Linhas de Nazca: como conhecer as misteriosas figuras peruanas

Escrito por Sheila Almendros

Uma viagem ao Peru pode ficar ainda mais divertida se você incluir no roteiro uma visita às linhas de Nazca. A atividade, que pode ser feita em um dia, permite que o turista sobrevoe o deserto, e aviste as figuras mais inusitadas e curiosas da América do Sul.

Durante muitos anos, a história das linhas de Nazca foi envolta de muitos mistérios e teorias, chamando a atenção de diversos turistas com espírito aventureiro e também arqueólogos do mundo todo. Mesmo depois de ter a sua real história descoberta, o interesse das pessoas pelo local continuou crescendo, transformando o deserto em um dos pontos turísticos mais visitados do Peru.

O que são as linhas de Nazca?

IStock

As Linhas e Geóglifos de Nazca são compostas por diversas figuras, criadas pela civilização de Nazca entre 400 e 650 d.C., segundo os historiadores. Eleita como Patrimônio Mundial pela UNESCO em 1994, elas foram confeccionadas em linhas rasas no próprio solo, e estão espalhadas pelos 80 km de alto planalto árido, entre as cidades de Nazca e Palpa nos Pampas de Jumana.

Onde ficam as linhas de Nazca?

O conjunto de geóglifos antigos está localizado no deserto de Nazca, no sul do Peru. De Lima até lá são 449 km — uma viagem de carro entre as duas cidades demora cerca de 8 horas.

6 curiosidades e teorias sobre a linha de Nazca

  1. Até pouco tempo atrás as pessoas acreditavam que as linhas de Nazca tinham sido confeccionadas por ETs. Mas esta teoria caiu por terra rapidamente, quando estudos realizados mostraram que diversas ferramentas e peças de cerâmica com os mesmos formatos dos desenhos foram encontrados bem próximos das linhas.
  2. As figuras confeccionadas no deserto variam entre linhas geométricas, esboços de beija-flor, aranha, macaco, tubarões, lhamas, lagartos, macacos entre outros formatos, de até 270 metros de diâmetro.
  3. Há diversas teorias sobre o significado das linhas, que vão desde motivos religiosos, calendários astronômicos, indicação do fluxo de água na região e até mesmo rituais para convocar água e fertilidade no deserto.
  4. O Deserto de Nazca é um dos mais secos do mundo, e o clima árido e a falta de ventos na região colaboraram para que as linhas permanecessem intactas por todos esses anos.
  5. A técnica utilizada para a confecção das figuras foi das mais simples: com a escavação das linhas, a terra de cor clara do solo do deserto apareceu após a extração do cascalho avermelhado da superfície, e o contraste dessas cores é o que destaca cada desenho.
  6. Antigamente, os moradores de Nazca decapitavam pessoas para rituais religiosos, armazenando cabeças mumificadas como troféus. Alguns arqueólogos já encontraram muitas dessas cabeças enterradas próximas aos desenhos.

Como conhecer as linhas de Nazca

Conhecer as curiosas linhas de Nazca pode ser uma experiência inesquecível, porém exigirá um certo investimento e paciência. Algumas agências em Lima vendem a excursão “Nazca por um dia”, que variam de preço de acordo com o tipo de pacote que você escolher. São eles:

  • De ônibus: Saída de Lima às 3h45min (sim, da manhã!). São 7 horas de estrada até Nazca + meia hora de voo sobre as linhas + 7 horas de viagem de volta, a US$ 195 por pessoa.
  • De carro privativo: O itinerário é o mesmo feito pelo ônibus, a US$ 375 por pessoa.
  • De Lima a Pisco: Neste pacote, a agência oferece viagens de ônibus (a US$ 345 por pessoa) ou carro (US$ 560 por pessoa) até Pisco (cerca de 3 horas e meia de viagem), com voo partindo da base aérea da cidade até as linhas de Nazca. Esta viagem de teco teco dura 1 hora e 40 minutos.

10 fotos das linhas de Nazca que vão te impressionar

Confira os registros mais incríveis de viajantes que já estiveram em Nazca:

1. A paisagem do deserto é impressionante

2. Que tal conferir as linhas mais de pertinho?

3. O macaco de rabo em espiral parece ser enorme

4. … e percebe-se que ele faz parte de um desenho um pouco mais complexo

5. Já que há diversas linhas próximas a ele

6. O que aquela aranha está fazendo ali?

7. O macaco foi desenhado em uma área mais alta

8. É uma flor ou um enorme catavento?

9. Um passarinho com patas gigantes bem próximo de uma árvore

10. Enquanto um sapo espia tudo aquilo do outro lado da estrada

11. Olha lá um beija-flor

12. Alguém se arrisca a dizer o que representa esta figura?

E aí? Está pronto para adicionar esta aventura à sua bagagem cultural? A sua viagem à Machu Picchu pode ficar ainda mais interessante incluindo este passeio inesquecível ao roteiro!

PARA VOCÊ