O que fazer em Arraial do Cabo, o apaixonante Caribe brasileiro

Escrito por Marta Stegani

Se o Caribe está entre os destinos dos seus sonhos, mas a grana está curta, existe um cantinho aqui no Brasil, mais especificamente a 165 km do Rio de Janeiro, que vai te transportar para lá. Arraial do Cabo é um pedaço do paraíso aqui no Brasil e não é exagero dizer que lá se concentram as praias mais bonitas do Brasil.

São praias de águas cristalinas e de areia bem branquinha com uma rica vida marinha e, não à toa, a cidade é conhecida como a Capital do Mergulho. Separamos aqui as melhores dicas sobre Arraial do Cabo: o que fazer, as praias imperdíveis e as melhores dicas gastronômicas.

O que fazer em Arraial do Cabo em 3 dias?

O mar é o que atrai visitantes a Arraial do Cabo, portanto, nada mais justo que curtir cada segundo. A cidade é composta por oito praias, mas essas cinco são obrigatórias para o viajante.

1. Praia do Farol

A Praia do Farol é uma das mais incríveis e é considerada “a praia mais perfeita do Brasil” segundo o INPE, Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. E se você pensa que por causa dessa fama a praia é superlotada, está enganado. Por ser protegida pela Marinha do Brasil, seu acesso é limitado.

A única maneira de chegar até lá é através de embarcações autorizadas e o tempo de visitação é controlado – apenas 250 visitantes a cada 45 minutos. O passeios partem da Praia dos Anjos e duram de três a quatro horas, passando também por outras praias.

2. Praia do Forno

A Praia do Forno é mais um dos cartões postais de Arraial. O acesso até ela também pode ser feito de barco ou através de uma trilha que dura em torno de 20 minutos – apesar de não ter alto grau de dificuldade, se você está com crianças prefira ir pelas embarcações. Quem enfrenta a trilha é recompensado com uma vista estonteante das águas calmas e cristalinas cercadas pela natureza.

Na praia você encontra tudo o que necessita para passar um dia: bares, barracas, carrinhos de comida, aluguel de guarda-sol e cadeiras. Por ser de fácil acesso, costuma estar lotada aos finais de semana e feriados, mas nada que estrague o clima do lugar.

3. Prainhas do Pontal do Atalaia

Não confunda as Prainhas do Pontal do Atalaia com a Prainha, que fica na entrada da cidade. Apesar de ambas serem incríveis, esta vai ganhar seu coração. A areia é bem branquinha e fina e o mar varia em tons de verde e azul. Por oferecer mais formas de acessibilidade, costuma ser mais cheia.

Os visitantes podem chegar até lá através das embarcações que partem da Praia dos Anjos – ela é um dos pontos de parada do roteiro que vai à Ilha do Farol – em barco-táxi – podendo ir direto à praia – ou de carro, indo até o Pontal do Atalaia. Chegue cedo, pois as vagas para veículos são limitadas. A infraestrutura do lugar deixa a desejar, e você irá encontrar apenas algumas barracas com petiscos.

4. Praia Grande

Como o próprio nome sugere, esta é uma praia de grande extensão, de modo a se perder de vista o mar azulzinho e a faixa de areia branca. É o point para a galera do surf, pois as ondas de mar aberto garantem boas manobras. Não desanime ao se deparar com a água gelada – em algumas épocas do ano ela pode chegar a 8ºC.

Para curtir o dia nesse paraíso, logo no começo da orla existem restaurantes, quiosques e lugares para alugar equipamentos. Outra dica de ouro é ficar para curtir o pôr do sol, que é considerado um dos mais bonitos de Arraial.

5. Prainha

A Prainha dá boas-vindas a quem chega a Arraial do Cabo e dá uma pequena amostra do que vem pela frente. Por ser de fácil acesso e oferecer grande variedade de barracas e quiosques, ela vai estar sempre cheia, mas caminhe com paciência até o canto esquerdo que você chegará até o paraíso da tranquilidade e terá mais espaço para esticar a canga.

A cor do mar é impressionante, variando em tons de azul claro e escuro, e a tranquilidade das águas torna o passeio inesquecível para famílias com crianças.

O que fazer em Arraial do Cabo à noite?

Não espere encontrar em Arraial uma vida noturna agitada assim como na vizinha Búzios. A cidade tem clima de interior, mas existem algumas opções para comer e tomar uma gelada no fim do dia.

6. Bar do Mazinho

O Bar do Mazinho é um cantinho tradicional e famoso por servir o melhor pastel de bacalhau da região. No cardápio, um prato de sucesso é o aipim com carne seca. O ambiente é simples, porém aconchegante, e o atendimento de primeira.

  • Endereço: R. José Francisco, 256 – Praia Grande.
  • Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 8h às 22h.
  • Valor de entrada: gratuito.

7. El Farol Bar

O El Farol Bar tem clima praiano, música ao vivo, bons drinks e petiscos. No cardápio, pizza, hambúrguer e frutos do mar. As caipirinhas da casa também fazem sucesso e sempre há alguma promoção no happy hour. O clima é intimista e o atendimento agrada os frequentadores.

  • Endereço: R. Nilo Peçanha, 1 – Praia dos Anjos.
  • Horário de funcionamento: de terça a domingo, a partir das 17h.
  • Valor de entrada: gratuito.

8. República Pub

Este é um dos poucos bares de Arraial e é o point de quem quer curtir até um pouco mais tarde. A casa tem música ao vivo, petiscos para compartilhar e, claro, cerveja gelada. O ambiente é fechado, mas conta com mesinhas do lado de fora, e atende com tranquilidade casais e grupos de amigos.

  • Endereço: R. Tókio, 76 – Praia dos Anjos.
  • Horário de funcionamento: sextas e sábados, das 20h às 2h.
  • Valor de entrada: gratuito.

9. Point Calamares

O Point Calamares é um restaurante à beira-mar com uma bela vista para a Praia Grande. Não há clima mais praiano do que curtir o pôr do sol sentindo a brisa do mar e ouvindo música ao vivo. O cardápio é variado, e entre as opções serve pratos, petiscos de frutos do mar e caipirinhas.

  • Endereço: Praia Grande.
  • Horário de funcionamento: às segundas, quartas e quintas, das 14h às 0h; sextas e sábados, das 12h à 1h; domingos, das 11h à 0h; fechado às terças.
  • Valor de entrada: gratuito.

10. Bacalhau do Tuga

O Bacalhau do Tuga é um dos restaurantes que precisam estar no seu roteiro gastronômico, seja para um almoço ou jantar. O cardápio é inspirado na gastronomia portuguesa e serve delícias como camarão, moqueca, bacalhau e uma imperdível farofa de coco. Entre as entradas famosas está o Prego no Pão, um suculento filé mignon no pão francês.

Se está em dúvida do que pedir, as simpáticas atendentes sempre estarão lá com as melhores indicações. O espaço conta com um charmoso terraço com vista para o mar.

  • Endereço: R. Santa Cruz, 3 – Praia dos Anjos.
  • Horário de funcionamento: de terça a quinta, das 17h às 23h; sexta, sábado e domingo, das 13h às 23h.
  • Valor de entrada: gratuito.

O que fazer em Arraial do Cabo com chuva?

Arraial costuma ter tempo bom o ano inteiro, e mesmo durante o período mais chuvoso – dezembro e janeiro – os volumes de chuva são baixos. Mas caso você esteja na cidade e se depare com essa situação, aproveite o tempinho para algumas atividades culturais.

11. Museu Oceanográfico

O Museu Oceanográfico reúne estudos do Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira, da Marinha Brasileira. Lá estão expostos equipamentos relacionados aos oceanos e organismos marinhos coletados na região. As maiores atrações são o esqueleto de uma orca de seis metros que morreu após ter encalhado em Cabo Frio em 1981, e o peixe-rei, capturado na Praia Grande em 1990.

  • Endereço: Praça Daniel Barreto s/nº – Praia dos Anjos.
  • Horário de funcionamento: de terça a sexta, das 9h às 17h; sábados e feriados, das 13h às 18h; durante a alta temporada (de novembro a fevereiro), das 14h às 19h.
  • Valor de entrada: R$ 3,00

12. Centro Cultural Manoel Camargo

O Centro Cultural está localizado no prédio da Prefeitura de Arraial do Cabo e conta com espaços onde acontecem apresentações musicais, teatrais e exposições. Há uma mostra permanente, onde estão artefatos da pesca de arrastão, que é tradição na cidade, pinturas, miniaturas e réplicas de grandes embarcações antigas. Também estão expostas obras de artistas do município, onde se resgata parte da cultura local, além de uma biblioteca com mais de 12 mil títulos que atende a moradores e turistas.

  • Endereço: Av. da Liberdade, s/nº – Centro.
  • Horário de funcionamento: segunda, quarta e sexta, das 8h às 22h; terça e quinta, das 8h às 21h30.
  • Valor de entrada: gratuito.

13. Casa da Poesia

A Casa da Poesia é um espaço charmoso e impossível de não ser notado. O lugar onde viveu o poeta brasileiro Vitorino Carriço hoje abriga uma biblioteca com mais de mil títulos. É um importante marco cultural da cidade e palco de saraus, rodas de choro, leituras de contos e poesias.

  • Endereço: R. Nilo Peçanha, 2 – Centro.
  • Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 9h às 19h; sábado, das 14h às 19.
  • Valor de entrada: gratuito.

14. Igreja Nossa Senhora dos Remédios

Bem próximo à Casa da Poesia está a Igreja Nossa Senhora dos Remédios, a padroeira da cidade. A igreja foi erguida em 1506 e foi a primeira do Brasil a realizar uma missa em ambiente fechado. A charmosa igrejinha fica ao lado do marco da chegada de Américo Vespúcio, descobridor das terras de Arraial do Cabo em 1503.

  • Endereço: R. Nilo Peçanha, s/nº – Centro.
  • Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 9h às 17h; sábado, das 9h30 às 17h; domingo, das 7h às 17h.
  • Valor de entrada: gratuito.

15. Casa da Piedra: Centro Cultural e Gastronômico

Na Casa da Piedra, um casarão histórico de Arraial e uma das primeiras construções do Brasil, funciona um charmoso Centro Cultural e Gastronômico. No local é servido café da manhã, almoço, bebidinhas e café em um ambiente tranquilo e agradável. Além disso, o visitante pode conferir exposições de artistas locais e conhecer mais sobre a cidade e, aos finais de semana, desfrutar de música ao vivo.

  • Endereço: R. Santa Cruz, 4 – Centro Histórico.
  • Horário de funcionamento: de segunda a quinta, das 12h às 17h; sexta, sábado e domingo, das 12h às 22h.
  • Valor de entrada: gratuito.

O que fazer em Arraial do Cabo a dois?

A cidade é um convite para os apaixonados curtirem o pôr do sol e ainda tem opção para fazer o amor durar para sempre! Espia só!

16. Mirante do Pontal do Atalaia

Quer apreciar um pôr do sol incrível em Arraial? Suba até o Mirante do Pontal do Atalaia! Ele está localizado dentro do Condomínio Pontal do Atalaia – mesmo caminho para quem vai às Prainhas – e a subida pode ser feita de carro ou caminhando.

Do alto, você tem uma vista incrível da cidade e a cena do sol se despedindo no mar é incrível. Tente chegar cedo para curtir todo o momento, pois o local é disputado, afinal, ninguém quer perder esse espetáculo na natureza!

17. Gruta do Amor

Próximo às Prainhas do Pontal do Atalaia fica a Gruta do Amor. Os passeios de barcos passam apenas na frente, mas se a maré estiver baixa, é possível entrar. Olhando de fora, parece apenas uma gruta e nada mais, mas a visão do lado de dentro é incrível. Para os apaixonados, corre uma lenda pelas ruas que o casal que entra lá sai apaixonado para sempre. Não custa tentar, né?

18. Mirante da Boa Vista

Este é mais um ponto estratégico para ver Arraial de cima e apreciar o pôr do sol com vista para a Praia Grande. O trajeto pode ser percorrido de carro ou a pé – a subida é um pouco íngreme, mas vale a pena. Por ser menos conhecido, não é tão frequentado como o Mirante do Pontal do Atalaia.

19. Restaurante Saint Tropez

O Saint Tropez é um dos restaurantes mais antigos da cidade e referência para quem quer comer bem. O restaurante de alma francesa é simples, porém acolhedor, bom para famílias e casais. A especialidade são frutos do mar, mas serve também carnes, aves, massas, e pizza. Tem mesinhas do lado de fora, perfeito para os dias de calor.

  • Endereço: Praça Daniel Barreto, 2 – Praia dos Anjos.
  • Horário de funcionamento: diariamente, das 10h à 0h.
  • Valor de entrada: gratuito.

20. Bairro da Passagem

O Bairro da Passagem está localizado na vizinha Cabo Frio, a apenas 10 minutos de carro do centro de Arraial. É um bate e volta que vale a pena para aqueles que querem desfrutar de melhores opções gastronômicas. Este é o bairro mais antigo da cidade, com ruas estreitas de paralelepípedos, prédios e casas tombados pelo Patrimônio Histórico.

A visita vale a pena tanto de dia, para apreciar o local, quanto à noite, já que o local é cheio de opções de bares e restaurantes para escolher.

O que fazer em Arraial do Cabo no fim de semana?

Além das praias, aproveite o clima de final de semana para conhecer outros cantos e mergulhar na cultura da cidade.

21. Centro Histórico

Antes de embarcar para as praias, dê uma volta pelo centro histórico da cidade, que fica na Praia dos Anjos. O passeio é uma viagem no tempo e te conta um pouco da história de Arraial. A caminhada leva pouco tempo.

No centrinho está a Igreja Nossa Senhora dos Remédios, construída em 1503, um pequeno obelisco que marca o ponto de chegada de Américo Vespúcio, e a Casa da Piedra, construída em 1506 pelos portugueses e considerada uma das primeiras feitorias do Brasil, e que hoje abriga um centro cultural e gastronômico.

22. Praça do Cova

A Praça Daniel Barreto de Marco, mais conhecida como Praça do Cova, é o ponto de encontro de Arraial. Todos os finais de semana e feriados o local é palco de pequenos shows e apresentações de DJs, por isso, costuma estar sempre cheio de moradores e turistas. Você pode conferir a programação no Facebook.

23. Festa Padroeira

No dia 18 de outubro é comemorado o dia de Nossa Senhora dos Remédios, padroeira de Arraial de Cabo. Para comemorar, todos os anos é realizado um evento que tem a duração de cinco dias e conta com a presença de diversas bandas católicas, incluindo artistas famosos, e missas. A festa acontece na paróquia, na Praia dos Anjos, e no Estádio Barcelão, atraindo famílias da cidade e turistas. A dica é ficar de olho no Facebook da prefeitura para saber em qual data o evento vai acontecer e quais as atrações.

24. Praia dos Anjos

Para quem chegou na cidade e já quer um final de semana inesquecível, a Praia dos Anjos é o ponto de partida. A praia está localizada na região central e é sempre muito movimentada, pois é de lá que partem os passeios de escuna das agências para a Praia do Farol e outras. Então, se o seu destino é passear de barco pelas praias e conhecer de perto a vida marinha de Arraial, este é o caminho.

25. Restaurante Flutuante

O Restaurante Flutuante é uma atração à parte e uma experiência para quem vai a Arraial. Localizado na Praia do Forno, o visitante pode desfrutar de um variado cardápio de comida praiana sem sair do mar, enquanto observa peixinhos e tartarugas nadando ao redor. Na saída, é possível se despedir com um delicioso mergulho. O acesso é feito através de barco-táxi ou caiaque alugado na beira da praia.

É difícil não se apaixonar por Arraial do Cabo. E agora que você já sabe como aproveitar, é só esperar o próximo feriado, arrumar as malas e partir para o paraíso!

PARA VOCÊ