Pico do Jaraguá: curta ao máximo o ponto mais alto de São Paulo

Escrito por Sheila Almendros
Em 11.01.21

O Pico do Jaraguá é o ponto mais alto de São Paulo. Com seus 1135 metros de altitude, chama a atenção de inúmeros visitantes por ano em busca de uma vista privilegiada da maior cidade da América Latina. Conheça os principais atrativos do local e saiba como aproveitá-lo da melhor maneira durante a sua visita:

Continua após o anúncio

Onde fica o Pico do Jaraguá

O Pico do Jaraguá fica dentro do parque estadual homônimo, responsável por abrigar um dos últimos vestígios de Mata Atlântica na região metropolitana da cidade de São Paulo. São 492 hectares dentro do perímetro de conservação, localizado na região noroeste do município.

Como chegar

Há duas maneiras de chegar até o Pico do Jaraguá, que atende às expectativas tanto dos visitantes mais aventureiros quanto dos que buscam somente momentos de descanso e contemplação. Confira:

  • Carro: a entrada para o parque fica na R. Antônio Cardoso Nogueira, 539, e o acesso é feito pela Rodovia Anhanguera, no km 18. De lá, você se direcionará com o veículo para a Estrada Turística, que é bem sinalizada e com ótima pavimentação (atente-se somente aos transeuntes e ciclistas na via). Chegando ao topo, você encontrará um estacionamento gratuito, com lanchonetes e banheiros.
  • Através de trilhas: o acesso ao mirante do Pico do Jaraguá pode ser feito a pé pela Trilha do Pai Zé, de aproximadamente 2 km, partindo da entrada do parque. A caminhada dura de 1h a 1h30, possui boa sinalização e é considerada de nível fácil, pois não exige nenhum esforço que não seja disposição.

Já sabe qual das maneiras de chegar escolherá para a sua viagem? No próximo tópico, acompanhe mais informações essenciais para a aventura!

Dicas e informações importantes para aproveitar melhor o seu passeio

Tome nota das principais dicas sobre o Pico do Jaraguá, para que a sua aventura seja bem organizada e sem defeitos:

  • Chegando de ônibus: caso precise acessar o Parque do Jaraguá de ônibus, basta pegar a linha 8696-10: “Jaraguá – Pça Ramos de Azevedo”, próximo ao metrô Anhangabaú, na R. Xavier de Toledo.
  • Leve água: não há bebedouros e postos de abastecimento durante o percurso da trilha, portanto leve sua garrafinha cheia para se manter hidratado durante o percurso.
  • Proteja-se: não se esqueça do chapéu e do protetor solar para curtir a trilha. Muitos pontos do percurso não possuem sombras.
  • Programe-se: o melhor horário para percorrer a trilha é durante a manhã, quando o sol não está muito forte. A visitação pode ser feita de segunda a domingo, das 7h às 17h.
  • Evite dias de chuva: o Pico do Jaraguá é um dos pontos com maior índice de raios em São Paulo, portanto não suba em dias chuvosos, para evitar qualquer incidente.
  • Entrada: o acesso ao Pico do Jaraguá, assim como ao parque, é gratuito.
  • Acesso às antenas: o ponto mais alto do Pico do Jaraguá é onde se encontram as principais antenas de transmissão dos 3 principais canais do Brasil, porém, mesmo que o acesso ao cume seja feito de carro, é necessário subir cerca de 200 degraus para chegar até o local.

Agora que você já sabe de todas as informações importantes sobre o Pico do Jaraguá, é hora de programar a sua visita.

O que fazer no Pico do Jaraguá durante o seu passeio

Desbrave o Parque Estadual do Jaraguá e todas as atividades que o local proporciona. Todas elas podem ser curtidas em um único dia. Veja só:

1. Trilha do Pai Zé

Como já visto, o acesso ao cume do Pico do Jaraguá a pé é feito pela Trilha do Pai Zé. São 1132 metros de elevação (3600 metros de ida e volta no percurso) que podem ser percorridos de maneira leve e sem muitas dificuldades – os visitantes costumam variar entre crianças, adultos e idosos. Separe seu calçado mais confortável, suas roupas leves, a garrafinha de água cheia e bom passeio!

2. Mirante do Pico do Jaraguá

Caso não queira subir até a base do Pico do Jaraguá, o mirante é uma boa pedida para também aproveitar ao máximo a vista do entorno. Ele está localizado no fim da Trilha do Pai Zé – precisamente no estacionamento do local, onde também há um bicicletário, lanchonete e banheiros. É uma parada perfeita para um pit stop antes de seguir para a próxima atração.

3. Base do Pico do Jaraguá

Para acessar a área das antenas – pico mais alto do morro -, é necessário subir uma escadaria com 242 degraus, independentemente se o trajeto até o local tenha sido feito de carro ou pela trilha. Esse pequeno esforço vale a pena: a vista da base do pico é surpreendente e rende as melhores fotos registradas do passeio.

4. Vida animal

Durante o percurso da trilha, não deixe de apreciar a Mata Atlântica e a vida animal que habita por lá. Há centenas de esquilos e saguis circulando entre as árvores, que deixam a caminhada ainda mais curiosa e divertida. Durante os dias de clima mais ameno é quando eles mais marcam presença.

5. Lago do Parque Jaraguá

No Parque Estadual do Jaraguá, há um lago com o entorno bastante arborizado – um lugar perfeito para descansar e curtir a paisagem. Em sua volta, há uma trilha de 1 km, com duração de 20 minutos e em forma de círculos, ideal para curtir com as crianças. Aproveite para relaxar entre as sombras e tirar muitas fotos.

6. Trilha do Silêncio

Com 828 metros de ida e volta, a Trilha do Silêncio faz parte do Parque Estadual do Jaraguá e pode ser percorrida por crianças, adultos e idosos em 30 minutos. Ela é adaptada para receber visitantes com mobilidade reduzida. A vegetação intocada e bastante densa abafa todo o barulho da cidade grande ao redor do parque, oferecendo uma tranquilidade única ao passeio.

7. Trilha da Bica

Outra trilha do Parque do Jaraguá que merece entrar em seu roteiro é a da Bica, com 1500 metros de ida e volta e percurso de 45 minutos. Por ter alguns pequenos obstáculos durante o trajeto, é indicada para crianças maiores de 8 anos, e seu destino é uma refrescante bica d’água em meio à Mata Atlântica.

Para curtir o Parque e o Pico do Jaraguá, reserve o dia inteiro para aproveitar ao máximo o passeio. Chegue pela manhã, prepare comidinhas gostosas para um delicioso piquenique em meio à natureza e desbrave esse pedacinho de Mata Atlântica no meio da famosa Selva de Pedra.

Onde se hospedar

As opções em São Paulo são diversas, para todos os gostos e orçamentos. Para facilitar a sua escolha, selecionamos 3 opções próximas ao Pico do Jaraguá. Confira:

  • Ibis Barra Funda – $: a um pouco mais de 1 km de distância do Pico do Jaraguá, o estabelecimento conta com decoração moderna, quartos equipados com TV, ar-condicionado e banheiro privativo por um custo-benefício indispensável.
  • David Plaza Hotel – $$$: pertinho da estação de trem, o hotel oferece café da manhã gratuito, quartos com hidromassagem e cancelamento gratuito para alguns dormitórios.
  • Holiday Inn Parque Anhembi – $$$: com ótimo acesso para as principais vias e avenidas de São Paulo, o hotel dispõe de TV a cabo, wi-fi gratuito, piscina e serviço de quarto.

Ao escolher um hotel em São Paulo, tenha em mente que a melhor opção é a que te oferece um melhor deslocamento – se estiver de carro, o mais indicado são hotéis que tenham fácil acesso às principais avenidas. Já para quem depende de transporte público, o ideal é se hospedar em locais próximos às estações de trem e de metrô e às atrações preferidas.

5 curiosidades sobre o Pico do Jaraguá

A seguir, saiba mais da história do Pico do Jaraguá e como ele se tornou um ponto turístico de grande destaque na capital paulista:

  • Antes de 1939, ano em que o Pico do Jaraguá tornou-se patrimônio público, a região pertencia a uma fazenda com o mesmo nome.
  • Em 1940, os planos para dinamizar o turismo na região foram iniciados. Um teleférico, um hotel e um jardim zoológico seriam incluídos, mas foram descartados ao longo dos anos.
  • Durante a época da mineração, a região foi muito explorada por sua grande quantidade de ouro, travando uma grande guerra entre os índios e os bandeirantes.
  • É possível viajar pela história da região em seu passeio pelo Parque Estadual do Jaraguá, contemplando antigas construções – como as ruínas do casarão do bandeirante Afonso Sardinha, o habitante mais antigo do lugar.
  • O Parque Estadual do Jaraguá pertence à Zona Núcleo do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo, Reserva da Biosfera. Foi tombado em 1994 como Patrimônio da Humanidade pela Unesco e abriga uma aldeia indígena próximo à entrada do parque.

Agora que você já sabe tudo sobre o Pico do Jaraguá e o parque que o abriga, que tal agendar a visita para o seu próximo dia de folga?

10 fotos encantadoras do Pico do Jaraguá para te arrancar suspiros

Acompanhe os registros mais impressionantes do Pico do Jaraguá, feitos por visitantes que passaram por lá e conferiram o melhor da Mata Atlântica em meio à selva amazônica:

1. O Pico do Jaraguá oferece um vista incrível tanto de noite…

2. … como durante o dia

3. Para acessá-lo, você desbravará uma trilha

4. Em meio à poderosa Mata Atlântica

5. A vista lá do alto é imperdível

6. E atinge um raio de 55 km da capital paulista

7. Você será muito bem recepcionado pelos moradores locais

8. E encontrará pontos de descansos inspiradores pelo parque

9. Aprecie cada cantinho da região

10. E leve as melhores recordações registradas em fotografias

Durante a sua estadia em São Paulo, não deixe de visitar também a Serra da Cantareira. Assim como o Pico do Jaraguá, é um destino perfeito para se conectar com a natureza mesmo em um grande centro urbano.