Vila Mariana (SP): 26 lugares imperdíveis para conhecer no bairro

Escrito por Marta Stegani

A Vila Mariana (SP) é um dos bairros mais charmosos da cidade. A região concentra em sua maioria residências, mas sem deixar de lado uma boa infraestrutura com tudo o que os moradores precisam por perto. E por ser um bairro completo, não poderiam faltar opções de lazer, com atrações culturais, bares e restaurantes – que vão desde os mais simples até os mais sofisticados.

Se você ainda não conhece ou quer descobrir novos lugares, confira aqui as melhores atrações culturais, restaurantes e bares que você não pode deixar de conhecer!

Mapa da Vila Mariana

A Vila Mariana é um bairro da zona sul de São Paulo. É composto em sua maioria por residências e oferece uma excelente infraestrutura de transporte público, comércio, escolas, hospitais e opções de lazer. É bem servido por diversas linhas de ônibus e pelas linhas 1-Azul, 2-Verde e 5-Lilás do Metrô e dá acesso a importantes avenidas, como a Paulista, Brigadeiro Luís Antônio, Ibirapuera e a outros bairros da cidade.

Vila Mariana: o que fazer

O bairro tem excelentes atrações culturais e espaços de lazer para todas as idades. Conheça cada uma delas e prepare seu roteiro!

1. Parque Ibirapuera

O Parque Ibirapuera é um dos cartões postais de São Paulo. A área verde de mais de 150 hectares é a mais visitada da América Latina e um dos lugares mais fotografados do mundo. Por ser o pulmão da cidade, é o lugar escolhido por muitos para a prática de atividades físicas, para começar ou encerrar o dia com uma bela caminhada ou deitar na grama e relaxar embaixo de uma árvore.

O parque também é repleto de atrações, como o Museu de Arte Moderna, a Bienal, o Museu de Arte Contemporânea, o Museu Afro e muito mais. É um ponto que você não pode deixar de conhecer e desfrutar!

  • Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: diariamente, das 5h à 0h – aberto 24h de sábado para domingo.

2. Cinemateca Brasileira

A Cinemateca é uma instituição que tem o objetivo de preservar e divulgar a produção audiovisual brasileira, sendo dona de um dos maiores acervos da América Latina. Somente na sessão de Filmografia Brasileira são aproximadamente 42 mil títulos que datam desde 1897 até os dias atuais.

E o melhor é que tudo isso é de fácil acesso ao público e de graça! A Cinemateca oferece programações em que são apresentados grandes clássicos, raridades e obras contemporâneas do cinema nacional e também mostras temáticas com filmes de diversas partes do mundo. Mesmo quando não há exibição, vale a pena conhecer o charmoso espaço de tijolinhos, que antigamente funcionou como um matadouro.

  • Endereço: Largo Senador Raul Cardoso, 207.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: espaços públicos e jardim – de segunda a quarta, das 8h às 18h e de quinta a domingo, das 8h às 21h; biblioteca – de segunda a sexta, das 9h às 17h; salas de cinema – variam de acordo com a programação.

3. Centro de Memórias do Corpo de Bombeiros

O Museu do Corpo de Bombeiros é um passeio que conta a história desses nossos heróis desde o início, quando ainda nem existia tanta tecnologia. O prédio vermelho de dois andares tem no acervo fotos históricas, documentos e equipamentos que descrevem a trajetória e retratam a evolução dos equipamentos e serviços dos bombeiros.

Logo na entrada chama a atenção um carro vermelho que utilizava tração animal e um escafandro do século passado. Um espaço que as crianças vão adorar são onde estão réplicas de caminhões e automóveis de todo o mundo. Já crescidinhos também vão se encantar com quepes, capacetes e insígnias de unidade do mundo, como o de Nova York.

  • Endereço: R. Domingos de Morais, 2329.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: terça e quarta, das 8h às 12h e das 14h às 17h.

4. Sesc Vila Mariana

O Sesc é aquele velho conhecido de quem mora em São Paulo, que oferece atividades para todas as idades, shows, apresentações teatrais, dança, esporte e muito mais e tudo na faixa ou com um precinho camarada.

A unidade da Vila Mariana conta com dois prédios de dez andares cada um, estrutura moderna com teatro auditório, dois ginásios de esporte, piscina semiolímpica, lanchonete e muitos outros espaços. Para conhecer a programação e aproveitar é só acessar o site.

  • Endereço: R. Pelotas, 141.
  • Valor de entrada: consulte o valor do programa escolhido no site.
  • Horário de funcionamento: de terça a sexta, das 7h às 21h30; sábado, das 9h às 21h; domingos e feriados, das 9h às 18h30. Fechado às segundas.

5. Museu Belas Artes de São Paulo

O Museu Belas Artes de São Paulo é vinculado ao Centro Universitário Belas Artes. O espaço reúne mostras voltadas à arte contemporânea, arquitetura e design, além de pesquisas de caráter histórico e atividades culturais. O acervo é formado por coleções de design, pinturas, esculturas e desenhos. Acesse o site e conheça o acervo e a programação.

  • Endereço: R. Dr. Álvaro Alvim, 76.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 10h às 20h; sábado, das 10h às 16h.

6. Casa Modernista

A Casa Modernista foi construída em 1928 e é considerada o primeiro exemplar da arquitetura moderna no Brasil. O projeto foi feito pelo arquiteto russo Gregori Warchavchik para ser sua residência e causou polêmica em formadores de opinião da época por não possuir excesso de ornamentos, o que era comum nas construções. O jardim, que também merece destaque, foi projetado por Mina Klabin, esposa do arquiteto, e foi pioneiro no paisagismo moderno por usar espécies tropicais.

Hoje, a casa está aberta para visitação, apesar de seu mau estado de conservação. Dentro, não há exposições, mas é possível fazer uma visita guiada para conhecer a história. Mas o que vale mesmo a pena é passear pelo jardim, que continua belo, e relaxar embaixo de suas árvores.

  • Endereço: R. Santa Cruz, 325.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 9h às 17h.

7. Museu Lasar Segall

Idealizado pela viúva de Lasar Segall, o museu funciona na antiga residência e ateliê do artista, projetada em 1932 por seu concunhado, o arquiteto Gregori Warchavchik – o mesmo responsável pela Casa Modernista. O acervo é formado por mais de 300 trabalhos doados por seus filhos e neto.

Há muito o que ver por lá! São cerca de 5 mil fotografias reunidas por Segall ao longo da vida, cerca de 8 mil documentos, como textos do artista, parte do acervo de sua biblioteca pessoal e móveis desenhados por ele em 1932. No local também são oferecidas oficinas e cursos de fotografia, gravura e literatura, sessões de cinema, além de ter um café com comidinhas para aproveitar depois da visita.

  • Endereço: R. Berta, 111.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: de quarta a segunda, das 11h às 19h.

8. Museu do Instituto Biológico

O Museu do Instituto Biológico é o único jardim zoológico de insetos do Brasil e da América Latina e um passeio que as crianças vão adorar! Entre as atrações, é possível assistir uma corrida de baratas, abelhas produzindo mel em suas colmeias, lagartas tecendo o fio da seda, formigas trabalhando e, ainda falando em barata, o instituto é a casa da barata de Madagascar, considerada a maior do mundo.

Tudo é apresentado de forma lúdica, atraente e interativa, acompanhado por monitores que dão uma aula de biologia. Vale muito a pena conhecer!

  • Endereço: Av. Dr. Dante Pazzanese, 64.
  • Valor de entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 9h às 16h.

Viu só quanta atividade legal o bairro oferece? E o melhor é que dá para fazer tudo sem colocar a mão no bolso ou gastando bem pouco!

Restaurantes na Vila Mariana

A Vila Mariana tem tanta opção, que fica até difícil escolher! Para ajudar, eis aqui os melhores restaurantes para todos os paladares.

1. Carlitos Pizzaria

A pizzaria mais tradicional do bairro foi inaugurada em 1983 e homenageia Charles Chaplin, um dos ícones do cinema. São mais de 60 sabores de pizza no cardápio, com massa média e opções para todos os gostos, desde os clássicos até os mais requintados, servidos em um ambiente com decoração moderna e de estilo industrial com fotos de Chaplin espalhadas pelas paredes.

  • Endereço: R. Jorge Chammas, 364.
  • Horário de funcionamento: de segunda a quinta, das 18h à 0h; de sexta a domingo, das 18h à 0h30.

2. 1900 Pizzeria

Ainda falando em pizza, a 1900 é outro nome de tradição, que existe há mais de 30 anos e está na Vila Mariana desde 1993. A massa tem preparo especial, o que a torna mais leve, saudável e saborosa.

Para quem tem restrições alimentares, a vantagem é que é possível optar pela massa sem glúten e substituir os queijos tradicionais por queijo vegano, sem lactose ou mussarela de búfala. Além dos sabores que a gente já conhece, existem os especiais da casa, pizza doce e uma carta de cerveja e vinhos para acompanhar.

  • Endereço: R. Estado de Israel, 240.
  • Horário de funcionamento: de domingo a quinta, das 18h à 0h; sexta e sábado, das 18h à 1h.

3. Jaber Especialidades Árabes

O Jaber é uma lanchonete árabe que existe há mais de 60 anos e é dos mais conhecidos da região. Na entrada há uma placa simples que anuncia a venda de kibe e esfiha, o carro chefe da casa – que você pode simplesmente pegar e sair andando – mas no local também tem mesas onde são servidas especialidades árabes, pratos quentes e frios e os saborosos docinhos.

  • Endereço: R. Domingos De Morais, 86.
  • Horário de funcionamento: de segunda a domingo, das 8h às 22h30.

4. Prime Dog

Sabe aquela dúvida que geralmente bate na hora de escolher um local para comer? O Prime Dog resolve esse problema graças ao seu cardápio com uma variedade de opções veganas e vegetarianas, mas que oferece também versões tradicionais.

São servidos lanches, porções, refeições, feijoada, açaí, bebidas e sobremesas. E para quem se preocupa com a procedência, tudo é preparado em chapa separada. O local tem clima jovem e descontraído e, por funcionar até altas horas da madrugada, é parada perfeita para aquela boquinha depois da balada.

  • Endereço: R. Vergueiro, 1960.
  • Horário de funcionamento: segunda e terça, das 11h30 às 3h; quarta e quinta, das 11h30 às 4h; sexta e sábado, das 11h30 às 6h; domingo, das 11h30 às 4h.

5. Jazz Restô & Burgers

Outra agradável opção na Rua Vergueiro é o Jazz Restô & Burgers, um espaço que une bons hambúrgueres e boa música. Os lanches são de dar água na boca e, para quem não come carne, no cardápio há cinco opções vegetarianas/veganas.

A decoração remete à música, com instrumentos pendurados nas paredes, mas o astro das noites são os shows de jazz que acontecem diariamente.

  • Endereço: R. Vergueiro, 2080.
  • Horário de funcionamento: de segunda a quinta, das 11h30 às 23h; sexta, das 11h30 às 15h; sábado, das 19h à 0h; domingo, das 12h às 23h. Horário dos shows – de domingo a quinta, a partir das 20h e sábado, a partir das 21h.

6. Taverna Medieval

A Taverna Medieval é uma hamburgueria que vai te transportar para a idade média! A decoração é inspirada em filmes e séries medievais, a começar pelos garçons, caracterizados e que se dirigem aos clientes como “milorde” e “milady”. A culinária é preparada com ingredientes usados ao norte do Mediterrâneo e pratos adaptados ao paladar contemporâneo – para saber o quão próximo do original a receita está, basta contar as espadas no cardápio.

Na parte das bebidas, elas são servidas em canecas de pedra. Entre as opções está o hidromel, bebida típica dos vikings. E a Taverna não é um lugar apenas para se fartar, é um espaço de diversão. Entre as atrações está arco e flecha, RPG e jogos de videogame e, para finalizar, não poderia faltar uma boa festa. Às sextas e sábados um duo com inspiração no folk e músicas antigas fazem a diversão dos visitantes.

  • Endereço: R. Gandavo, 456.
  • Horário de funcionamento: de terça a quinta, das 18h às 23h; sexta e sábado, das 18h à 1h; domingo, das 18h às 23h.

7. Graça Mineira

Bateu aquela vontade de uma comidinha caseira? O Graça Mineira é um restaurante que serve comida mineira sem frescura preparada pelas mão da Graça, uma típica mineirinha e proprietária do local, e seu marido, que trazem um pedaço de Minas Gerais para a Vila Mariana.

No cardápio você encontra tutu de feijão, leitão à pururuca, rabada mineira e também petiscos, que vão perfeitamente bem com cachaça mineira. Os pratos são sem miséria, e mesmo uma porção individual serve tranquilamente duas pessoas.

  • Endereço: R. Machado Bitencourt, 75.
  • Horário de funcionamento: de terça a quinta, das 11h30 às 23h; sexta e sábado, das 11h30 às 23h30; domingo; das 11h30 às 16h30.

8. Dr. Tchê La Parrilla de La Villa

O Dr. Tchê La Parrilla de La Villa existe há quase 20 anos e é comandado pelo seu Adelar, um gaúcho que entende como ninguém de churrasco. O restaurante tem no cardápio cortes tradicionais, como tapa de cuadril, bife de chorizo, bife ancho entre outros.

A tradição fez com que a casa fosse reconhecida por diversos veículos, entre eles o Guia Quatro Rodas, e indicado a diversos prêmios como o melhor da categoria. Pela fama do melhor churrasco argentino, o local costuma estar cheio aos finais de semana, mas cada segundo de espera vale a pena.

  • Endereço: R. França Pinto, 489.
  • Horário de funcionamento: almoço – de terça a sexta, das 12h às 15h; sábado, das 12h às 16h; domingo, das 12h às 17; feriados, das 12h às 16h. Jantar – de terça a sábado, das 18h às 23h; feriados, das 18h às 23h.

9. Don Pancho

Quer algo mais apimentado? O Don Pancho serve comida mexicana, com ambientes coloridos, pratos elaborados com ingredientes importados e trilha sonora embalada por mariachis.

A viagem gastronômica começa com os típicos tacos al pastor, cochinita pibil, sopa azteca e o tradicional mole poblano. Você também pode optar pelo Festival Gastronômico, uma espécie de rodízio, com tostaditas, quesadillas, tacos, burritos e muito mais, acompanhado por guacamole, sour cream, pico de gallo e salsa picante. Para beber não poderia faltar tequila, cervejas mexicanas e drinks latinos. É uma verdadeira viagem ao México sem sair de São Paulo!

  • Endereço: R. Joaquim Távora, 1315.
  • Horário de funcionamento: de terça a sexta, das 18h à 0h30; sábado, das 12h à 0h30; domingo, das 12h às 23h.

Agora é só escolher o seu favorito e bom apetite!

Bares na Vila Mariana

Chegou a hora do happy hour e não sabe para onde ir? Eis aqui as melhores opções para curtir com os amigos, a família ou com seu amor.

1. Veloso Bar

A fila que ser forma na porta do Veloso aos finais de semana entrega que se está diante de um lugar famoso. Apesar dos saborosos petiscos e da concorrida feijoada, o sucesso absoluto do bar são as coxinhas de frango com catupiry, que estão entre as mais famosas e melhores da cidade, servidas em porção de 6 unidades ou individual.

Mas o que também faz sucesso são as caipirinhas, que podem ser escolhidas entre 20 sabores. Não fica de fora o chopp geladinho e bem tirado, que vai bem com tudo! Se ainda ficou alguma dúvida, saiba que Veloso foi eleito pelo sexto ano consecutivo o melhor bar de petiscos e porções de São Paulo. Não dá pra deixar de conhecer!

  • Endereço: R. Conceição Veloso, 54.
  • Horário de funcionamento: de terça a sexta, das 17h30 à 0h30; sábado, das 12h30 à 0h30; domingo, das 16h às 22h30.

2. Genuíno Bar e Choperia

O Genuíno Bar e Choperia é um dos queridinhos do bairro. Por lá fazem sucesso a feijoada servida aos sábados e o happy hour, que começa às 17h15 com chopp gelado e promoção de caipirinha. Complete seu pedido com dadinho de tapioca, manjubinha na lata, bolinho de arroz e outros petiscos e porções do cardápio. O lugar tem clima acolhedor e bom atendimento, sem contar na música ao vivo para animar.

  • Endereço: R. Joaquim Távora, 1217.
  • Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 17h às 0h45; sábado, domingo e feriados, das 12h à 0h45.

3. Gibi Cultura Geek

O Gibi Cultura Geek é o ponto de encontro da galera nerd. Todo o espaço é decorado com quadros e objetos que remetem a filmes e símbolos desse universo. Além de tomar uma cerveja e comer petiscos, no local também acontecem outras atividades que reunem esse público.

No bar há uma biblioteca de quadrinhos, um museu com exposição de consoles, portáteis e jogos de videogame, exposição e venda de arte de artistas de quadrinhos, transmissão ao vivo de eventos geeks, palestras com desenvolvedores de games e animadores entre outros eventos.

  • Endereço: R. Maj. Maragliano, 364.
  • Horário de funcionamento: quarta e quinta, das 17h às 23h30; sexta e sábado, das 18h à 0h30; domingo, das 16h às 22h30.

4. Fortunato Bar e Gastronomia

O Fortunato é um bar sofisticado e com gastronomia requintada. No cardápio estão receitas especiais e drinks que vão dos clássicos até receitas exclusivas da casa. Entre os petiscos é possível saborear ceviche, bruschettas, polentinhas de cogumelo e queijo brie empanado. Além das refeições, aos sábados é servida feijoada light.

Para acompanhar, chopps e uma variada carta de cervejas, cachaças, caipirinhas, gin, whiskies e uma série de drinks.

  • Endereço: R. Joaquim Távora, 1356.
  • Horário de funcionamento: segunda e terça, das 17h às 23h; quarta e quinta, das 17h, às 23h30; sexta, das 16h às 23h30; sábado, das 12h às 23h30; domingo, das 12h às 23h.

5. Bar Providência

O Bar Providência é daqueles com estilo de boteco antigo, com mesas de madeira, azulejos e objetos antigos na decoração. Seja em um almoço ou no happy hour, é possível saborear petiscos típicos de um boteco chique e feijoada, mas não vá embora sem experimentar os carros chefe da casa: o Filé Oswaldo Aranha e o escondidinho de carne seca.

O bar também conta com uma carta de cervejas nacionais e importadas, caipirinhas, licores, cachaças e outras bebidas. Para animar, tem música ao vivo aos finais de semana a partir das 14h30 e nos demais dias, a partir das 19h. É cobrado couvert artístico de R$ 10.

  • Endereço: R. Dr. Amâncio de Carvalho, 262.
  • Horário de funcionamento: de segunda a domingo, das 11h às 16h e das 17h à 1h.

6. Barbirô

O Barbirô é um típico boteco com alma mineira, de onde vem uma das proprietárias, parte da decoração, sabores e a simpatia que marca o atendimento. Como um bom bar mineiro, o cardápio é composto por costelinha de porco, mandioca frita, torresminho mineiro e polenta frita, mas a marca registrada é o pastelzinho de feijoada, que nasceu ali. Na carta de bebidas está o bom chopp, que não pode faltar no happy hour, opções de cervejas nacionais e importadas e cachaças vindas diretamente de Minas Gerais.

A casa abre todos os dias para o almoço, mas a agitação toma conta no happy hour, que começa às 16h e vai até de madrugada, com muita animação e música ao vivo de quarta a sábado a partir das 20h.

  • Endereço: R. Vergueiro, 2040.
  • Horário de funcionamento: de segunda a sábado a partir das 11h.

7. Legítimo Bar

Esta é uma das opções mais famosas do bairro para reunir os amigos, tomar um chopp trincando e saborear deliciosos petiscos. A casa é famosa por servir a autêntica linguiça de Bragança, apresentada em diversos sabores. O ambiente é descontraído e com bom espaço para grupos. O happy hour começa às 17h e nos dias de jogos ainda é possível assistir às partidas.

  • Endereço: R. Luís Góis, 1728.
  • Horário de funcionamento: segunda, das 17h à 0h; de terça a sexta, das 17h à 0h30; sábado, das 12h à 0h30; domingo, das 12h às 23h; feriados, das 12h à 0h.

8. Sorveteria e Lanchonete Ypê

Você pode até passar e não dar nada pelo local, mas a Sorveteria e Lanchonete Ypê existe desde a década de 40 e permanece até hoje com sua clientela fiel. No cardápio, nada de hambúrguer gourmet, o que torna a casa especial são os x-burguer e x-salada tradicionais e sem frescura, com maionese caseira. O preço é um dos principais atrativos: é possível comer um lanche por R$ 20, sem falar no atendimento sempre cordial dos garçons.

  • Endereço: R. Vergueiro, 2143.
  • Horário de funcionamento: diariamente, das 11h30 às 23h30.

9. Barxaréu

O Barxaréu existe desde 1991 e foi um dos primeiros bares da região. O lugar é simples e com pouco espaço interno, mas se quiser, sente-se nas mesinhas da calçada para observar o movimento da rua e dos bares ao redor.

São servidas porções de boteco, mas o carro chefe são os bolinhos de jerimum com carne seca. Para beber, há opções de cervejas importadas, caipirinha e vinhos. O bar é sempre uma boa opção para um fim de tarde e assistir a uma partida de futebol com os amigos.

  • Endereço: R. Joaquim Távora, 1150.
  • Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 17h à 1h; sábado e domingo, das 12h à 1h.

Viu só como não faltam opções para todos os gostos?

10 fotos da Vila Mariana para entender a vibe do bairro

A Vila Mariana está no meio da agitação da cidade, mas não deixa de ter seu charme e calmaria.

1. No meio da agitação, algumas ruelas chamam a atenção

2. Às sextas é dia de feira

3. E não pode faltar aquela paradinha para um pastel e caldo de cana

4. Quando o concreto é tomado pela arte

5. Até os muros das casas se transformam em tela

6. Começar ou terminar o dia no Parque Ibirapuera é um privilégio

7. Já pensou em ter esses simpáticos patinhos como vizinhos?

8. Nem a chuva estraga a beleza do lugar

9. A Paróquia Nossa Senhora da Saúde chama a atenção por dentro e por fora

10. Sempre há uma surpresa te esperando pelas ruas!

11. Cenas do cotidiano

12. Pela janela, o concreto se mistura com o verde

13. Pelo caminho…

14. As casinhas charmosas resistem aos altos prédios

15. Quando o sol vai embora e dá início à vida noturna

Agora que você já sabe o tanto de programas que a Vila Mariana oferece, coloque ela no seu radar e aproveite!

PARA VOCÊ