11 passeios de trem para fazer no Brasil e curtir lindas paisagens

Escrito por Bruno Mendes

Na Europa é muito comum viajar de uma cidade para outra de trem. E ainda que no Brasil o transporte ferroviário não seja dos mais desenvolvidos, há magníficos passeios sobre trilhos entre os roteiros turísticos de algumas cidades. Quem já teve o privilégio de viajar de trem sabe que a experiência é deslumbrante, portanto vale a pena saber quais são as opções disponíveis.

Continua após o anúncio

Quer sentir o gostinho de passado durante o lento trajeto da Maria Fumaça, ou prefere curtir a viagem no vagão confortável de um trem moderno? Tem vontade de apreciar vegetações e suntuosas montanhas enquanto escuta o saudoso apito da locomotiva? O Viajali apresenta 11 opções de viagens sobre trilhos que irão fazer você deixar o carro na garagem ou descartar passeios de ônibus ou avião.

1. Trem do vinho: Bento Gonçalves(RS) – Carlos Barbosa

Percorrer os 23 quilômetros no trem do vinho passando por Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa é uma ótima opção de lazer para quem visita o Rio Grande do Sul. Além de conferir o visual pelas janelas, na composição há apresentações que retratam um pouquinho da cultural local, e nas paradas o viajante é recepcionado com degustação de vinho, espumantes e sucos de uva.

Embarques e desembarques: Estação Ferroviária Bento Gonçalves na Cidade Alta/ Estação Ferroviária Carlos Barbosa.

2. Passeio pela Serra do Mar: Curitiba(PR) – Morretes

É uma experiência irresistível ir de Curitiba até a cidade de Morretes de trem. Nos cerca de 110 quilômetros de trajeto, a locomotiva passa pela reserva ecológica da Serra do Mar, e entre incontáveis encantos visuais, a vista da ponte São João – com seus 55 metros de altura – é um dos pontos altos do passeio.

Embarques de desembarques: Estação rodoferroviária de Curitiba(Centro)/Estação Ferroviária de Morretes.

3. Viagem de trem Belo Horizonte(MG) – Vitória(ES)

Os respeitáveis 664 quilômetros de trilhos fazem com que a viagem de trem entre Belo Horizonte e Vitória seja a mais longa do país. Os vagões são muito confortáveis, e alguns deles funcionam como lanchonetes e restaurantes.

Embarques e desembarques: Estação Ferroviária de Belo Horizonte: Praça da Estação (Centro) / Estação Ferroviária de Cariacica: Vitória(RS)

4. Trem do Forró: Recife(PE) – Cabo do Santo Agostinho

Este talvez seja o passeio mais animado de todos. Como o próprio nome sugere, no trem do forró é possível escutar e dançar o delicioso ritmo que encanta o Brasil inteiro nas festas juninas. Festejar durante os 84km de trilhos entre Recife e a cidade de Cabo do Santo Agostinho durante os fins de semana do mês de Junho é uma maravilha.

Embarques e desembarques: Forte das cinco pontas em Recife / Estação de Cabo de Santo Agostinho.

Continua após o anúncio

5. Passeio de Maria Fumaça (MG): São João Del Rei X Tiradentes

Quem passa pelos 12 km de linha férrea entre as cidades mineiras tem agradabilíssima oportunidade de apreciar a Serra de São José, e tantas outras mostras do cenário natural de Minas.

Embarques e desembarques: Estação de São João Del Rei/ Estação de Tiradentes.

6. Trem do Corcovado (RJ)

Há diferentes maneiras de chegar até o alto do morro do Corcovado, onde fica o Cristo Redentor, mas se você quer curtir o Parque Nacional da Tijuca e observar de pertinho a mata atlântica preservada, nada melhor que optar pelo bondinho.

Embarques e desembarques: Estação do Cosme Velho

7. Viagem entre Viana(ES) – Araguaia

Os 46 km de viagem de trem entre Araguaia e Viana oferecem ao viajante a chance de conhecer o caminho percorrido pelos primeiros imigrantes europeus na região capixaba. É válido conferir o verde das vegetações, observar paisagens urbanas, e passar por dois túneis completamente escuros e uma ponte de ferro.

Embarques e desembarques: Estação Ferroviária de Viana / Estação Ferroviária de Araguaia.

8. Passeio de Maria Fumaça (MG): Ouro Preto X Mariana

A belíssima locomotiva, visualmente semelhante às do início do século XX, merece destaque no passeio entre Ouro preto e Mariana. E o visual preenchido por montanhas, cachoeiras e vegetações, certamente encanta a todos os felizardos que percorrem os 18 quilômetros do passeio.

Embarques e desembarques: Estação de Ouro Preto / Estação de Mariana

9. Passeio no bondinho urbano de Campos do Jordão(SP)

O bondinho de Campos do Jordão percorre diferentes áreas urbanas da cidade, e oferece ao visitante a oportunidade de conhecer alguns pontos menos turísticos da região.

Embarques e desembarques: Estação Emílio Ribas na Vila Capivari.

10. Viagem de trem: Macapá(AP) – Serra do Navio

Eis uma excelente opção de passeio de trem para quem mora ou visita a região Norte do Brasil. Entre Macapá e o município de Serra do Navio é possível apreciar a floresta amazônica e alguns postos de extração de manganês. O percurso de aproximadamente 195 quilômetros dura cerca de 6 horas.

Embarques e desembarques: Estação Ferroviária de Santana / Estação Ferroviária de Serra do Navio

11. Viagem de trem: São Paulo(SP) – Jundiaí

Viajar de trem os 60 km entre a capital paulista e Jundiaí é uma encantadora chance de aprender um pouquinho de história, afinal a estrada de ferro do trajeto foi construída em 1867, e entre belas paisagens naturais, o viajante irá passar por estações de diferentes estilos arquitetônicos.
Embarques e desembarques: Estação da Luz em São Paulo / Estação Ferroviária de Jundiaí.