7 passeios em Terra Ronca para embarcar em uma viagem inesquecível

Terra Ronca é um deslumbrante Parque Estadual localizado em Goiás que guarda um dos maiores complexos de cavernas do Brasil, com 260 já catalogadas. Seu nome – Ronca – foi escolhido devido ao eco dos rios que atravessam as cavernas e o som das cachoeiras escondidas neste belo mundo subterrâneo. Aventureiros do Brasil e do mundo fazem uma jornada para conhecer as cachoeiras, rios e grutas nesse destino de ecoturismo. A seguir, confira um guia com as melhores atividades!

Publicidade

Índice do conteúdo:

Onde fica Terra Ronca e como chegar

O Parque Estadual Terra Ronca (PETeR) está entre as cidades de Guarani de Goiás e São Domingos em Goiás, quase na divisa com a Bahia. Contudo, a entrada para o complexo de cavernas e grutas é feita pelo povoado de São João Evangelista em São Domingos. O destino está a 600 km de Goiânia e 400 km de Brasília. Logo, para chegar lá, é preciso enfrentar uma longa jornada, mas que compensa qualquer esforço. O acesso é pela BR-020, mas saiba que em determinado momento você deverá percorrer 40 km por uma estrada de terra pela GO-108. Depois, é só escolher quais grutas você quer visitar e iniciar sua jornada.

O que fazer em Terra Ronca

Entre abril e outubro o clima é seco em Goiás, sendo os meses ideais para visitar Terra Ronca. As cachoeiras e galerias das cavernas e grutas, muitas vezes subterrâneas, são as atividades principais deste destino de turismo de aventura no Brasil. Confira o que fazer por lá!

1. São Mateus e São Bernardo

São Mateus é a maior caverna do Parque Estadual Terra Ronca, uma das maiores do Brasil e guarda formações rochosas por 24 km de extensão. É nessa caverna que está o Salão das Pérolas. Já a caverna de São Bernardo é conhecida por possuir uma cachoeira no interior, uma descida íngreme e travessias por dentro da água – uma incrível experiência.

2. Caverna Angélica

O local mais procurado em Terra Ronca é a caverna Angélica, que possui um trajeto mais tranquilo do que as outras. Além disso, é uma das cavernas mais bonitas do parque, repleta de estalagmites, estalactites e um rio que corta o interior, formando uma paisagem perfeita. Apesar de possuir 10 Salões, o das Cortinas e dos Espelhos são os mais procurados para contemplação. Por fim, saiba que o percurso é de 14 km e é preciso pagar uma taxa de R$10, já que é uma propriedade particular. Por causa do trajeto longo, os mais aventureiros pernoitam por ali – uma experiência incrível –, mas não é obrigatório fazer todo o percurso, tá?

3. Cavernas Terra Ronca I e II

A Terra Ronca é dividida em 2 partes e o trajeto inicia em uma entrada deslumbrante, com 96m de altura e 120m de largura. Para chegar até o final dela, é preciso atravessar o Rio da Lapa, que corta o seu interior, onde a profundidade da água beira a cintura. O diferencial é que, ao final do caminho, há um altar onde é comemorado a Festa do Bom Jesus da Lapa. Por fim, não deixe de contemplar o Buraco das Araras – uma fenda localizada no meio da gruta e por onde passa um feixe de luz, que cria uma paisagem única – e o famoso Salão dos Namorados, cujo nome remete a duas pedras unidas na caverna, que lembram um casal apaixonado.

4.Cachoeiras

Para relaxar a tensão após percorrer as cavernas, muita gente resolve mergulhar nas cachoeiras e rios que circundam o Parque Estadual Terra Ronca. As mais procuradas são a do rio São Bernardo e a da Palmeira, que possuem águas mornas ideais para relaxar. Muitos turistas costumam procurar cachoeiras escondidas dentro da Caverna São Bernardo.

Publicidade

5. Rapel na Caverna de São Vicente

O Rapel é uma das atividades realizadas pelo Parque Terra Ronca, mas o local mais procurado para a prática é a Caverna de São Vicente, que é acessada apenas por uma fenda. No interior, corre o Rio São Vicente, que forma cachoeiras escondidas pelas formações rochosas.

6. Lapa do Bezerra

Se você é um pouco mais aventureiro, pode visitar essa incrível caverna, conhecida por possuir o Salão da Floresta Branca, onde há espeleotemas – estruturas na caverna –, criando um cenário único.

7. Festa Bom Jesus da Lapa

Se você é adepto do turismo religioso, participe de uma procissão. Conhecida também como Romaria da Gruta da Terra Ronca, começa pelas ruas de São Domingos e segue até as cavernas – entradas e interior. Lá, é possível visitar tendas de comidas e bebidas, assistir apresentações e rezar.

Uma dica muito importante é a contratação de guias credenciados pelo parque para realizar os passeios no interior das grutas e cavernas, pois são esses guias que vão fornecer todas as dicas e equipamentos para atravessar o mundo subterrâneo de Terra Ronca.

Onde se hospedar

A região não possui muita estrutura e, por isso, as pousadas são simples. Muitas são rústicas e oferecem o básico para o visitante. Confira algumas opções abaixo:

  • Pousada Estação Lunar – $: quartos rústicos e um restaurante que oferece refeições simples. O mais divertido é a confraternização que a pousada realiza em diferentes épocas do ano junto aos hóspedes.
  • Pousada Terra Ronca – $: localizada a 1200 metros de distância da Caverna Terra Ronca, a pousada oferece quartos, mas também disponibiliza um camping organizado com café da manhã, almoço e jantar inclusos na diária.
  • Pousada Portal da Terra – $: hospedagem rural bem simples – para aqueles que querem uma experiência diferente. A pousada possui cozinha compartilhada, área para churrasqueira e uma pequena piscina.
  • Pousada Maya – $: se você quer ficar um pouco melhor instalado, pode optar por se hospedar em Alto do Paraíso de Goiás, que fica a 3h40 de Terra Ronca. Lá, você encontra essa luxuosa pousada, que disponibiliza tudo o que o visitante precisa.

Quando estiver hospedado pela região, não deixe de contemplar o céu estrelado e, também, vivenciar toda a cultura dos nativos, como os proprietários das hospedagens, incluindo os campings. Aliás, o camping mais famoso de Terra Ronca é o Camping do Ramiro.

10 fotos de Terra Ronca que te levam para uma aventura subterrânea

Registrar imagens nas grutas escuras é difícil, mas existem aqueles que conseguem captar um pouco do encanto deste local. Confira!

1. Bem-vindo ao Parque Estadual Terra Ronca!

2. É altamente recomendável contratar guias credenciados para entrar nas cavernas

3. Não deixe de contemplar as belas formações rochosas no interior das cavernas

4. A Caverna Angélica é a mais procurada, afinal, seu trajeto é mais simples

5. A melhor época para visitar as grutas é na seca, que costuma ocorrer em junho

6. Para chegar no interior da caverna de São Vicente, somente de rapel!

7. Os rios que cortam as cavernas rendem paisagens únicas

8. Tome cuidado ao andar pelas pedras que compõem as formações rochosas

9. No final da aventura, não deixe de mergulhar em uma das cachoeiras, como a Cachoeira das Palmeiras

10. Por fim, lembre-se que, para acessar ou deixar o destino, é preciso percorrer uma estrada de terra!

Gostou das fotos? Saiba que poucas câmeras conseguem registrar a beleza deste lugar com perfeição. Por isso, a ida nas cavernas de Terra Ronca é uma experiência que você não pode deixar de fora do seu roteiro!

Publicidade

Vídeos sobre a Terra Ronca que te levarão para uma viagem ao centro da terra

Antes finalizar o guia, confira alguns vídeos que vão te deixar com vontade de visitar o mundo subterrâneo de Goiás!

Conheça as cavernas em Terra Ronca I e II

Neste vídeo do canal Rota Livre Pelo Mundo, acompanhe a jornada pelas cavernas incríveis do destino. Repletas de estruturas rochosas e trilhas, o trajeto pode ser considerado traiçoeiro, ocasionado sustos como no final do vídeo. Aperte o play e assista!

Uma experiência incrível: Terra Ronca I

Publicidade

No vídeo do canal Viajo Porque Preciso é possível ver as incríveis formações rochosas que se formam nas cavernas, além de muita natureza ao redor. Confira como é o local!

Viagem inesquecível ao mundo subterrâneo

Embarque na estrada de chão até essa jornada repleta de descobertas e cenários fascinantes, os quais vão fazer qualquer um querer se aventurar pelas cavernas de Terra Ronca. Assista!

No limite: desbravando as cavernas do Parque Estadual Terra Ronca

Confira um recorte de uma série de vídeos que mostra como é a vibe das cavernas da Terra Ronca. Na terceira parte, você acompanhará o trajeto até a entrada de uma das cavernas, que possui um rio. Os aventureiros presentes no vídeo optaram por fazer um passeio sem guia, mas é extremamente recomendada a contratação de um profissional capacitado para visitar o local com segurança.

Casal aventureiro: visita ao complexo de cavernas em Terra Ronca

Neste vídeo, o casal visita o Parque Estadual Terra Ronca e mostra como o destino ainda é desconhecido no Brasil. A partir dele, é possível observar imagens incríveis do interior das Cavernas. Não deixe de assistir!

Se você gostou deste guia sobre o Parque Estadual Terra Ronca e quer descobrir mais locais com aventuras desafiadoras para visitar? Confira o Abismo Anhumas, uma das cavernas mais bonitas do Brasil.