Viña del Mar: saiba como chegar, o que visitar e onde comer

Escrito por Bárbara Costa

Viña del Mar é uma charmosa cidade chilena localizada na região de Valparaíso, banhada pelo Oceano Pacífico e rica em atrações turísticas. Os visitantes que incluem o local no roteiro estão em busca de descobertas culturais, culinárias e relacionadas à arquitetura.

O município é considerado a capital turística do Chile e conta com uma bem estruturada rede hoteleira. Quer saber onde comer (muito!) bem e passear por Viña del Mar? Acompanhe os tópicos a seguir!

Viña del Mar: pontos turísticos

Não faltam lugares únicos a serem incluídos no seu roteiro por Viña del Mar. Veja quais pontos turísticos não podem ficar de fora!

1. Quinta Vergara

Trata-se de um parque municipal que abriga o Palácio Vergara (declarado Monumento Nacional), o Anfiteatro Quinta Vergara e lindos jardins. É nele que acontece, todos os anos, o Festival Internacional da Canção de Viña del Mar. Caminhando pelo local, você encontra esculturas como a do premiado escritor Pablo Neruda, além de cantinhos bem tranquilos e ótimos para contemplar a bela paisagem.

  • Valor da entrada: gratuito.
  • Horário de funcionamento: terça a domingo, das 8h às 18h.
  • Endereço: R. Errázuriz, 563-596.
  • 2. Castelo Wulff

    Esse deslumbrante castelo tem vista para o mar e data de 1906 (quando foi construído pela família alemã Wulff). Seu piso transparente permite que os visitantes vejam as rochas e o mar por baixo. Incrível, não? Atualmente, a construção pertence à Prefeitura de Viña del Mar e é considerada Patrimônio Histórico Nacional. O espaço também costuma receber exposições de arte itinerantes.

    • Valor da entrada: gratuito.
    • Horário de funcionamento: terça a domingo, de 10h a 13h30min e 15h a 17h30min.
    • Endereço: Av. La Marina, 36.
    • 3. Relógio de Flores

      O Relógio de Flores é o cartão-postal de Viña del Mar — e, portanto, parada obrigatória para quem passa por lá. O monumento foi inaugurado em 1962 no Cerro Castillo, devido à Copa do Mundo da FIFA (que teve a cidade como uma de suas sedes). As flores coloridas desabrocham o ano inteiro e os ponteiros têm três metros de comprimento. Os sinos ressoam a cada 15 minutos e as melodias ouvidas variam de acordo com a época do ano.

      • Valor da entrada: gratuito.
      • Horário de funcionamento: aberto 24h.
      • Endereço: R. Alamos, 590 – em frente à praia de Caleta Abarca.
      • 4. Praia Reñaca

        Trata-se de uma famosa praia do Chile, que fica bem movimentada durante o verão. Suas águas limpas e com ótimas ondas atraem tanto visitantes interessados em relaxar na areia quanto surfistas. A infraestrutura local conta com vários quiosques e um forte comércio. Além disso, há inúmeras opções de hospedagem e alimentação no entorno.

        • Valor da entrada: gratuito.
        • Horário de funcionamento: aberto 24h.
        • Acesso: Av. Borgoño.
        • 5. Cassino Municipal

          O Cassino Municipal de Viña del Mar é o maior do Chile e um clássico da cidade. No local, você encontra mais de mil máquinas, inúmeros jogos de mesa e bingo. Para a diversão ficar completa, há bares, restaurantes, boates e até um hotel no prédio. A construção, com vista para o Oceano Pacífico, tem uma importância histórica e arquitetônica para o município.

          • Valor da entrada: 3.800 pesos chilenos.
          • Horário de funcionamento: funciona 24h por dia.
          • Endereço: Av. San Martín, 199.
          • E então? Você prefere praia, parque ou monumentos históricos? Em vez de decidir por algum dos atrativos, inclua todos eles no passeio!

            Onde comer na Viña del Mar

            Depois de visitar as atrações turísticas de Viña de Mar, nada mais natural do que bater aquela fome, não é mesmo? Descubra quais são as melhores opções de restaurantes na cidade!

            1. Sativo Restaurant

            Se você quer uma refeição moderna e criativa, que explora ingredientes frescos e locais, vá ao Sativo. Trata-se de um espaço elegante e casual, comandado pelo Chef Gabriel Gómez e localizado a poucos passos do mar. Prove o Camarón Ecuatoriano al Pil Pil (camarões salteados no azeite com alho, manteiga e coentro) ou o Crudo de Res (filé com alho assado, picles, salsa e mostarda Dijon).

            • Endereço: 4 poniente, 630.
            • Horário de funcionamento: de 13h a 16h (quarta a domingo) e 20h a 23h (terça a sábado).

            2. Ohlala

            Caso você não abra mão de uma excelente (e tradicional) culinária francesa, o Ohlala é uma ótima pedida para jantar em Viña del Mar. Os saborosos pratos incluem clássicos como Bœuf Bourguignon, Pato, Fondue e Camemert au Four. Experimente os lagostins flambados no licor de anis de Marsella e, para fechar, o Crème Brûlée!

            • Endereço: 11 y medio norte, 1053.
            • Horário de funcionamento: de 13h a 15h30min (terça a sábado) e 20h a 22h30min (terça a sábado).

            3. Pecado DEL INKA Continental

            Aqui, quem tem vez é a gastronomia peruana. Os inúmeros pratos oferecidos são preparados com produtos de todo o território do país vizinho. O cardápio traz iguarias típicas, como ceviche, lomo saltado (lombo frito), seco de vacuno (carne seca) e aji de gallina. Para beber, peça o famoso drink Pisco Sour!

            • Endereço: 12 Nte, 1114.
            • Horário de funcionamento: segunda a quinta, de 13h a 23h30min; sexta e sábado, de 13h a 0h; domingo, de 13h a 18h.

            4. Cevasco

            Para aqueles que querem fazer apenas uma refeição rápida, esse fast food chileno pode ser a escolha ideal! O negócio começou como uma pastelaria e hoje oferece sanduíches de frango ou lombo, cachorro-quente e hambúrgueres. A maionese é caseira e a maioria dos pratos leva a palta (pasta de abacate salgado). O preço não deixa a desejar!

            • Endereço: Av. Valparaíso, 700.
            • Horário de funcionamento: das 8h30min às 23h.

            5. Ilo Mapu

            O Ilo Mapu resgata a culinária indígena chilena e promete proporcionar a você uma experiência única! A tribo Mapuche, à qual o nome do estabelecimento faz referência, serve de inspiração para os pratos. Entre eles, a trilogia de carnes é bastante elogiada pelo público — além do cordeiro assado, do salmão com mariscos e da quinoa com tinta de polvo.

            • Endereço: 6 Norte, 228-276.
            • Horário de funcionamento: terça a sexta, de 12h a 16h e 19h a 23h; sábados, de 12h a 0h; domingos, de 12h a 17h.

            Viu só como Viña de Mar não vai deixar você na mão quando o assunto for comer bem?

            Viña del Mar: festival

            O Festival Internacional da Canção de Viña del Mar acontece anualmente no mês de fevereiro. O evento é organizado desde o ano de 1960 e considerado um dos festivais musicais mais importantes da América Latina. É o anfiteatro do parque Quinta Vergara, com capacidade para 15 mil pessoas, que recebe as apresentações.

            Ainda que o festival tenha se expandido e conte com atrativos internacionais, os artistas e as músicas regionais mantêm seus devidos espaços no palco. Entre as atrações que já passaram por lá, estão: Backstreet Boys, Miranda, Lionel Richie, Los Huasos Quincheros e Shirley Bassey.

            O evento é transmitido pela televisão ao Chile e ao resto do mundo (pela TV Chile). Que tal considerar a data do Festival de Viña antes de marcar sua viagem?

            Distância da Viña del Mar até Santiago

            Viña del Mar fica a menos de 130 km de Santiago. A curta distância encoraja muitos turistas a fazerem um bate-volta — principalmente aqueles interessados nas praias banhadas pelo Pacífico. Abaixo, veja quais são as melhores opções para percorrer esse trajeto!

            • Carro: saindo de Santiago, é preciso pegar a Ruta 68 (que apresenta trechos com pedágios). Após percorrer aproximadamente 100 km, você deve passar pela bifurcação para a Ruta 60, que segue até Viña del Mar. O tempo total estimado é de cerca de 1h:40min.
            • Ônibus intermunicipal e transporte público: no Terminal Alameda, é possível encontrar ônibus da Turbus, Condor ou Pullman Bus que gastam menos de duas horas para finalizar o trajeto. O preço varia entre 2.000 e 2.700 pesos chilenos, o que equivale a cerca de R$ 15,00. Além disso, a linha 1 da estação de metrô Pajaritos oferece saídas para Viña.
            • Passeios organizados por agências: para quem não abre mão da comodidade, contratar os serviços de uma agência pode ser o ideal. O ônibus (ou van) busca e deixa você no local de hospedagem, sendo que o tour inclui paradas nos principais atrativos e degustações de vinhos. Porém, o preço é mais alto: 8h de passeio podem sair por mais de 300 reais.

            E então? Você também achou a cidade de Viña del Mar encantadora? Que tal começar a planejar sua rota pelo Chile? Boa viagem!

PARA VOCÊ