Braga, Portugal: pontos turísticos que devem ser visitados

Escrito por Flávia Resende

Localizada ao norte de Portugal, Braga é um dos destinos portugueses com patrimônio histórico mais ricos no país. É a cidade mais antiga de Portugal e, devido à quantidade de jovens que moram por lá para estudar em universidades, ganhou o título de Capital Europeia da Juventude em 2012.

A terceira maior cidade de Portugal é também conhecida pela riqueza de sua arquitetura barroca, festivais e festas famosas. A cidade impressiona pela quantidade de igrejas, jardins e praças por metro quadrado.

Mapa de Braga

Conhecida por suas construções, monumentos e jardins históricos, a cidade de Braga, em Portugal, mistura construções antigas e igrejas, com toques modernos de bares, restaurantes e universidades.

O que fazer em Braga

A cidade tem um centro histórico pequeno, tornando fácil conhecer vários lugares a pé. Conheça 10 dos principais pontos turístico de Braga.

1. Santuário do Bom Jesus do Monte

Parada obrigatória para quem visita Braga, o santuário é um dos principais e mais visitados pontos turísticos da cidade. Várias igrejas foram construídas inspiradas em seu estilo e sua grande escadaria.

O santuário é formado pela Igreja do Bom Jesus, o elevador do Bom Jesus e um parque. Para chegar até a igreja é necessário subir os 573 degraus ou usar o elevador funicular, que vai da parte alta de Braga até o santuário. No parque há jardins, lagos (um deles com barcos para alugar), parque infantil, mesas para piquenique, restaurantes e outras estruturas.

  • Endereço: Estrada do Bom Jesus, Tenões.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: o santuário está sempre aberto. A igreja fecha às 19h.

2. Palácio do Raio

Construído entre 1752 e 1755 em estilo barroco e rococó, o palácio foi restaurado em 2015. Os tetos das dez salas do palácio têm desenhos coloridos e com muitos detalhes combinando com a arquitetura do local e com as peças em exposição (esculturas, pinturas, peças de vestuário, arte sacra e documentação).

Outro detalhe que encanta no palácio é sua escadaria central, rodeada por azulejos portugueses azuis e brancos.

  • Endereço: Braga Norte, 920.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: terça a sábado, 10h às 13h e das 14h30 às 18h30.

3. Parque Nacional da Peneda-Gerês

Composto pela Serra da Peneda e a Serra da Gerês, esse é o único parque nacional de Portugal. Paraíso para os amantes da natureza, a área possui alguns mirantes de onde é possível admirar toda a região. O destaque fica para a Pedra Bela, com 830 metros de altura.

Entre mais de 100 aldeias, suas principais atrações são a Ponte Misarela, o Santuário Nossa Senhora da Peneda, o Castro Laboreiro e a Cascata do Arado.

  • Endereço: R. Conde Dom Henrique, Guimarães.
  • Horário de funcionamento: todos os dias das 10h às 18h.

4. Sé de Braga

A igreja, cuja construção começou em 1509, foi fundada antes mesmo da fundação de Portugal (1910). Entre suas várias riquezas culturais está o túmulo de madeira, em talhe gótico-flamengo, pertencente ao Infante Dom Afonso, filho do rei Dom João I e de Dona Filipa de Lencastre.

No local também se encontra o Tesouro-Museu da Sé de Braga, fundado em 1930, onde está uma relíquia levada por Pedro Álvares Cabral: a cruz da primeira missa celebrada no Brasil.

  • Endereço: R. Dom Paio Mendes.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: todos os dias das 8h30 às 18h30.

5. Jardim de Santa Bárbara

Com flores de várias espécies e cores, o jardim está localizado na Freguesia da Sé, no centro histórico de Braga, em frente à igreja Sé de Braga. Ao fundo dos canteiros de flores bem cuidados encontra-se o Paço Episcopal Bracarense. Em meio ao jardim fica uma fonte com uma estátua da santa que dá nome ao jardim, Santa Bárbara.

  • Endereço: R. Dr. Justino Cruz 127 – centro.

6. Museu dos Biscainhos

Localiza-se perto do centro histórico da cidade. É uma casa senhorial onde se pode conhecer um pouco mais sobre a história de Portugal e sua cultura.

Em exposição, azulejos com cenas cotidianas, peças em ouro, móveis, pinturas em tela e no teto, louças, entre outros. No interior do museu há também um chafariz, varandas e um pequeno jardim.

  • Endereço: R. dos Biscainhos, s/n.
  • Valor de entrada: 2 euros para maiores de 14 anos. Professores, aposentados e jovens de 15 a 25 anos pagam 1 euro.
  • Horário de funcionamento: terça a domingo das 10h às 12h30 e das 14h às 17h30.

7. Santuário do Sameiro

Localizado no ponto mais alto de Braga, o santuário também reserva uma vista panorâmica incrível da cidade.

O santuário é formado pela Basílica, onde fica a imagem de Nossa Senhora com uma coroa de 2,5 quilos de ouro, que foi benzida pelo Papa Pio IX, após ser trazida de Roma; uma cripta inaugurada em 1979, praças, jardins e a escadaria.

  • Endereço: Av. Nossa Sra. do Sameiro, 44.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: segunda a sábado, das 7h30h às 18h e domingo das 6h30h às 18h (de outubro a maio). Segunda a sábado, das 7h30 às 10 e domingo das 6h30 às 20h (junho a setembro).

8. Museu da Imagem

Gosta de fotografia? Então não deixe de colocar o Museu da Imagem em seu roteiro turístico ao visitar Braga. O museu tem três salas que abrigam exposições internacionais de fotografias e antigos equipamentos fotográficos. Além de fotos da Braga antiga, tem exposições temáticas.

Visitar o museu é viajar no tempo através do mundo da fotografia!

  • Endereço: Campo das Hortas, 35.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: terça a sexta, das 11h às 18h30. Sábado e domingo, das 14h30 às 18h30.

9. Rua do Souto

Entre tantas visitações é bom reservar um tempo para as compras. A Rua do Souto é fechada para veículos, o que facilita a locomoção por suas diversas lojas, onde é possível encontrar um comércio variado que vende desde souvenirs a preços baixos até roupas de grifes famosas.

Vários bares e restaurantes ficam abertos para atender ao público durante o dia e a noite.

  • Endereço: R. Conde Dom Henrique, Guimarães.

10. Chafariz dos Castelos

Localizado no centro histórico de Braga, o chafariz foi construído em 1723 por ordem do arcebispo D. Rodrigo de Moura Telles. No alto do chafariz há uma estátua de uma mulher que, segundo os habitantes locais, simboliza a cidade. De fácil localização, ao seu redor ficam vários pontos turísticos de Braga.

  • Endereço: Largo do Paço.
  • Horário de funcionamento: todos os dias das 10h às 18h.

Dicas de quem já foi a Braga

Confira dicas do que visitar, como se locomover e curiosidades sobre a cidade de Braga dadas por quem já esteve por lá.

Chegando a Braga

No vídeo, Cris mostra sua viagem para Braga, que faz parte do projeto Um País por Mês. Além de mostrar os pontos turísticos, ela também dá informações históricas sobre os locais.

Centro e mais alguns pontos turísticos

No vídeo, Vanessa mostra o centro histórico da cidade e os principais pontos de visitação. Ela conta várias curiosidades sobre a cidade que deixam tudo ainda mais interessante.

Centro histórico e Bom Jesus do Monte

Esse vídeo mostra algumas igrejas e outras figuras comuns da Igreja Católica. Você ainda vai ficar por dentro de algumas curiosidades que realmente chamam muita atenção.

Os vídeos aumentam a vontade de embarcar para Braga, não é mesmo? Aproveite para indicar outros vlogs interessantes para quem vai viajar para Portugal.

Braga: clima

Não gosta do frio? Ou do calor? Então saiba qual é o momento ideal para você visitar Braga.

Primavera

  • Temperatura mínima: 12 ºC
  • Temperatura máxima: 20 ºC
  • Precipitação: a chuva não é frequente, mas a média de pluviosidade vai de 60 mm em março até 35 mm em junho.

Verão

  • Temperatura mínima: 14 ºC
  • Temperatura máxima: 28 ºC
  • Precipitação: quase não chove.

Outono

  • Temperatura mínima: 10 ºC
  • Temperatura máxima: 20 ºC
  • Precipitação: os meses mais chuvosos são novembro e dezembro, com chuvas a partir 80 mm de precipitações.

Inverno

  • Temperatura mínima: 5 ºC
  • Temperatura máxima: 14 ºC
  • Precipitação: com precipitação e de céu parcialmente encoberto.

De acordo com o seu perfil de viajante, qual a melhor estação para viajar a Braga?

Braga: 10 fotos de pontos turísticos que merecem ser visitados

Quer mais motivos para visitar Braga? Vamos lá!

1. Bela arquiteturas para se visitar

2. Mesmo em dias chuvosos Braga não perde seu encanto

3. O letreiro é parada obrigatória dos turistas

4. Um pôr do sol inesquecível

5. Não deixe de incluir a vista panorâmica da cidade em seu roteiro

6. Como não se apaixonar por Portugal?

7. Cultura e lazer em um só lugar

8. Uma sensação de aconchego enquanto a noite cai

9. Em cada esquina, uma surpresa

10. Uma pausa para relaxar e recarregar as energias

Está esperando o que para visitar Braga? Motivos não faltam para conhecer essa cidade portuguesa que acolhe muito bem os estrangeiros e tem uma infraestrutura que faz com que ela não seja apenas uma das melhores cidades de Portugal para visitar, mas também para viver.

PARA VOCÊ