christchurch e Auckland, um mar de atrações no que diz respeito à diversão mais urbana: bares descolados, cafés, parques, museus e muito mais.

Longe, muito longe. O país da Oceania fica a aproximadamente 2000 quilômetros da Austrália e literalmente do outro lado do mundo, mas vale muito a pena passar um tempinho a mais no avião, para conhecer esse lugar incrível, cuja população é amável e adora receber estrangeiros.

3. Marrocos

Marrocos é uma das principais entradas para o deserto do Saara, mas o país africano é uma excelente opção turística por causa da simpatia e calorosidade do seu povo e também pela excelente culinária, preservadas construções históricas e a mistura cultural de uma região, cujas culturas distintas comunicam-se frequentemente.

No terceiro país mais receptivo do mundo, a maioria da população é muçulmana. E esse local de contrastes vai encantar, sobretudo, aquele turista que gosta de recantos mais exóticos e longe do lugar-comum!

4. Macedônia

A Macedônia não é dos países europeus mais conhecidos pelos brasileiros, mas ocupa o respeitado quarto lugar entre os que melhor recebem os visitantes de fora. Situado entre a Albânia, Bulgária e Sérvia, o país cuja capital é Skopje, tem habitantes bastante animados que enchem os bares locais de segunda a segunda, belíssimas construções, parques e regiões montanhosas de encher os olhos.

Continua após o anúncio

Importantes sítios arqueológicos também estão entre os maiores atrativos desse país, que conquistou a independência há um pouco mais de 20 anos e é uma grata surpresa entre os apaixonados por viagens.

5. Áustria

Impossível não colocar a Áustria entre os países mais espetaculares do mundo. Palácios exuberantes, museus, lindas cafeterias, ruas charmosas com lojas e restaurantes que funcionam em prédios centenários e paisagens naturais de cartão postal, são apenas alguns dos aspectos que atraem milhares de visitantes todos os anos ao país.

Além de conhecer Viena e outras cidades importantes é uma ótima ideia visitar Tirol, estado localizado na região oeste da Áustria, cuja capital é Innsbruck. O que encontrar em Tirol? Olha essa foto: é só um aperitivo!

6. Senegal

Senegal é um país africano politicamente estável e seguro, ou seja, dá para viajar com a família tranquilamente para apreciar as praias, rios e – é claro – a savana. A capital Dakar tem bons restaurantes e vias movimentas por um povo muito alegre, simples e acolhedor. Prepare-se para uma viagem que deixará gratas recordações e os senegalenses estarão entre os principais responsáveis pelas boas lembranças.

7. Portugal

A terra do fado e do pastel de belém também é uma das nações mais hospitaleiras do mundo. Relevância histórica, excelência gastronômica e bom trato são certos em Portugal, esse país ensolarado onde por motivos óbvios, o visitante brasileiro que não dominar outro idioma, não passará perrengues.

Porto, Coimbra, Lisboa, Braga e Alentejo são algumas das cidades que poderão ser inclusas nesse passeio imperdível! Pode marcar!

8. Bósnia Herzegovina

Há alguns anos a Bósnia Herzegovina era sinônimo de guerra. Felizmente, hoje o país navega pelos mares da prosperidade e suas maravilhas atraem, cada vez mais, os viajantes de todos os cantos do planeta. Suas principais cidades – incluindo a capital Sarajevo – têm excelente infraestrutura urbana, exuberante arquitetura e exemplares naturais: canyons, montanhas, cachoeiras, etc.

Diferentes culturas convivem de maneira harmônica e respeitosa pelas cidades. Não é a toa que o país tem posição de destaque no ranking da hospitalidade.

9. Irlanda

Quem já visitou Dublin ou alguma outra cidade irlandesa, sabe que não é surpresa nenhuma a nona colocação entre os países que melhor recebem os visitantes no mundo. Andar pelas ruas limpinhas, sentar em um pub charmoso e tomar uma ou duas cervejas por lá é (quase) garantia de boa conversa com irlandeses que, de maneira geral, são curiosos em conhecer outras culturas.

A Irlanda também é um país muito seguro e com natureza exuberante, afinal há sempre aquele(s) dia(s) durante a trip em que é de lei  sair da cidade e ir para o mato, montanha e vales, concorda?

E o Brasil?

O Brasil ocupa a posição 43 entre as nações mais amigáveis do planeta. É claro que não há ranking inquestionável e, embora essa pesquisa de hospitalidade tenha seguido padrões responsáveis, pelo calor humano do brasileiro há de se perguntar com aquela pulga atrás da orelha: “será que não merecíamos estar melhor posicionados?”… Sim, merecíamos, pois no fundo no fundo sabemos da nossa alegria contagiante e da malemolência só encontrada no lado de baixo do Equador.

De toda forma, esses nove países destacados são espetaculares em todos os aspectos e merecem uma visitinha.