O que fazer no Chile: atrações para aproveitar o melhor do país andino

Escrito por Gabriella Soares

O Chile é um dos destinos mais interessantes para se visitar na América do Sul. Devido a grande extensão do país, é possível conhecer paisagens completamente diferentes, desde as praias do Oceano Pacífico até as belezas geladas da Patagônia Chilena. Assim, se você quer saber o que fazer no Chile, confira uma seleção de opções abaixo para qualquer época do ano.

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

O que fazer no Chile no verão?

Conhecer o verão chileno pode ser uma ótima experiência para quem gosta de praias, clima ameno e muita diversão. Abaixo você encontra uma lista do melhores locais para aproveitar a temporada no Chile:

1. Viña del Mar

A cidade de Viña del Mar é uma das preferidas para quem vai aproveitar as praias chilenas. Além da beleza de seu litoral, Viña conta ainda com belas paisagens verdes, como jardins, e uma mistura de construções modernas e antigas. Um exemplo disso são os famosos castelos da região. A melhor época para aproveitar o sol e o mar da cidade é entre dezembro e fevereiro.

2. Pichilemu

Outra cidade litorânea famosa entre os turistas é Pichilemu. As praias dessa região são particularmente recomendadas para quem gosta de surfar, já que contam com as altas ondas do Oceano Pacífico. Os parques arborizados também são atrações de Pichilemu, que fica próxima de Santiago, a capital do Chile.

3. Valparaíso

Valparaíso também é litorânea, mas o principal atrativo dessa cidade é sua vida artística e boêmia. É comum encontrar artistas em rodas de poesia, rap e apresentações de dança pelas ruas de Valparaíso. A cidade é considerada um dos centros culturais do Chile e reúne ainda diversas feiras de artesanato e muita música.

4. Parque Nacional Huerquehue

Apesar de estar aberto a visitação o ano todo, a melhor época para ir ao Parque Nacional Huerquehue é durante o verão. Isso porque nos meses mais frios a chuva e a neve podem dificultar a visita. O parque da cidade de Pucón concentra bosques, cachoeiras, lagos e mirantes. Todas as atrações podem ser acessadas por meio de trilhas, que custam cada uma cerca de R$ 18. O Huerquehue funciona das 8h30 às 20h.

5. Parque Fantasilandia

O Parque Fantasilandia é uma das principais atrações de Santiago para quem está visitando o Chile com a família. O Fantasilandia é um parque de diversão com brinquedos para todas as idades, além de alguns voltados para quem gosta de adrenalina. E durante o verão, muitos brinquedos aquáticos são abertos ao público. O parque fica aberto todos os dias das 12h às 21h e os ingressos custam cerca de R$ 65.

6. Iquique

Iquique é uma cidade na costa do Oceano Pacífico que tem algumas das mais belas praias do Chile. Para quem gosta de praticar esportes aquáticos, como surfe e vela, essa pode ser uma boa escolha. Além disso, Iquique é um dos polos de compras do país e tem também alguns cassinos para quem quiser tentar a sorte.

7. Cajón del Maipo

Aos pés da Cordilheira dos Andes está localizado o cânion Cajón del Maipo. O cânion é um paraíso para curtir a natureza chilena. É possível fazer rafting e trilha, além de observar paisagens maravilhosas com lagos cristalinos e diversas montanhas. É o destino ideal para quem ama a natureza!

Continua após o anúncio

O que fazer no Chile no inverno?

O inverno também reserva diversas atrações para quem deseja conhecer e se divertir no Chile. Algumas das melhores opções são:

8. Valle Nevado

Uma das atrações mais famosas do Chile, o Valle Nevado é o maior resort de neve do hemisfério Sul. O centro de esqui tem cerca de 2.860 metros de altitude e é o destino ideal para os amantes de neve, seja para visitas de um dia ou para se hospedar.

9. Corralco

Outro destino com muita neve e esportes radicais é o Valle de Corralco. Mas essa estação de esqui tem um diferencial: fica aos pés do vulcão Lonquimay. No inverno, o visitante pode realizar caminhadas com raquetes até o vulcão, além de trilhas pelos famosos bosques de araucária da região.

10. Parque Nacional Torres del Paine

Localizado na Patagônia Chilena, o Parque Nacional Torres del Paine é um dos principais destinos turísticos do Chile. Torres del Paine consiste em um conjunto de montanhas com formatos pontiagudos. Aos pés das montanhas é possível ver águas doces de cor turquesa cercadas por densa vegetação. Uma paisagem como nenhuma outra.

11. Pucón

Apesar de Pucón ser uma cidade litorânea, o ideal é visitá-la no inverno. Isso porque o cume do vulcão Villarrica, sua principal atração, fica coberto de neve e essa é uma visão e tanto! Outra local a ser visto em Pucón é a Praia Grande, uma praia com areia preta por causa do vulcão inativo e que tem água doce.

12. Laguna San Rafael

Parte da Patagônia Chilena, a Laguna San Rafael é uma das atrações naturais mais importantes do Chile. Os blocos de gelo de San Rafael têm milhares de anos e possuem diferentes tamanhos e tonalidades de azul. É possível realizar visitas por meio de guias especializados e cruzeiros para ver e se encantar com essa paisagem única.

13. Ilha Magdalena

Localizada na região de Punta Arenas, a Ilha Magdalena é um refúgio para pinguins magallánicos. Visitantes podem viajar de barco até a ilha e ver os pinguins, além de realizar trilhas com eles, já que os animais se sentem à vontade ao redor de humanos. Além disso, Magdalena conta com um farol, no qual há uma exibição de fotografias de todos os tipos de pinguins que vivem na Patagônia.

14. Embalse el Yeso

Embalse el Yeso é uma represa que fica perto de Cajón del Maipo. Em el Yeso é possível fazer rafting, além de observar a maravilhosa paisagem das montanhas cobertas de neve. A água azul reflete as belezas da montanha e do belo céu chileno. Para visitar a Embalse el Yeso é preciso comprar um ingresso que custa cerca de R$ 8.

Com muita neve, esportes radicais, gelo e belas paisagens, visitar o Chile durante o inverno é uma experiência memorável. Não se esqueça de planejar seu roteiro com as melhores atrações para aproveitar a estação.

Atrações imperdíveis do Chile

Independentemente do clima, o Chile tem diversas atrações que garantem muita diversão e beleza para sua viagem. Abaixo você pode conferir uma lista de alguns dos melhores locais para se conhecer:

15. Deserto do Atacama

Além de ser o deserto mais seco do mundo, o Atacama é também um dos céus mais limpos do mundo para se observar as estrelas. O Deserto do Atacama conta com diferentes paisagens: a Cordilheira dos Andes, vulcões, montanhas e olhos de sal, lagos, piscinas naturais e águas termais. Vale a pena conhecer!

16. Ilha Grande de Chiloé

Ilha Grande de Chiloé é um paraíso natural em que as paisagens naturais foram preservadas. A ilha possui diversas praias desertas, parques nacionais e lagos e florestas nativas. A gastronomia e os costumes da região também foram preservados e a tradição chilena é algo muito presente em Chiloé.

17. Valle de la Luna

Na região do Deserto do Atacama está o Valle de la Luna, um santuário da natureza. La Luna tem serras de mais de 2,5 mil metros de altitude, além de contar com a vista de toda a Cordilheira dos Andes e com um belo céu de intensas e diferentes cores. Para entrar no Valle de la Luna é preciso comprar um ingresso de R$ 15.

18. Gêiseres de Tatio

Em meio a Cordilheira dos Andes, os Gêiseres de Tatio são um conjunto de nascentes termais que de vez em quando entram em erupção e formam uma parede de água e vapor. Além disso, em Tatio também encontram-se piscinas termais e diferentes animais, como lhamas.

19. Casa La Chascona

Um local que é imperdível no Chile é a Casa La Chascona de Pablo Nerruda, que fica em Santiago. Nerruda foi um dos escritores mais importantes da América Latina e deixou três casas pelo país que foram transformadas em museus. Chascona é um desses museus e um dos mais importantes da capital chilena.

20. Capillas de Mármol

Capillas de Mármol fica no norte da Patagônia Chilena e é um dos destinos mais procurados por quem visita essa região do Chile. As Capillas de Mármol são túneis e cavernas de mármore, que foram esculpidas pela natureza como ilhas no Lago General Carrera, o maior lago do país. Uma visão verdadeiramente única!

21. Concha y Toro

A maior vinícola do Chile é a de Concha y Toro. Os vinhos produzidos nesse local são queridinhos do público brasileiro. A visita à vinícola permite ao turista conhecer os vinhedos, o casarão e os jardins da família fundadora, além de degustar os vinhos que fizeram de Concha y Toro uma das produtoras de vinho mais famosas do mundo.

22. Puerto Varas

O maior atrativo da cidade de Puerto Varas é o vulcão Osorno, normalmente coberto de neve. No topo do vulcão existem estações de esqui, que têm entrada gratuita. Para quem não curte muito esquiar, é possível também brincar na neve, além de aproveitar a paisagem.

23. Ilha de Páscoa

A famosa Ilha de Páscoa com suas misteriosas esculturas também é uma atração imperdível no Chile. A ilha fica em meio ao Oceano Pacífico e pode ser acessada por meio de um tour aéreo. Lá, é possível ver as 887 estátuas de pedras gigantes e aproveitar os parques naturais e culturais da Ilha de Páscoa.

24. Arquipélago de Juan Fernández

Formado por um conjunto de três ilhas, a Robson Crusoé, a Alejandro Selkirk e a Santa Clara, o Arquipélago Juan Fernández é um paraíso de belezas naturais. As três ilhas são vulcânicas e possuem uma grande diversidade de flora e fauna. Sendo assim, as atividades turísticas são focadas na natureza, como trilhas, mirantes, passeios de barco e mergulho.

25. Termas Geométricas

Localizada em Pucón, as Termas Geométricas ficam entre dois morros e contam com uma cachoeira e belas piscinas naturais. As águas desse local são aquecidas por causa do vulcão Villarrica e a temperatura pode chegar até 40 °C. Para aproveitar todas as atrações das Termas Geométricas é preciso pagar um ingresso de R$ 150.

26. Viña Matetic

Uma atração ideal para os mais românticos é a Viña Matetic. Próxima a Santiago, a vinícola combina ótima comida com deliciosos vinhos oferecidos para degustação. Além disso, a Viña Matetic oferece uma paisagem rústica em que é comum ouvir o canto dos pássaros em meio ao céu azul.

27. Parque Nacional Pan de Azúcar

Já o Parque Nacional Pan de Azúcar é a atração certa para quem está fazendo uma viagem mais focada nos aspectos culturais. O Pan de Azúcar tem diversos sítios arqueológicos e concentra em suas praias e bosques animais como pelicanos, lobos marinhos e pinguins de Humboldt.

28. Lago Llanquihue

O Lago Llanquihue é o segundo maior lago do Chile e concentra uma grande diversidade de fauna e flora. Para o turista, as maiores atrações são os esportes aquáticos, como canoa, esqui aquático e surf. A diversão é garantida.

29. Carretera Austral

Um dos principais caminhos para se chegar à Patagônia é a Carretera Austral. A estrada se tronou uma atração pelas belas paisagens que sua extensão de mais de mil e duzentos quilômetros reserva aos viajantes.

30. Patagônia Chilena

Com toda a certeza um dos destinos mais famosos do Chile, a Patagônia Chilena é uma atração imperdível. A região consiste em glaciares e montanhas cobertas de neve, além de cidades litorâneas que carregam muito da cultura chilena. Além disso, a Patagônia oferece ao turista algumas das mais belas paisagens chilenas.

31. Festival de la Tirana

Na cidade de Tirana está uma das maiores festas tradicionais chilenas, o Festival de la Tirana. Anualmente, entre julho e agosto, a cidade celebra a Virgem de Carmen e reúne povos do Chile, do Peru e da Bolívia, todos vestidos em roupas muito coloridas e cantando e dançando ao som de músicas andinas. Vale a pena conhecer e participar dessa bela festa!

32. Laguna Verde

Perto do vulcão Osorno está o Parque Nacional Vicente Perez Rosales e uma das atrações mais visualmente impressionantes do Chile, a Laguna Verde. O lago de águas profundamente verdes chama a atenção pela beleza e limpidez. O ingresso para visitar a Laguna Verde e o vulcão Osorno custa cerca de R$15.

33. Termas de Puritana

Outro destino famoso para quem gosta de piscinas termais é o Thermas Puritana. Em meio ao Deserto do Atacama, o Puritana é formado por piscinas naturais que ficam a mais de 3,5 mil metros de altitude. Como fica dentro de uma reserva indígena que busca proteger a área e os animais que ali vivem, o visitante precisa pagar em média R$ 25 para entrar.

34. Santiago

A cidade de Santiago é a capital do Chile e garante muita diversão para todos. Santiago reúne diferentes parques, serras, museus e paisagens. E para curtir a vida noturna chilena há também diversos bares, pubs, baladas e restaurantes com culinária típica.

Não importa a estação ou o local, o Chile tem diversas belezas naturais e culturais para se conhecer. Vale a pena planejar sua viagem e se encantar com esse lindo país, incluindo sua capital, Santiago, que também possui muitas atrações turísticas.