16 melhores atrações da Lapa: a principal região boêmia do Rio de Janeiro

Escrito por Bruno Mendes

O Rio de Janeiro tem muitas áreas para os baladeiros de plantão, mas sem dúvida, a Lapa – tradicional bairro no Centro – é a principal região boêmia da cidade. Se os grandiosos arcos de longe já recepcionam cariocas e turistas, as barraquinhas que vendem drinks, cervejas geladas e churrasquinhos, as incontáveis casas de samba, restaurantes e as ruas cheias de gente de diferentes estados e nacionalidades, dão o tom desse ponto turístico que é um verdadeiro mosaico de tendências culturais.

A lapa tem casas de samba raiz, chorinho, boates que tocam músicas pop e funk do momento, espaços para heavy metal, indie e pop rock e bares mais tranquilos. Há atrativos para todos os  gostos e estados de espírito nesse espaço do Rio que – com seus casarios antigos – também respira história.

Para te guiar na melhor noitada carioca, o Viajali indica atrações irresistíveis pelos quarteirões entre a rua Riachuelo, Av Men de Sá, Rua do Lavradio e adjacências. Prepare-se!

1. Circo Voador

A história do Rock brasileiro dos anos 1980, com Legião Urbana, Cazuza, Barão Vermelho, Kid Abelha, Paralamas do Sucesso e tantas outras bandas que ainda movimentam a cultura musical brasileira, sem dúvidas se confunde com a do Circo Voador, uma das casas de show mais famosas do país, que tem 35 anos.

Inaugurado em 1982 na praia do Arpoador, o circo foi transferido posteriormente para a Lapa e hoje, a casa que fica na praça dos Arcos, tem uma programação diversificada, com bandas de rock nacional e internacional, forró, funk, frevo e outros estilos musicais.

Endereço: Rua dos Arcos s/n – Lapa – Rio de Janeiro

2. Lapa 40 graus

O Lapa 40 graus é ponto certo para quem gosta de sertanejo universitário, música pop e um bom sambinha. A casa noturna é grande e muito bem estruturada: são quatro andares com quatro bares, espaço mais aberto onde há apresentações de bandas (geralmente de pop/rock), área com mesas de sinuca, boate e um palco para apresentações musicais maiores.

Endereço: Rua Riachuelo, 97 – Centro – Rio de Janeiro

3. Bar Semente

Caso você prefira um ambiente mais tranquilo e intimista, mas ao mesmo animado é uma excelente ideia ir ao Bar Semente e tomar uma cervejinha enquanto saboreia petiscos e escuta clássicos do samba e da MPB.

Olha só essa: ninguém mais, ninguém menos que Chico Buarque, determinado dia, parou nesse bar e depois de tomar uma cervejinha no balcão, deu uma canja e cantou três músicas. E aí, quem sabe você não tem a sorte de esbarrar com ele por lá e até conferir alguns dos maiores clássicos da música brasileira?

Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 149 – Centro – Rio de Janeiro.

4. Bar Carioca da Gema

O Carioca da Gema é um dos principais redutos do chorinho e samba de raiz, o tradicionalíssimo samba que Cartola, Noel Rosa, Dona Ivone Lara, Clara Nunes, Jorge Aragão, Zeca Pagodinho e tantos artistas de gerações distintas representaram e representam muito bem.

O bar tem um palco para apresentações de excelentes intérpretes e mesinhas distribuídas onde são servidos drinks,  diferentes opções de tira-gostos e pratos mais elaborados.

Endereço: Av Men de Sá, 79 – Centro – Rio de Janeiro.

5. Rio Scenarium

Provavelmente o mais famoso – com certeza entre as 5 – atrativo da Lapa, o gastrobar Rio Scenarium fica localizado na rua do Lavradio, famosíssima via onde em todas os primeiros sábados do mês é realizada uma feira de antiguidades.

Eleito pelo jornal inglês The Guardian um dos 10 melhores bares do planeta, o Rio Scenarium encontra-se em um casarão do século 19 e é a perfeita mescla entre casa de show, bar e pavilhão de cultura. Ambiente mais do que indicado para quem mão resiste a um samba tradicional, chorinho e MPB.

Endereço: Rua do Lavradio, 20 – Centro – Rio de Janeiro.

6. Escadaria Selarón

iStock

A escadaria Selarón, que foi cenário para clipes da banda U2 e do Rapper Snoop Dog, já se tornou uma marca que identifica o Rio de Janeiro pelo Brasil e o mundo. É impossível ficar indiferente ao mosaico de azulejos coloridos que ornamentam essa construção que liga a Lapa ao bairro de Santa Tereza.

A concepção e elaboração artística foram de responsabilidade do artista plástico chileno Jorge Selarón. No início da década de 1990, ele decidiu encher as escadas, até então desgastadas e má conservadas, com lindas peças de cerâmica. O resultado encanta cariocas e turistas que passam por lá para tirar fotos, conversar em boas companhias e curtir um som, afinal há sempre quem apareça pela área com violão, cavaquinho e pandeiro. Vale a pena visitar qualquer hora do dia!

Endereço: Rua Joaquim Silva, S/N – Centro – Rio de Janeiro ( um pouco mais de 5 minutos andando dos Arcos da Lapa, pertinho)

7. Bar da Boa

O bar temático da cervejaria antártica é aquele lugar para quem curte samba e descontração. Há dois andares: o inferior é ideal para ficar nas mesas e saborear as delícias gastronômicas entre uma cerveja e outra, no piso superior há um palco e espaço para apresentações de grupos de samba e funks nos intervalos da banda.

8. Lapa Irish Pub

Percebe-se, pelos lugares indicados até aqui, que a lapa é um show de brasilidade. Contudo, a boêmia também canta em outros idiomas e o Lapa Irish Pub é um típico pub irlandês em solo carioca. Local certo para quem não resiste a uma cerveja importada (o chopp irlandês Guiness é excelente) e adora petiscar enquanto escuta um bom rock em um espaço agradável e com aquela iluminação indireta que normalmente confere a ambientação dos pubs.

Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 147 – Centro – Rio de Janeiro.

9. Fundição Progresso

A Fundição Progresso é um centro cultural e casa de show que fica pertinho do Circo Voador. Lá são promovidos diferentes tipos de cursos nas áreas de música, teatro, circo, desenho e pintura e ocorrem shows de bandas que fazem sucesso na cena pop brasileira e internacional.

Endereço: Rua dos Arcos, 24 – Lapa – Rio de Janeiro

10. Teatro Odisséia

Atenção turistas! Apesar do nome ‘teatro’, o Odisséia é uma boate com três ambientes onde são realizadas diferentes festas temáticas majoritariamente voltadas para o público alternativo e mais jovem. O indie rockmúsicas retrô (que tocam em algumas festas específicas), clássicos do pop e do rock que fazem sucesso e, é claro, o funk (carioca alternativo também curte o batidão, ou não?) dão o tom desse atrativo que vive cheio.

Em alguns dias há apresentações de bandas e em outros apenas os DJs comandam a festa.

Endereço: Av Mem de Sá, 66 – Centro – Rio de Janeiro.

11. Leviano Bar

Localizado no ponto de maior concentração de pessoas na Lapa – na Avenida Men de Sá, pertinho do Circo Voador, Odisséia e outros bares sempre lotados –, o Leviano é um bar com boa variedade gastronômica, diferentes drinks e com apresentações musicais de muitos estilos.

Curiosidade: o espaço também é palco para apresentações circenses. Isso mesmo, enquanto bebe, paquera e curte o som, você pode apreciar o espetáculo de acrobatas que sobem até o teto e descem em coreografias com panos vermelhos.

Endereço: Av Men de Sá, 49 – Centro – Rio de Janeiro.

12. Arco Íris da Lapa

Se você não pretender curtir a noite em casas de shows agitadas, pois prefere sentar em um bar mais tranquilo e beber a noite toda, o Arco Íris da Lapa é uma boa pedida. O autêntico botequim carioca funciona há mais de 50 anos e tem aquele perfil simples e receptivo.

Ótimo lugar para tomar umas cervejas geladas – ou caipirinhas – enquanto degusta batatas fritas, calabresa acebolada, aquele frango a passarinho ou alguma outra delícia da sua predileção.

Endereço: Av Men de Sá, 72 – Lapa – Rio de Janeiro.

13. Sinuca da Lapa

O Sinuca da Lapa é destino ideal de quem também não quer ir para uma boate ou casa de show e prefere jogar sinuca a noite toda, é claro, entre goles de cerveja. O espaço dispõe de 8 mesas de sinuca e uma jukebox com mais de 2000 músicas.

Endereço: Rua Riachuelo, 44 -Lapa – Rio de Janeiro.

14. Depósito da Ladeira

Ao lado do Sinuca da Lapa fica o depósito da Ladeira, lugar ideal para quem quer beber mais e gastar menos. Certamente é o estabelecimento que vende cervejas e outros tipos de bebida por menor preço em toda a lapa e por essa razão sempre fica MUITO cheio.

Endereço: Rua Riachuelo, 32 – Lapa – Rio de Janeiro.

15. Sambinha em frente aos Arcos da Lapa

Vamos supor  que você não decidiu onde parar e gostou de ficar andando pelas ruas da Lapa, bebendo e comendo uma coisinha aqui outra ali pelos quiosques e ambulantes. Uma boa pedida 0800 é curtir o batuque que geralmente acontece entre os arcos nos fins de semana.

Os gringos adoram e geralmente arriscam os passos de samba de uma maneira bem inusitada. É divertido!

16. Bar da Cachaça

É até lógico e de certa maneira compreensível colocar o Bar da Cachaça como a última opção dessa lista. O bar é simples, mas enche bastante e é o tradicionalíssimo pós night da Lapa, porque nos fins de semana costuma ficar aberto (e com movimento) até por volta de 5 horas da manhã, ou seja, é o destino de quem geralmente curtiu a noite em outros lugares.

Tombado como Patrimônio Cultural do Rio de Janeiro em 2012, o bar disponibiliza uma generosa carta de cachaças e batidas. A Jurupinha e a Gabriela (mistura de melado de cana, cravo e canela) são as mais pedidas.

Endereço: Av Men de Sá, 110 – Lapa – Rio de Janeiro

Obviamente pela Lapa você irá encontrar muitos outros lugares interessantíssimos e no meio da epopeia de ritmos e pessoas só há uma obrigação para a sua noite valer a pena: estar REALMENTE disposto a se divertir!

PARA VOCÊ