5 dicas para uma expedição à Salto Ángel, a maior cachoeira do mundo

Os índios ou nativos chamam de Parekupa-meru, mas os turistas conhecem como Salto Ángel, a maior cachoeira do mundo, com 979 metros de altura, um verdadeiro espetáculo da natureza. A deslumbrante paisagem está em 3 milhões de hectares de mata preservada, no meio de um parque nacional incrível, na Venezuela. A seguir, descubra um pouco mais sobre esse lugar mágico na América do Sul.

Publicidade

Onde fica Salto Ángel

No Parque Nacional Canaima, na Venezuela, está Salto Ángel, a mais deslumbrante cachoeira do mundo. O sexto maior parque nacional do planeta fica no estado de Bolívar, no município de Grande Sabada. O destino está a 400 km de Boa Vista, capital de Roraima, a 705 km de Santa Elena e a 596 km de Puerto Ordaz, locais com partidas para a cachoeira.

Como chegar

Você vai precisar de transporte pelo ar, por água e por terra. Logo, há diferentes maneiras de chegar até a maior cachoeira do mundo. O turista pode fazer uma road trip, saindo da capital de Roraima, Boa Vista, até a cidade de Santa Elena de Uiarén.

Em seguida, é preciso ir até o aeroporto e embarcar em um voo fretado até o Parque Nacional Canaima. Nesse trajeto, de quase 5 horas, você vai passar pela fronteira Brasil-Venezuela. Algumas pessoas optam por pegar um voo em Puerto Ordaz com mais 9 horas de carro.

Outro caminho é ir direto para Caracas e, de lá, pegar um voo até o parque. Por fim, quando estiver no Canaima, é preciso percorrer aproximadamente 4 horas de barco e 1h30 de caminhada até a base da cachoeira Salto Ángel. Ufa, haja fôlego!

Dicas e informações importantes

Em uma expedição, há muitas dicas e informações que o aventureiro precisa saber antes de viajar, pois qualquer erro pode ocasionar problemas durante a viagem. Por isso, veja algumas informações para você não passar estresse na Venezuela e no destino final.

1. Documentos necessários para viajar

Para entrar na Venezuela, você vai precisar do documento de identidade brasileiro expedido pela Secretaria de Segurança Pública, e o comprovante de vacina contra febre-amarela aplicada 10 dias antes da viagem. Contudo, leve um passaporte válido, pois algumas companhias aéreas, bancos e cartórios só aceitam identidade com até 10 anos de expedição.

Publicidade

2. Preços de pacotes com agência de viagens

Por ser um destino isolado e de difícil acesso, a melhor opção é comprar um pacote de viagem, inclusive, algumas agências brasileiras oferecem o roteiro. Há opções partindo de Boa Vista, com passagem por Santa Elena de Uiarén ou Puerto Ordaz. Os valores variam, mas podem começar em R$ 5.000 por pessoa em uma viagem de 6 dias.

3. Melhor época do ano para visitar

As chuvas são mais frequentes entre maio e dezembro na Venezuela. Por isso, essa é uma ótima época para encontrar a cachoeira com um volume de água considerável, ideal para a contemplação. Além disso, por estar em época de chuva, os rios estão mais cheios, facilitando a locomoção de barco. No período de seca, a travessia pode ficar impossibilitada.

4. Muito além do Salto Ángel

Muitas agências também organizam outros passeios pelo Parque Nacional Canaima. Ao navegar pela Laguna Canaima, é possível chegar até o Salto El Sapo, com direito a um banho para se refrescar. Além disso, o turista vai conhecer e passar por dentro do Salto El Hacha, uma cachoeira com um trajeto por uma escada rústica. Além disso, os tepuis ou tepuys, formações rochosas em forma de mesa, complementam a incrível paisagem. Por fim, alguns hotéis organizam passeios extras, como o sobrevoo por Canaima.

5. Uma viagem para aventureiros

Essa não é uma viagem comum, ou seja, é para quem está disposto a passar horas viajando, muitas vezes, sem conforto. O avião de pequeno porte e a correnteza do rio para atravessar de canoa podem assustar. Contudo, ao chegar no destino final, a beleza é explêndida.

O Salto Ángel inspirou a animação Up-Altas Aventuras. Diferente do filme, os viajantes não conseguem levar a sua moradia para lá, mas há hotéis perfeitos para um descanso completo. Então, aproveite!

Onde se hospedar

Há poucas opções de hospedagens ao redor da atração e, em muitas, só é possível chegar de avião de pequeno porte. A seguir, confira as melhores opções disponíveis:

  • Waku Lodge – $$$: a melhor opção está localizada no Parque Nacional Canaima, com bangalôs que oferecem todo o conforto para o visitante passar a noite. O hotel conta com restaurante e ambientes para relaxar, mas o grande diferencial é que a hospedagem disponibiliza expedições para visitar Salto Ángel.
  • Ara Merú Lodge – $$$: um verdadeiro acampamento em meio à selva, porém, com muito conforto. A estrutura não é muito grande, mas conta com piscina, bar e jacuzzi.
  • Uruyen Camp – $$$$: cabanas luxuosas na floresta. É assim que é possível descrever essa hospedagem que está próxima a uma comunidade indígena.

Aproveite para viver uma experiência totalmente diferente da vida urbana. Esse é o momento perfeito para apreciar a natureza e conhecer outras culturas.

10 fotos encantadoras de Salto Ángel para você apreciar

Se você perder o fôlego, está tudo bem! As paisagens são tão lindas que vão te deixar sem ar e sem palavras. Confira!

1. Seja bem-vindo à Salto Ángel

2. A maior cascata do mundo, com mais de 3 milhões de hectares

3. Para chegar até a base da cachoeira, você precisa pegar um barco por 4 horas

4. E percorrer uma trilha de 1h30

5. Que tal ficar em um hotel incrível?

6. É possível sobrevoar a cascata com helicóptero

7. Rapel também é uma opção para os aventureiros

8. Aviões de pequeno porte são o transporte principal para chegar à região

9. É possível acampar no parque com uma vista incrível

10. Por fim, não esqueça de contemplar a paisagem deslumbrante

As imagens aumentaram sua vontade de visitar Salto Ángel? Então, prepare-se, pois a vontade vai aumentar ainda mais!

Publicidade

Um pouquinho sobre Salto Ángel para subir sua adrenalina

Vídeos são uma ótima maneira de conhecer o destino. Então, confira uma seleção com dicas, informações paisagens lindas e muito mais.

Uma verdadeira aventura

A brasileira e corajosa Elaine Port embarcou para a Venezuela e realizou rapel na maior cachoeira de queda livre do mundo. Ao longo do vídeo, é possível acompanhar todo o trajeto até a base de Salto Ángel, passando pelo ar, água e terra. Aperte o play e divirta-se.

A jornada completa

Publicidade

O vídeo reúne informações, dicas e curiosidades sobre a cachoeira. Apesar dos youtubers falarem em espanhol, é fácil de compreender, sendo possível contemplar todo o trajeto até a cachoeira. Assita e aproveite as melhores paisagens.

Waku Lodge: uma das melhores opções de hospedagens

O vídeo também está em espanhol, mas é possível entender muito bem em português. Aqui, você vai poder conhecer uma das opções de hospedagens localizadas em Canaima. O youtuber mostra os quartos e experiências da instalação. Confira!

É impossível não se encantar com a vibe do Salto Ángel no Parque Canaima, uma mistura de tranquilidade e adrenalina. Agora confira os melhores roteiros para um mochilão pela América do Sul