O que fazer em Curitiba: um guia completo da capital paranaense

Escrito por Sheila Almendros

Se você está de viagem marcada para Curitiba, saiba que terá muito o que fazer na cidade: a capital do Paraná é conhecida por sua arquitetura incrível, por sua organização e pelas atrações turísticas e culturais imperdíveis. Saiba quais não podem faltar em seu roteiro, de acordo com o seu perfil:

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

O que fazer em Curitiba gastando pouco

Aproveitar Curitiba sem precisar investir muito é uma tarefa fácil. A cidade é repleta de parques, jardins e museus gratuitos ou com ingressos bem baratinhos. Espie só as opções:

1. Centro histórico de Curitiba

As construções e ruas de pedra datadas dos séculos XVIII e XIX permanecem intactas desde que o local ainda era a pequena Vila de Nossa Senhora da Luz. Por lá você encontrará as igrejas da Ordem Terceira de São Francisco de Chagas e de Nossa Senhora do Rosário de São Benedito, o Espaço Cultural do SESC (que já foi chamado de Paço da Liberdade), a Casa Romário Martins, o Solar do Barão, a Casa Vermelha, entre outras atrações.

2. Museu Oscar Niemeyer

Também conhecido como Museu do Olho, o MON possui exposições permanentes e sazonais, e conta com um acervo impressionante assinado por grandes nomes da arte como Andy Warhol, Tarsila do Amaral, Caribé, Candido Portinari, Tomie Ohtake, e claro, o responsável pela arquitetura do icônico edifício, Oscar Niemeyer. O ingresso para essa atração custa R$ 20, mas às quartas-feiras a entrada é gratuita das 10h às 18h, com programação especial.

3. Feira do Largo da Ordem

Aos domingos, o centro histórico recebe a Feira do Largo da Ordem, com suas barracas de antiguidades e comidinhas bem gostosas. Além do evento, há também uma série de bares e lojas do entorno abertas, que ajudam a agitar a região até o cair da tarde.

4. Ópera de Arame e o Parque das Pedreiras

A Ópera de Arame é um belo edifício de vidro que faz parte do complexo cultural localizado no Parque das Pedreiras. A casa já recebeu diversas apresentações e shows nacionais e internacionais, e pode ser visitada gratuitamente quando a agenda local está livre. Você ainda pode aproveitar o restaurante Ópera Arte na beira do lago para apreciar a paisagem.

5. Mercado Municipal de Curitiba

O Mercado Municipal é aquele passeio indispensável em qualquer cidade que você visitar. Isso porque você encontrará inúmeras opções para comprar alimentos para levar para casa ou consumir por ali mesmo, e muitos deles podem ser regionais e tradicionais da região. A entrada é gratuita e você gastará somente com suas compras e consumo.

6. Parque Barigui

O Parque Barigui conta com 1,4 milhões de m² de área, e é o local ideal para você praticar atividades ao ar livre ou somente apreciar o cenário. As capivaras marcam presença na beira do lago, e você as encontrará facilmente durante um passeio de bicicleta ou corrida pela ciclovia do local. Aproveite a visita para curtir o pôr do sol: o reflexo da cidade na água é espetacular.

7. Bosque Alemão

O povo germânico foi um dos responsáveis pelo crescimento de Curitiba, e o Bosque Alemão oferece muitas homenagens a ele em suas inúmeras construções de arquitetura alemã espalhadas por esta área verde. O local ainda conta com um mirante, com uma das vistas mais bonitas da cidade, uma trilha na mata fechada que simula a história de João e Maria, e uma sala de leituras, na qual as crianças se divertem durante a visita. A entrada é gratuita.

Continua após o anúncio

8. Parque Tanguá

Construído em um espaço onde funcionavam duas antigas pedreiras, o Parque Tanguá é um dos principais da cidade em sua categoria. Ele está situado na zona norte da cidade, e é mais uma opção de lazer ao ar livre em Curitiba, com ciclovia, lagos, um túnel artificial, ancoradouro, lanchonetes, além do Jardim Poty Lazzarotto.

9. Passeio Público

O parque mais antigo de Curitiba fica no coração da cidade, e apesar de pequeno, é uma ótima opção de passeio. O espaço, que já foi um jardim botânico, possui o Memorial Árabe, um parque de diversões, biblioteca, palco para apresentações culturais e musicais, um lago, entre outras atrações.

10. Oi Torre Panorâmica

Avistar uma cidade do alto nunca é demais, ainda mais por um preço bem em conta, não é mesmo? A Oi Torre Panorâmica possui 100 metros de altura e proporciona uma vista de 360 graus de Curitiba. Por lá dá para encontrar os inúmeros pontos verdes da região, e quando o tempo ajuda, a vista do pôr do sol se torna um bônus. O ingresso custa R$6.

11. Jardim Botânico de Curitiba

O principal cartão postal da cidade é conhecido por sua icônica cúpula de vidro, inspirado no Palácio de Cristal de Londres, e atraí inúmeros turistas diariamente. O local é tão mágico que dá vontade de permanecer por ali o dia inteiro, curtindo um piquenique, apreciando os jardins e assistindo ao pôr do sol. A entrada é gratuita.

12. Museu Paranaense

O Museu Paranaense é abrigado pelo Palácio São Francisco, e sua arquitetura já é uma atração a parte. O local possui em seu acervo mais de 400 mil itens, responsáveis por narrar a história do Paraná e de Curitiba. A entrada é gratuita, e funciona de terça a domingo, das 10h às 17h.

13. Rua das Flores

Registrada oficialmente como Rua XV de Novembro, a Rua das Flores foi a primeira avenida brasileira a ser fechada somente para circulação de pedestres, e é o destino ideal para apreciar o movimento da cidade. Há também diversos restaurantes e cafés no entorno e durante a época natalina acontece a apresentação do Coral de Curitiba.

14. Bairro de Santa Felicidade

O Bairro de Santa Felicidade pode ser considerado como a região italiana de Curitiba. Isso porque os mercadinhos, chocolaterias e restaurantes da região possuem toda essa atmosfera que o país possui. É um ótimo local para fazer um tour gastronômico, mas só de caminhar pelas ruas do bairro a diversão já será garantida!

15. Passeio de trem de Curitiba até Morretes

Percorrendo a Ferrovia Curitiba-Paranaguá, na Serra do Mar, o passeio de trem de Curitiba até Morretes já impressiona pela vista do itinerário. O percurso dura cerca de 4 horas e as passagens variam entre R$ 21 e R$ 360 (os vagões variam de classe econômica a de luxo). Em Morretes, aproveite para conhecer a gastronomia tradicional e a arquitetura histórica.

Gostou dessas atrações baratinhas? Então comece a traçar sua rota para Curitiba hoje mesmo!

O que fazer em Curitiba sozinho

Saiba quais passeios em Curitiba são perfeitos para você curtir a própria companhia:

16. Museu do Holocausto de Curitiba

Apesar de não ser uma atração popular da cidade, o primeiro Museu do Holocausto no Brasil convida o seu visitante a um momento de reflexão sobre a intolerância e violência. A exposição conta com imagens e depoimentos de pessoas que viveram no período do genocídio, e é necessário agendar a visita no site oficial antecipadamente, seja para o tour guiado ou independente. A entrada é gratuita.

17. Museus Egípcio, Rosacruz e Tutankhamon

Os Museus Egípcio, Rosacruz e Tutankhamon narram a história e costumes dos principais faraós e povos do Egito, com peças replicadas do Museu do Cairo, informativos e até uma múmia real! Apesar de pequenos, os espaços podem ser curtidos por horas, pois tem muita informação para apreciar por ali. Os ingressos são vendidos a partir de R$ 5.

18. Memorial Ucraniano

Localizado no Parque Tingui, o Memorial Ucraniano foi erguido para homenagear o centenário da imigração Ucraniana em Curitiba, e é composto por várias casinhas construídas com arquitetura bizantina, típica do país. Por ali você conhecerá um pouco da cultura e costumes deste povo, tudo cercado por uma área verde impressionante! Você pode aproveitar para fazer um piquenique ou apenas apreciar a exposição.

19. Bosque Zaninelli e UNILIVRE

A Universidade Livre do Meio Ambiente (UNILIVRE) é uma Organização Não-Governamental e fica no lindo Bosque Zaninelli. O local servia antigamente como pedreira, e realiza atividades relacionadas a educação ambiental, como cursos, seminários, conferências e exposições. Toda a área verde é aberta para visitação pública e gratuita, e certamente você sairá encantado de lá!

20. Parque General Iberê de Matos (Parque Bacacheri)

Essa antiga colônia de franceses, chamada anteriormente de Angelina, é um ótimo local para a prática de esportes, e também garantir momentos de relaxamento. Conte com pista de caminhada, canchas de vôlei e futebol de areia, lanchonetes, bica d’água, lago, churrasqueiras e playground, tudo para garantir momentos de lazer durante a sua visita.

21. Ruínas de São Francisco

Apesar de ser uma área tombada pelo patrimônio histórico do estado, os vestígios das Ruínas de São Francisco são restos de uma obra inacabada do que seria a Igreja de São Francisco de Paula. O local se tornou um ponto de atividades culturais dos curitibanos, recebendo inúmeros eventos ao longo do ano, como bloquinhos de Carnaval, eventos esportivos ou até mesmo visitantes solitários que só buscam um lugar inspirador para ler um livro.

22. Santuário Mariano de Schoenstatt – Tabor Magnificat

Você nem precisa ser religioso para se apaixonar pelo Santuário Mariano de Schoenstatt – a pequena capelinha revestida por trepadeiras de araucárias que fica em uma região bucólica. O local fica aberto todos os dias, das 7h30 às 18h30, com entrada gratuita, e além de apreciar a paisagem, você poderá conhecer um pouco mais dessa herança alemã. A atração ainda conta com cantina, loja de souvenirs e missas.

23. Fonte de Jerusalém

Esse monumento público foi erguido em 1995 para comemorar os três mil anos da capital de Israel. A fonte de quase 15 metros de altura foi assinada pelo arquiteto Fernando Canalli, e conta com três anjos de bronze no topo, representando a paz entre as três religiões monoteístas: cristianismo, judaísmo e islamismo. O monumento está localizado na entrada do Jardim Los Angeles.

24. Bosque Papa João Paulo II

O povo polonês também foi responsável pelo crescimento de Curitiba, e esses imigrantes também receberam uma homenagem devida da cidade. Foi construído, então, a partir da visita do Papa João Paulo II, essa linda área verde, que também abriga o Memorial da Imigração Polonesa. O local conta com diversas casinhas de arquitetura típica, maquinários da época da primeira imigração polonesa, e trilhas arborizadas de tirar o fôlego.

25. Portão Cultural

O Portão Cultural é um espaço incrível para conferir exposições e eventos sazonais de todos os tipos. O edifício fica logo ao lado de um terminal de ônibus, ou seja, ainda tem fácil acesso. De terça a domingo, das 10h às 19h você poderá encontrar feiras, mostras, apresentações, entre outros movimentos culturais que agitam a região. Confira a programação do espaço e não deixe de garantir a sua visita.

Em Curitiba o que não faltam são opções para preencher os seus dias de lazer. Aproveite!

O que fazer em Curitiba com chuva

A capital paranaense é conhecida por seu comumente tempo chuvoso. E claro que os curitibanos sabem criar atrações para serem curtidas até debaixo d’água: é exatamente nesses dias cinzas que você poderá curtir os inúmeros museus da cidade!

26. Museu de Arte Contemporânea

Com um acervo de mais de 1500 peças, o Museu de Arte Contemporânea preserva obras de artistas paranaenses e nacionais. Entre eles estão pinturas, desenhos, gravuras, esculturas, fotografias de Tomie Ohtake, Burle Marx, Waldemar da Costa, Cícero Dias, Alfredo Volpi, entre outras personalidades. O museu também conta com exposições itinerantes, que podem ser conferidas na programação da casa. Às quartas a entrada é gratuita.

27. Cine Passeio

O Cine Passeio é um complexo cultural dedicado à linguagem audiovisual. Além dos eventos sazonais que a casa recebe, a proposta é trazer de volta os famosos e clássicos cinemas de rua, com programação garantida com grandes produções hollywoodianas e sucessos cult. No terraço do edifício ainda rolam oficinas de música, e no térreo há um delicioso café.

28. Museu do Automóvel

Situado no Parque Barigui, esse museu temático é a atração perfeita para toda a família, e conta com inúmeros carros que marcaram a indústria automobilista do século XX. Referência desde 1976, a atração é uma das mais importantes do Brasil em sua categoria, e muitos dos automóveis expostos são peças únicas no país.

29. Memorial de Curitiba

Essa moderna e espaçosa instalação abriga inúmeros eventos musicais, exposições, concertos e espetáculos teatrais. O local funciona de terça a domingo, em horários alternados, com programação variada que vale a pena ser conferida durante a sua estadia na cidade. A diversão estará garantida!

30. MAI – Museu de Arte Indígena

O MAI possui um dos maiores acervos particulares do mundo dedicado exclusivamente à produção artística dos indígenas brasileiros. São mais de 700 peças adquiridas em expedições no Centro-Oeste e Norte do Brasil, entre cocares, peças de cerâmica, artigos de rituais, máscaras, entre outros adornos. A atração funciona de segunda a sábado, das 10h às 17h, para todas as idades.

Para enriquecer ainda mais seu roteiro, conheça também opções de restaurantes em Curitiba e aproveite sua viagem.

 
   

PARA VOCÊ