Serra da Cantareira: visite a maior floresta urbana do mundo

Escrito por Bruno Mendes

Localizada a 27 km da capital paulista, a Serra da Cantareira é um destino turístico perfeito para o viajante que ama a natureza. Com cachoeiras, áreas para trilhas e aquele delicioso clima de montanha, o local também contempla restaurantes de alto nível. Veja como é fácil se apaixonar por tanta beleza.

Continua após o anúncio

Como chegar à Serra da Cantareira

Saindo de São Paulo de carro, o viajante deverá ir pela Marginal Tietê até a Rodovia Presidente Dutra. De lá, guiará até a Fernão Dias, de onde vai subir sentido Mairiporã até chegar ao destino.

Caso a ideia for deixar o veículo na garagem, saiba que saem ônibus para a região da Serra da Cantareira de diferentes pontos de São Paulo.

O que fazer na Serra da Cantareira

Na expectativa para relaxar, fazer trilhas e se divertir nas quedas d’águas? Esses são os principais atrativos dessa encantadora região de São Paulo.

Parque Estadual da Cantareira

O Parque Estadual da Cantareira é um paraíso para amantes de ecoturismo. São quase 8 mil hectares (o que equivale a 8 mil campos de futebol) de mata atlântica, com um repertório paisagístico de deixar qualquer um impressionado. O parque é dividido em diferentes núcleos e cada um deles oferece uma série de atividades de lazer.

Núcleo Engordador

Nesse trecho do parque, o visitante poderá percorrer uma trilha para bicicleta e duas para caminhadas (Trilha da Cachoeira e Trilha do Macucu). No percurso de mais de 3 km, há três quedas d’águas e a Casa das Bombas: uma estrutura, construída no final do século XIX, que servia para o abastecimento de água de São Paulo.

Núcleo Pedra Grande

O Núcleo Pedra Grande foi aberto em 1989 e abrange quatro trilhas. Uma delas – a trilha da Pedra grande – tem 9500 metros, os quais são feitos em áreas planas e subidas. No ponto mais alto, situado a 1.1010 m, o aventureiro terá uma panorâmica nota 10 da capital paulista e ainda vai poder visitar o Museu da Pedra Grande, um espaço que dispõe de diferentes tipos de rochas e animais empalhados.

Núcleo Cabuçu

Inaugurado em 2008, o Cabuçu é o mais novo e maior núcleo de todo o parque. Em admirável área de mata atlântica preservada, o visitante poderá fazer piqueniques e passar por trilhas de diferentes intensidades, sendo que a mais bacana é a Trilha da Cachoeira.

Pico do Jaraguá

Vale sair um pouco da Serra da Cantareira e seguir para o Parque Estadual do Jaraguá. Com vegetação abundante e ótima infraestrutura, a atração também conta com o pico mais alto de São Paulo. O Pico de Jaraguá tem 1.135 metros e, do alto de um mirante, você poderá observar a selva de pedras e todas as belezas naturais do entorno por uma perspectiva única.

Continua após o anúncio

Gostou? Então prepare-se para tirar muitas fotos em cada pedacinho desse paraíso.

Dicas para quem vai visitar a Serra da Cantareira

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a Serra da Cantareira, confira algumas recomendações simples e bem eficazes para cada minuto do passeio ser ainda mais especial.

  • Durante o ano, a temperatura na Cantareira varia entre 12°C e 28°C e o melhor período para visitar é de abril a início de junho, quando o clima está mais quente e há menos possibilidade de chuva.
  • Utilize roupas leves, protetor solar e, durante as caminhadas, leve sempre lanches e água.
  • Não dê bobeira. Acorde cedo para aproveitar todas as mostras naturais o maior tempo possível.
  • Para contribuir com a preservação do local, não jogue lixo no chão e nem alimente os animais pelo caminho.
  • As trilhas são muito seguras, mas como existe mata fechada, é possível encontrar alguns animais venenosos pelo caminho, como aranhas e cobras. Fique atento.

Restaurantes na Serra da Cantareira

Excelente notícia para quem ama comer bem em passeios: a região da Serra da Cantareira conta com restaurantes impecáveis. Destacamos cinco opções:

Mercearia do Prosa

Com decoração retrô que remete ao clima simples da roça, esse restaurante é especializado em comida caipira servida no fogão à lenha. Prove diferentes tipos de arroz, feijoada com torresmo, nhoques, saladas e muito mais.

  • Endereço: Av. Ver Belarmino Pereira de Carvalho, 5555 – Belópolis, Mairiporã – SP.
  • Horário de funcionamento: abre de segunda a sexta das 11h30 às 16h e sábado e domingo das 11h30 às 17h.

O Velhão

O restaurante Velhão possui nada menos que oito ambientes decorados com estilo e, é claro, oferece pratos saborosos. Pagando um preço único é possível comer o que quiser, entre churrascos e massas. Com boa carta de cervejas artesanais e pizzas deliciosas, o estabelecimento também conta como uma cafeteria, um mirante, floricultura e até uma lojinha de objetos artísticos.

  • Endereço: Estr. Santa Inês, 3000, Mairiporã – SP.
  • Horário de funcionamento: abre de segunda a sexta das 12h às 17h e sábado e domingo das 9h às 11h30 e das 12h às 16h.

Empório da Serra

Os ares rústicos e românticos tornam o Empório da Serra um local perfeito para uma boa refeição no início da noite. Lá, o visitante irá saborear hambúrgueres diferenciados, boa variedade de fondues, chocolate quente e também receitas com massas e carnes.

  • Endereço: Av. Serra da Cantareira, 13, Mairiporã – SP.
  • Horário de funcionamento: abre quarta e quinta das 18h às 23h e de sexta a domingo das 18h às 02h.

Santa Esfiha

O Santa Esfiha é o estabelecimento perfeito para quem não resiste aos sabores árabes. Reserve um dia para provar os quibes, tabules de trigo ou quinoa, esfirras, kaftas e outras surpresinhas de dar água na boca.

  • Endereço: R. Jose Gianesella, 500 loja 4 – Pq. Imperial, Mairiporã – SP.
  • Horário de funcionamento: abre de terça a domingo das 12h às 22h.

Dib Restaurante

Café da manhã colonial, um self-service sem defeitos e muita história. Inaugurado em 1980, o Dib é um dos restaurantes mais tradicionais da Serra da Cantareira e encanta tanto pela qualidade das receitas, quanto pela infraestrutura.

Dica: programe-se para conhecer estes e outros restaurantes da Serra da Cantareira. Logo você vai confirmar que a qualidade da gastronomia por lá é inquestionável.

Vídeos sobre a Serra da Cantareira

Dá uma conferida nestes lindos registros feitos por quem adorou o passeio pela Serra da Cantareira.

Uma tour bem interessante pelo Núcleo Pedra Grande

Informativo e cheio de imagens bonitas, o vídeo mostra como é interessante a aventura natural pelo parque paulista. Assista até o fim e você já estará bem familiarizado com algumas trilhas ao chegar à Serra da Cantareira.

Que tal um banho de cachoeira?

Um passeio familiar, para todas as idades. Difícil não sentir vontade de curtir a cachoeira depois de assistir a esse vídeo.

Chegou a sua vez de ligar a câmera e mostrar para todo mundo as belezas naturais de São Paulo.

Mais fotos da Serra da Cantareira para você antecipar as férias

Fique com mais alguns cliques da maior floresta urbana do planeta.

1. Muito verde, flores exóticas e ar puro

2. Fuja um pouquinho da selva de pedras

3. E seja agraciado com presentes deste nível

4. Caminhar na mata é terapêutico

5. Ah, este céu!

6. Depois da trilha, a recompensa

7. Veja São Paulo por um ângulo novo

8. Um bom ambiente para recarregar as energias

9. E saborear algumas delícias gastronômicas

10. Vai ser fácil conseguir tirar fotos inspiradoras

11. Pois são muitos os lugares cinematográficos

12. Vá e confira com seus próprios olhos!

Pronto para muitas andanças na mata, banhos de cachoeira e boas experiências gastronômicas?

Se na sua próxima aventura natural, pelo estado mais rico do Brasil, a ideia for curtir o mar, vale visitar cada uma destas praias de São Paulo. Descubra todos os encantos desse litoral.