10 lugares incríveis para visitar na Toscana

Por
Atualizado em 21.01.20

A Toscana, na Itália, é sem dúvidas um dos destinos mais procurados na Europa. Considerada uma das maiores regiões do país em relação ao território e número de habitantes, ela é composta por dez províncias. São elas: Florença, Arezzo, Siena, Pisa, Livorno, Lucca, Grosseto, Pistoaia, Prato e Massa-Carrara.

Publicidade

Além de ser um local extremamente romântico, lá podemos encontrar uma variedade de paisagens deslumbrantes, cidades no alto das colinas, castelos, ruelas e histórias medievais, obras de arte, ótima gastronomia, vinícolas para os amantes de vinho, campos repletos de papoulas e girassóis, e até mesmo um belo litoral.

Confira abaixo quais lugares são imperdíveis e que você não pode deixar de conhecer!

1. Ponte Vecchio, Florença

Localizada sobre o Rio Arno, a Ponte Vecchio é a mais antiga da cidade e conhecida mundialmente por ser ocupada com diversas joalherias, cujas mercadorias vão desde peças caríssimas até souvernirs mais baratinhos. Além disso, muitos ainda seguem uma tradição quando passam por lá. Em torno da estátua de Benvenuto Cellini, artista renascentista, que fica localizada no centro da extensão da ponte, os casais fecham cadeados com suas iniciais e jogam a chave no rio, para que fiquem juntos para sempre. Parada obrigatória em Florença!

2. Montepulciano, província de Siena

Se você não dispensa uma boa taça de vinho, Montepulciano, em Siena, é o seu lugar! Por lá você pode passar um dia inteiro andando pelas ruas medievais da pequena cidade, enquanto saboreia deliciosos vinhos, queijos e carnes. Há também elegantes palácios renascentistas, praças bonitas e aconchegantes, além de igrejas antigas. Nos últimos anos, aumentou significativamente o número de turistas no local, devido às filmagens do filme Lua Nova, sequência do Crepúsculo.

3. Torre de Pisa, Pisa

A Torre de Pisa é outro local obrigatório para uma parada, já que é um dos maiores monumentos da Itália. Ela é um campanário localizado atrás da Catedral da cidade de Pisa que ficou conhecida, principalmente, por ser torta, devido ao seu terreno de argila e areia, materiais pouco firmes para sustentar uma edificação com tamanha grandiosidade. No ano de 1987, a torre foi declarada como Patrimônio Mundial da UNESCO.

Neste mesmo dia, você pode aproveitar para conhecer Lucca, já que o acesso por trem entre as cidades é muito fácil. Por lá, conheça a muralha de 4 km de extensão que envolve sua área central e faça passeios agradáveis como tomar um sorvete no centro histórico e andar de bicicleta.

4. Piazza del Duomo, Florença

A Piazza del Duomo, ou Praça da Catedral, é uma grande praça pública situada no centro histórico da cidade de Florença. Por lá, os turistas ficam deslumbrados com a vista dos monumentos, arquitetura, e beleza do local e seus arredores.

Dentre os principais pontos de interesse estão o Duomo de Florença, o Campanário de Giotto, o Batistério de São João e o Museo dell’Opera del Duomo. Além disso, você pode aproveitar uma variedade de lojas, restaurantes e docerias nas proximidades.

Publicidade

5. San Miniato, província de Pisa

Localizada no alto de uma colina, San Miniato é uma cidade medieval conhecida mundialmente pela “caça às trufas”, fungo considerado um “diamante” gastronômico, que fica escondido em bosques, próximo a raízes de árvores como salgueiros e carvalhos. Após encontrar as trufas, acontece uma degustação acompanhada de muita bebida. Por lá encontra-se também arte florentina e pisana, vinho doce e frutado, e claro, o incrível silêncio de suas colinas. Vale a pena conhecer!

6. Piazza del Campo, Siena

A Piazza del Campo é considerada o símbolo e o coração da cidade de Siena. Nela acontecem diversos eventos e festivais, como o Palio di Siena, por exemplo, onde ocorre todo ano (em julho e agosto) uma corrida de cavalos disputada pelo bairros da região. Ela é também o local onde turistas e moradores aproveitam para relaxar, seja aproveitando o sol ou apenas vendo o movimento.

Os principais monumentos da Piazza del Campo são o Palazzo Pubblico e sua Torre del Mangia, que complementam a beleza da praça e os elegantes palácios que a circundam. Para completar, há também a charmosa Fonte Gaia, que conta com indícios renascentistas e é toda adornada de esculturas.

7. Galeria dos Ofícios, Florença

Também denominada Galleria degli Uffizi, a Galeria dos Ofícios, em Florença, é um dos museus mais antigos e famosos do mundo, que passou por diversas transformações ao longo dos anos e hoje conta com teatro, obras de arte, tribuna, salas específicas entre outros.

Um dos destaques do museu são as diversas estátuas espalhadas pelo local, cada uma contando um pouco da história de Roma Antiga, além de obras-primas como os quadros de Botticelli e obras do Michelangelo.

8. Basílica de São Francisco, Arezzo

São Francisco de Assis é conhecido como protetor dos pobres e doentes e também patrono dos animais e da natureza. Se estiver de passagem por Arezzo, vale a pena conhecer a Basílica de São Francisco, dedicada ao santo. Localizada na praça que leva seu nome, a basílica foi erguida no século XIII.

9. Ilha de Elba, província de Livorno

A Ilha de Elba, em italiano Isola d’Elba, é a maior do arquipélago toscano, com 223 km², considerada um ótimo destino de turismo no verão devido à sua beleza natural. Nela encontram-se hotéis, campings, apartamentos e muito mais.

Além disso, a ilha é o mais abundante centro mineral da Toscana e, por isso, a cor de suas praias muda variando ao mineral da zona, podendo-se ver praias brancas, verdes, castanhas, entre outras. Para os amantes do mar, lá é um excelente lugar para mergulhar e há também um museu do fundo do mar, com estátuas de mármore branco carrara.

10. Palazzo Piccolomini, Pienza

O famoso Palazzo Piccolomini, ao lado da catedral em Pienza, faz sucesso com seu terraço em um maravilhoso jardim suspenso, onde você pode admirar paisagens deslumbrantes sobre Val d’Orcia Valley, de Montalcino para o Monte Amiata. Ele também é conhecido mundialmente por ter sido palco de algumas cenas do filme romântico Romeo e Julieta, de Franco Zeffirelli, sendo o local do primeiro encontro entre os dois amantes.

Publicidade