Parque Nacional da Tijuca: conheça as melhores trilhas do Rio de Janeiro

Escrito por Bruno Mendes
Em 05.01.21

O Parque Nacional da Tijuca é uma das principais atrações naturais do Rio de Janeiro. Com várias trilhas que levam a cachoeiras, mirantes e grutas, o local é contemplado por pontos turísticos famosos como a Vista Chinesa, a Pedra da Gávea e o Cristo Redentor. Confira informações importantes sobre o destino e saiba o que ver por lá.

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

Onde fica o Parque Nacional da Tijuca

Como o Parque Nacional da Tijuca é muito grande, o acesso pode ser feito em pontos da zona sul, norte e oeste do Rio. Exemplo: pela R. Almirante Alexandrino, no bairro Cosme Velho; pela rua Amado Nervo; no Alto da Boa Vista; ou pela Estrada Sorimã, na Barra da Tijuca e Estrada das Conas, em São Conrado. Variadas linhas de ônibus ou mesmo vans turísticas conectam cada visitante a esses trechos da cidade.

Agora saiba um pouco sobre a história desse parque que abriga a Floresta da Tijuca, a maior floresta urbana replantada do planeta.

O que é o Parque Nacional da Tijuca

O Parque Nacional da Tijuca tem 33 km² e foi criado em julho de 1961, mas a região teve enorme importância em períodos anteriores. Ao longo dos séculos XVII e XVIII, o plantio de café e a extração de madeira eram realizados na área e somente em 1861, o imperador Dom Pedro II declarou o local como “Floresta Protetora”.

Após a remoção de chácaras e fazendas, a região passou por intenso processo de reflorestamento. Hoje o parque conta com exuberantes exemplares da fauna e da flora e é um patrimônio natural do Rio de Janeiro. Quer conhecer tudo de perto? No tópico abaixo você vai conferir dicas imperdíveis!

O que fazer no Parque Nacional da Tijuca

Já pode ir sonhando com a apreciação de paisagens do alto de mirantes, com as caminhadas pela mata, os banhos de cachoeira e muito mais, pois selecionamos os melhores atrativos do parque, veja só:

1. Vista Chinesa

Erguida no início do século XX e situada no Alto da Boa Vista, a Vista Chinesa é um mirante que oferece visual indescritível de parte da zona sul carioca. Ainda que a subida de acesso seja íngreme, o caminho é bem tranquilo, afinal, a via é pavimentada. Prepare-se para encher o seu instagram de fotos, heim!

2. Trilha do Pico da Tijuca

Atenção aventureiros! O Pico da Tijuca tem 1021 metros e é o segundo mais alto do Rio de Janeiro. A trilha de intensidade leve tem um pouco mais de 2 km, além da subida de 117 degraus construídos na própria rocha, o que pode provocar um friozinho na barriga em certas pessoas. Lá do alto dá para ver boa parte da Cidade Maravilhosa por ângulos exclusivos.

3. Lago das Fadas

Contornado por bromélias e árvores suntuosas, o Lago das Fadas tramsmite paz e tranquilidade a quem visita. Sem dúvidas, é o local perfeito para a turma que pretende descansar as pernas após fazer trilhas no Parque Nacional da Tijuca. Quer escutar o assobio dos pássaros e curtir aquele clima gostoso de uma floresta? Conheça esse delicioso destino.

4. Trilha da Pedra do Conde

Acessada pela Estrada da Cascatinha, a trilha da Pedra do Conde tem intensidade moderada e 3,5 km de extensão. Ao contrário de outras trilhas da Floresta da Tijuca, esta é realizada em mata fechada, fator que não permite a apreciação de paisagens ao longo de boa parte da caminhada. De todo modo, quando estiver a 819 metros do chão, o visual da cidade é uma recompensa e tanto.

5. Mesa do Imperador

Você sabia que o Parque Nacional da Tijuca também é um museu a céu aberto? Pois é. A Mesa do Imperador, que hoje é bastante usada para piqueniques, fica na mesma via da Vista Chinesa e foi construída no lugar em que burgueses e nobres dos tempos imperiais almoçavam e também onde Dom Pedro II passeava.

6. Agulhinha da Gávea

Igualmente conhecida como Pedra Aguda, a Agulhinha da Gávea impressiona com seu formado pontiagudo e pode ser vista com destaque da Praia de São Conrado. É uma excelente região do parque para a prática de escalada.

7. Cachoeira do Horto

O Rio de Janeiro é muito quente e um passeio pela floresta pede um banho refrescante, concorda? Então, partindo do Alto da Boa Vista, não deixe de percorrer uma trilha de 20 minutos para tomar um banho geladinho na Cachoeira do Horto. Ainda que quase sempre cheia nos fins de semana, a atração proporciona bons momentos de sossego.

8. Trilha da Pedra da Gávea

Por esta foto fica fácil entender porque a Pedra da Gávea está entre os mais exuberantes pontos turísticos do Rio, né? A trilha que conduz ao topo é saudada por cariocas e turistas durante o ano inteiro. Mas vai com calma, porque essa é para os fortes. Há vários trechos íngremes e escaladas, portanto, eis um destino recomendado a quem tem experiência em trekking.

9. Cachoeira dos Primatas

Acessada facilmente pelo Jardim Botânico, a Cachoeira dos Primatas é mais uma queda d’água que você vai gostar de marcar presença no Parque Nacional da Tijuca. Depois de caminhar por uma trilha sombreada e com subidas brandas, é só aproveitar o chuveirão dessa atração que ainda não é tão frequentada. Ótima surpresa!

10. Caminho das Grutas

O Caminho das Grutas é um circuito geralmente feito com o auxílio de um guia. Vai ser um diferencial no seu passeio conhecer a Gruta dos Morcegos, Gruta do Archer, Gruta Bernardo de Oliveira, Gruta Gabriela, Gruta Paulo e Virnínia, Gruta do Belmiro e também as Ruínas do Sìtio Humaitá, a Cascata Diamantina e a Vista do Mirante.

11. Trilha da Pedra Bonita

Localizada perto da Praia da Barra e de São Conrado, a Pedra Bonita é outro atrativo querido por trilheiros e trilheiras. Ao contrário da trilha da Pedra da Gávea, o percurso até o mirante é fácil e feito no máximo em 50 minutos. É importante pontuar que na Pedra também são realizados voos de asa delta e parapente. E aí, topa?

12. Trilha do Corcovado

Essa trilha tem início no Parque Lage, que fica no Jardim Botânico, e finaliza no Corcovado, perto da entrada do Cristo Redentor. No trajeto de mais ou menos 3 horas e pedaços íngremes, você passará por áreas de mata fechada, cachoeiras e pelos trilhos do trem que conduzem visitantes até o Cristo. Vai ser um privilégio apreciar o monumento mais famoso do Rio de Janeiro depois da caminhada.

Não tenha dúvidas: é incrível contemplar a natureza da Floresta da Tijuca nesses e em outros atrativos. E para você ficar com mais vontade de realizar as atividades, separamos uns vídeos inspiradores.

Vídeos do Parque Nacional da Tijuca para você se apaixonar pelo lugar

Dá uma olhada nesses registros impecáveis feitos por uma turma que amou a mais famosa floresta carioca.

Grutas e cachoeiras do Parque Nacional da Tijuca

Apesar de ser pequeno, o vídeo é bem informativo e mostra a entrada do parque no Alto da Boa Vista. Confira a Cascatinha Taunay e o Caminho das Grutas. No meio da apresentação o youtuber Ian Braga conversa com uma mãe que faz o passeio com os filhos. Veja que é tranquilo levar os pequenos nesse trecho do parque.

Um passeio nota 10 até a Cachoeira do Horto

Ao ver essa apresentação você irá guardar boa impressão sobre a trilha da Cachoeira do Horto. Note que há trechos desafiadores em subidas por pedras, porém, como recompensa, você vai tomar banho na deliciosa queda d’água.

O nascer do sol a partir da Vista Chinesa

Quer propor um passeio contemplativo? Então, saiba que é uma boa conferir o amanhecer do mirante da Vista Chinesa. Além de dicas e informações relevantes sobre esse trecho do Parque Nacional da Tijuca, veja imagens do sol alaranjado subindo por trás da montanha e proporcionando contornos únicos à Cidade Maravilhosa.

Conheça a trilha do Pico da Tijuca

Nessa apresentação você vai saber que pode chegar ao início dessa trilha de ônibus ou carro. Observe as maravilhas naturais pelo caminho e, é claro, tenha breve ideia sobre a subida pela escada construída na rocha. Vale a pena aproveitar essa aventura, heim!

Chegou a sua vez de registrar as suas aventuras no Parque Nacional da Tijuca, ok? E para te deixar com mais vontade de bater perna na floresta, escolhemos quinze imagens deslumbrantes.

15 fotos encantadoras do Parque Nacional da Tijuca para você viajar logo

Decisivamente nao faltam razões para você se apaixonar pelo Parque Nacional da Tijuca. Fique com mais estas imagens e coloque o passseio na sua lista de prioridades.

1. Admire a imensidão verde do Rio de Janeiro!

2. E renove suas energias nestas lindas mostras da natureza

3. Bico do Papagaio, um presente para aventureiros

4. Vale a pena sentir um friozinho na barriga, né?

5. Um dos lugares mais bucólicos do Rio

6. A paz de espírito que você merece!

7. Que tal uma corridinha até a Vista Chinesa?

8. A trilha do Corcovado é uma das mais queridas da cidade

9. Aliás, as trilhas no parque da Tijuca são bem sinalizadas

10. O bondinho que segue para o Cristo Redentor

11. O Cristo é sempre fotogênico!

12. Tire muitas fotos no Mirante da Cascatinha

13. Já tá pensando no passeio?

14. A Cidade Maravilhosa te espera de braços abertos

15. E o Parque da Tijuca merece um lugar especial na programação

Se você amou o Parque Nacional da Tijuca, saiba que não vai resistir aos encantos do Morro da Urca. Portanto, inclua mais esse tour na sua agenda de viagem.