Vale do Capão: conheça o vilarejo mais charmoso da Chapada Diamantina

Escrito por Liz Santana

O Vale do Capão é um daqueles lugares alto-astral que seduzem desde a primeira visita. O destino atrai muitos turistas, sobretudo jovens, que vão em busca das suas cachoeiras e trilhas e do clima tranquilo da vila. Portanto, se você precisa de dias de sossego, longe de barulho de carros e correria das grandes cidades, conheça agora mesmo o Capão!

Continua após o anúncio

Onde fica e como ir ao Vale do Capão

O Vale do Capão está localizado na Chapada Diamantina, a 72,5 km de Lençóis e 476 km de Salvador. Para ter acesso ao vilarejo, basta ir de ônibus ou carro até o município de Palmeiras e partir em direção à vila, através de uma estrada de barro com pouca ou quase nenhuma sinalização. O trajeto dura quase 1h.

O que fazer no Vale do Capão

O Capão oferece uma infinidade de passeios, desde atividades na natureza até tour gastronômico pelos restaurantes da região. Se você busca a tranquilidade das cidades do interior, vai encontrar uma região bem pacata, principalmente nos períodos de baixa temporada. Confira as principais atrações que você vai encontrar por lá:

1. Conceição dos Gatos

Conceição dos Gatos é um vilarejo localizado na região oeste da Chapada Diamantina. Logo na chegada, você verá um restaurante e uma fazenda com uma pequena produção de café. Para ter acesso às cachoeiras, é preciso fazer uma pequena trilha repleta de belezas naturais. Aliás, o lugar se chama assim porque, segundo a história, havia uma senhora chamada Conceição que chegou à comunidade com um cesto cheio de gatos.

2. Pizzaria Capão Grande

Outra grande sensação do Vale do Capão é a Pizzaria Capão Grande. O local possui produção de pizzas com massa artesanal, pizzas veganas, vegetarianas, sucos e outras delícias típicas da região. Considerada a melhor do Capão, essa pizzaria costuma praticar preços justos e ter atendimento ótimo. A gastronomia é, certamente, um dos pontos fortes de toda a região.

3. Pastel de palmito de Jaca no Pastel do Vale

Ir ao Capão e não experimentar o pastel de palmito de jaca é o mesmo que não ter ido. Por isso, após uma trilha até uma das cachoeiras, a melhor pedida é fazer uma parada na pastelaria Pastel do Vale e pedir essa iguaria local. O sabor se assemelha ao de uma carne ou frango, mas com a textura do palmito. Essa é uma das principais surpresas gastronômicas do Vale.

4. Trilha para os Rios Preto e Rodas

Os Rios Preto e Rodas são duas atrações que valem a pena conhecer no Vale do Capão. Com uma caminhada de 3h, a trilha leva a dois dos locais mais agradáveis da região e nos contempla com a beleza das suas paisagens. No Rio Rodas, é possível ter uma vista incrível, enquanto no Rio Preto há uma queda d’água de 4 metros em uma piscina natural de coloração escura.

5. Espetáculo de circo no coreto

O Vale do Capão é conhecido também pelas atrações circenses no coreto, que movimentam toda a cidade e atraem, sobretudo, os turistas. Além dos festivais de jazz e de reggae que ocorrem na Chapada, há, uma vez ao ano, o Festival de Artes Circenses, que é sediado no local e chama a atenção de pessoas de todas as idades. Lá, você poderá conhecer muitas pessoas e bater um bom papo.

Continua após o anúncio

6. Cachoeira da Purificação

A Cachoeira da Purificação é um pouco mais difícil de acessar, portanto contrate um guia para ir com você. Ao todo, a caminhada chega a durar 4h (ida e volta), passando por locais de mata fechada e sobre um rio. Ao chegar, você irá se deparar com um poço de águas supergeladas. Aliás, dependendo do período em que você for, poderá encontrar o local bastante cheio.

7. Cachoeira da Angélica

A Cachoeira da Angélica fica a cerca de 8 km do Vale do Capão, no Povoado de Bombas. O seu acesso é realizado por carro ou mototáxi, saindo da vila. Essa trilha pode ser feita sem guia, porém, se você não é dos mais aventureiros, recomenda-se contratar um profissional. Por fim, o local é lindo e perfeito para descansar antes de partir para a próxima atração.

8. Trilha Morrão e Águas Claras

As duas atrações estão bem próximas uma da outra e parecem ter sido desenhadas por algum paisagista. Como o próprio nome diz, a água é bem clarinha e ótima para mergulhar. Existem também três poços que encantam os visitantes. Já a trilha para o Morrão é considerada de leve a moderada e leva-se quase 2h para chegar. Por fim, você encontrará um local lindíssimo e apaixonante.

9. Trilha para o Vale do Pati

Outra atração bastante procurada na Chapada Diamantina é a trilha para o Vale do Pati. O passeio leva dias para ser concluído, e o visitante poderá ficar hospedado nas casas dos nativos que moram nos vilarejos pelo caminho. Apesar de ser um trilha de grande dificuldade, as paisagens são perfeitas, e as cachoeiras, montanhas e campos verdes compensam a caminhada, que é bastante cansativa.

10. Cachoeira da Fumaça

A Cachoeira da Fumaça está entre as atrações mais buscadas por quem vai ao Capão. São cerca de 340 metros de altura e uma queda d’água espetacular, com paredões rochosos completando a beleza exuberante do lugar. Considerada uma das maiores do país, a Fumaça pode ser visitada tanto por cima quanto por baixo, após uma trilha de 12 km (ida e volta).

11. Cachoeira do Riachinho

A Cachoeira do Riachinho fica localizada dentro de uma fazenda e, por esse motivo, cobra-se uma taxa de manutenção de R$ 6. Para ter acesso, é necessário descer 500 metros por escadas de pedra que nos levam a um cenário natural perfeito, com paredões, cachoeiras e rios de águas escuras. Geralmente, essa atração é visitada após a descida da Cachoeira da Fumaça.

12. Morro do Pai Inácio

O Morro do Pai Inácio é uma das atrações mais buscadas pelos visitantes. Do alto, é possível ver toda a imensidão e beleza da região e, no final da tarde, o encantamento é ainda maior. A subida é um pouco difícil e exige disposição do turista, mas a vista do topo compensa toda a caminhada. Vale salientar que lá em cima faz frio, portanto, leve um casaco para se proteger.

13. Fazenda Pratinha

Por fim, a Fazenda Pratinha é um daqueles lugares que você vai sempre querer visitar quando for à Chapada Diamantina. A atração possui águas transparentes e de uma coloração azul, em que é possível ver peixinhos nadando ao fundo. O local ainda permite a prática de atividades como flutuação, stand up paddle e tirolesa, que atraem os mais aventureiros.

O ideal é que você tenha pelo menos três dias livres para conhecer o máximo de atrações no Capão. Caso não tenha todo esse tempo, escolha as opções que estão ao redor da vila. Aliás, vale lembrar a necessidade de tomar algumas precauções para manter o ambiente limpo e preservado.

O que levar para o Vale do Capão

  • Tênis: escolha calçados confortáveis, pois você enfrentará caminhos íngremes e trilhas com subidas e descidas.
  • Água: carregue uma garrafinha de água para todas as atrações, pois, em muitas delas, não há barracas para se abastecer.
  • Lanches leves: não esqueça de levar lanches leves, como biscoitos e frutas. Isso porque você poderá sentir fome durante ou após a caminhada.
  • Protetor solar: lembre-se de levar seu protetor solar, pois o sol poderá incomodar bastante, sobretudo no verão.
  • Repelente: como todos os locais pelos quais você passará são na natureza, se proteja contra os mosquitos – sobretudo se você for alérgico.
  • Barraca de camping: caso vá acampar, é importante que você leve a sua própria barraca de camping, pois talvez não encontre locais para alugar ou comprar.
  • Kit de primeiros socorros: essa é uma dica sobretudo para quem vai fazer a trilha do Pati ou outras mais complicadas.
  • Roupas confortáveis: além dos calçados, opte por roupas leves e que sequem rápido, para que não se sinta desconfortável.

Essas dicas são de extrema importância para que você realize suas trilhas de forma segura. Lembrando que a maioria delas deve ser feita juntamente com um guia, que, além de te auxiliar, ainda poderá te contar a história da região.

Hotéis e pousadas

Ao redor do Capão, é possível encontrar muitas hospedagens diferentes. Listamos aqui algumas das opções mais famosas. Confira:

  • Camping Filhos da Floresta – $: essa opção costuma ser a melhor para viajantes que não se importam com pouco conforto. O local possui vista para as montanhas, além de churrasqueira, cozinha e banheiros compartilhados.
  • Hostel do Vale – $$: outra opção com um ótimo custo-benefício. O local possui lavanderia, lounge de uso comum e estacionamento para os hóspedes. Aliás, o hostel ainda oferece quartos para famílias.
  • Hostel Katatau – $$$: esse hostel é um dos mais buscados pelos turistas, por causa de sua boa reputação. O local está a 300 metros da vila, possui internet e quartos privados.
  • Lothlorien Vale do Capão – $$$$: a Lothlorien possui mais comodidades que as opções anteriores, como roupa de cama inclusa e serviço de passar roupa.
  • Espaço Matagal – $$$$$: possui um café da manhã delicioso e oferece serviço de traslado do aeroporto da Chapada Diamantina com um custo adicional. Aliás, o local é bastante limpo, organizado e bem cuidado.
  • Riachinho Pousada Fazenda – $$$$$$: com estilo rústico, a Riachinho fica a 200 metros de lindas cachoeiras e vistas incríveis. Apesar de simples, o local é bastante aconchegante e fica a cerca de 5 km do centro do Vale do Capão.

Sem dúvidas, uma dessas opções que separamos será perfeita para você passar seus dias de descanso!

Vídeos com dicas sobre o Vale do Capão

Aqui, você encontrará os vídeos mais incríveis com informações valiosas sobre o Capão. Por isso, se você está em dúvida sobre alguma atração, essa é hora de saber tudo sobre ela. Listamos as principais opiniões dos visitantes. Acompanhe:

Um tour pelo Vale do Capão

Quer conhecer essa região da Chapada Diamantina e saber todas as dicas? Então, assista a esse vídeo e fique por dentro de tudo o que você verá quando for a esse destino.

Um passeio pela vila

Nesse vídeo, você conhecerá a Cachoeira da Fumaça e outras atrações da vila – um dos lugares mais lindos e procurados da Chapada Diamantina.

Cachoeira da Angélica e Purificação

Se você gosta de trilhas em matas mais fechadas, conheça duas cachoeiras lindas localizadas no Vale do Capão. Sem dúvidas, esse destino vai te encantar.

As belezas de Conceição dos Gatos

Um pouco mais distante do Vale do Capão, esse é um dos locais mais lindos que você vai conhecer. Conceição dos Gatos costuma encantar a todos, então não perca essa atração.

Por fim, uma das maiores vantagens de ir ao Capão é estar em contato constante com a natureza e poder desfrutar de cada local. Por isso, memorize todas as paisagens exuberantes e aproveite cada momento para descansar e se reenergizar.

15 fotos do Vale do Capão que vão te deixar de queixo caído

As montanhas, cachoeiras e paredões do Capão são realmente dignos de serem retratados pelas lentes dos visitantes. Por isso, separamos algumas das imagens mais bonitas para você se inspirar e ficar com vontade de viajar agora mesmo. Olha só:

1. Não tem como não se apaixonar

2. Pelos encantos do Vale do Capão

3. A vila é supercharmosa

4. E possui o circo como uma das atrações

5. A natureza é belíssima

6. Ideal para quem deseja meditar

7. Relaxar nas cachoeiras

8. E aproveitar as paisagens perfeitas

9. Não deixe de ir à Pratinha

10. Ao Morro do Pai Inácio

11. E, quem sabe, até fazer a trilha do Pati

12. Então, você já sabe

13. Quando for à Chapada Diamantina

14. Passe dias inesquecíveis

15. Nesse lugar incrível!

Ir ao Vale do Capão é sinônimo de encantamento. E se você é um apreciador das belas paisagens da Chapada Diamantina, também vai amar conhecer a Cachoeira do Buracão.