Se apaixone pelas belezas do Lago Paranoá, o mar de Brasília

Por                                
Em 04.05.21

O Lago Paranoá está localizado na capital brasileira. Por isso, podemos dizer que ele é um cartão postal federal. Esse lugar é ideal para quem quer relaxar e se refrescar. Assim, veja todas as nossas dicas para aproveitar o famoso lago de Brasília!

Continua após o anúncio

Onde fica e como chegar ao Lago Paranoá

Esse lago está localizado em Brasília. Com seus 48 km2 de área e 80 km de perímetro, há quem diga que o mar nem faz falta! Há muitas maneiras de acessar o Lago Paranoá, em que cada ponto da orla do lago pode ser acessado de uma forma. Porém, um dos principais locais com vista para boa parte da água é a ponte JK. Cujo acesso é feito pela SCES Trecho 2.

O que é e história do Lago Paranoá

Esse lago foi idealizado no fim do século XIX por uma expedição responsável por mapear o Planalto Central e decidir a região que abrigaria a nova capital federal. Assim, a ideia foi colocada em prática quando Brasília foi construída, durante o governo de Juscelino Kubitschek. Isto é, apenas no ano de 1959.

O lago é formado pelo represamento das águas do rio Paranoá. Isso aconteceu para que a usina hidrelétrica que alimenta o Distrito Federal fosse construída. Além disso, o nome “Paranoá” é um vocábulo de origem tupi. Dessa maneira, ele une os termos paranã (“mar”) e kûá (“enseada”). Isto é, significa “enseada de mar”.

O que fazer no Lago Paranoá

Brasília não precisa de mar porque já tem o Lago Paranoá. Dessa forma, esse lago substitui muito bem o oceano no que diz respeito à diversão e beleza. Por isso, selecionamos sete atividades para você aproveitar ao máximo esse ponto turístico da federação. Confira:

1. Pontão do Lago Sul

Inaugurado em 2002, mas já é tradicional na orla do Lago. É um condomínio de lazer e possui diversos restaurantes e sorveterias. Além da gastronomia e da música, é possível alugar caiaques e pranchas de stand up paddle. Além disso, é um ponto disputado para quem quer tirar fotos profissionais.

2. Calçadão da Asa Norte

O nome é autoexplicativo. Por isso, no Calçadão é possível alugar caiaques e stand up paddles. Nesse local, pessoas com som automotivo costumam se reunir. Por isso, não é indicado para quem busca sossego e silêncio.

3. Península dos Ministros

Essa atividade é ideal para quem quer praticar exercícios em uma pista confortável que vai até o Pontão. Contudo, é preciso contar um pouco com a sorte. Porque é comum que esse ponto esteja fechado devido a um pedido dos moradores locais.

4. Parque das Garças

Quem busca sossego pode ir para o Parque das Garças. Esse lugar é um dos pontos menos frequentados do Lago Norte. Além disso, esse ponto é ideal para levar o cachorro para brincar ou descansar à sombra das inúmeras árvores.

5. Ermida Dom Bosco

É o lugar mais antigo na orla do Lago. Assim, ele conta com uma capela projetada por Oscar Niemeyer. Além disso, também há uma prainha e um mirante. Esse ponto é muito frequentado por skatistas.

6. Parque Ecológico das Copaíbas

Inaugurado no fim de 2019, ainda é pouco frequentado. Por isso, é ótimo para quem busca um lugar mais reservado. No Parque é possível fazer trilhas, caminhar e andar de bicicleta. Além disso, a entrada é gratuita.

7. Parque Asa Delta

Além das atividades comuns como caminhar, remar e correr, também é possível se aventurar no ar. No Parque Ecológico Anfiteatro Natural do Lago Sul, ou o Parque da Asa Delta, foi construído um morro artifícial destinado à prática da asa delta. Essa a atração perfeita para quem busca esportes radicais e paisagens de tirar o fôlego.

Com todas essas atividades se engana quem acha que a capital federal é lugar apenas para pessoas com roupa social. Por isso, para conhecer um pouco mais do mar de Brasília, veja algumas curiosidades sobre o Lago.

Curiosidades sobre o Lago Paranoá

Que o Lago Paranoá é cartão postal de Brasília todo mundo sabe. Porém, existem algumas curiosidades que são interessantes. Com elas, você pode conhecer um pouco mais do local e, também, ter assunto para conversar. Assim, selecionamos sete curiosidades. Veja:

  • O Lago Paranoá é um lago artificial formado pelo represamento das águas do rio de mesmo nome.
  • Ele foi criado com o intuito de aumentar a umidade relativa do ar na região do Planalto Central e, também, da capital federal.
  • Sua profundidade média é de 12 metros. Porém, o ponto mais fundo está a 38 metros da superfície.
  • É possível nadar nas águas do lago. Porém, deve-se atentar às normas de segurança.
  • O Lago nasceu antes de Brasília. Assim, os arquitetos que participaram do concurso para o Plano Piloto puderam construir uma cidade ao redor do lago.
  • Quando as barragens do rio Paranoá foram fechadas, Juscelino Kubitschek tinha 57 anos.
  • Uma vila dos operários que trabalhavam na construção de Brasília foi inundada durante a cheia do Lago. Essa é a Vila Amaury.

Com tantas curiosidades fica difícil não querer conhecer esse lago tão famoso, não é mesmo? Por isso, veja alguns vídeos sobre ele para ficar com um gostinho de quero mais.

Vídeos sobre o mar de Brasília

Nada melhor que conhecer um pouco mais o seu próximo destino. Por isso, escolhemos três vídeos que mostram um pouco mais sobre o Lago que é conhecido como o mar de Brasília. Acompanhe:

A cidade submersa em Brasília

A Vila Amaury era uma vila dos operários que trabalhavam na construção de Brasília. Infelizmente, ela foi submersa na cheia do Lago Paranoá. Há pessoas que afirmam que foram avisadas. Contudo, outras dizem que a inundação foi repentina. O canal Minhabsb conta um pouco mais da história dessa cidade sob as águas.

A história do mar de brasília

Muita gente sabe a história da construção de Brasília. Isso já rendeu até uma novela. Porém, pouca gente conhece a história do mar dos brasilienses. Por isso, o canal Tesouros do Brasil conta como esse paraíso artificial foi construído no meio do Plantalto Central.

Pescaria no Lago Paranoá

Apesar de ser um lago artificial, é possível praticar a pesca esportiva no Lago de Brasília. Por isso, veja como foi a experiência do Kayakero do DF durante uma pescaria de quatro horas.

Não é atoa que esse Lago receba o título de mar de Brasília. Além disso, com certeza, você está com vontade de ver um pouco mais desse mar. Assim, veja mais detalhes desse lugar maravilhoso.

12 fotos do Lago Paranoá para se apaixonar agora mesmo

Quem não gosta de conhecer um pouco mais do destino antes de viajar? Por isso, escolhemos 12 fotos incríveis do mar dos brasilienses. Assim, você pode ter certeza que se apaixonou por esse lugar.

1. O Lago Paranoá é imenso

2. Tanto em tamanho quanto em beleza

3. O nascer do Sol deixa o Lago com cores únicas

4. Além disso, o remo é um esporte comum aqui

5. Tudo sob os olhos da ponte JK

6. Dá até vontade de remar um pouco

7. Pedalar na próximo à ponte JK é um passeio único

8. Afinal, ela é o cartão de visitas para o Lago

9. Além disso, a orla do Lago Paranoá é perfeita para um piquenique

10. O pôr do Sol é igualmente incrível

11. Assim, o céu abraça o mar de Brasília

12. Torando o seu passeio inesquecível!

Incrível. Não é? Há quem diga que o Egito tem o Rio Nilo enquanto Brasília tem o Lago Paranoá. Por isso, o mar não faz falta alguma. Aproveite a visita à capital brasileira e veja o que fazer em Brasília.