Embu das Artes: descubra a pequena cidade artística perto de São Paulo

Escrito por Gabriella Soares

Embu das Artes está a apenas 25 km da capital paulista e se consolidou como um destino turístico de final de semana para muitas pessoas, principalmente de São Paulo. A cidade de origem jesuíta tem um clima interiorano, com 240 mil habitantes, e apresenta muito artesanato, feiras de rua, casas históricas, além de lojas e uma diversidade culinária invejável.

Como chegar

Se você mora em São Paulo, chegar em Embu das Artes é fácil. De carro, basta sair da capital pela Rodovia Régis Bittencourt (BR-116) e seguir até a saída do quilômetro 279 ou 282. De transporte público, pode-se utilizar o metrô até a estação São Paulo Morumbi, da Linha 4 – Amarela. De lá, pegar o ônibus 032 – Itapecerica da Serra (Parque Paraíso) e descer na mesma altura da Régis Bittencourt. Para quem vem do interior paulista, é possível pegar o Rodoanel Mário Covas e fazer a conexão com a Régis Bittencourt.

Embu das Artes também é próxima de São Roque, a 32 km de distância, cidade famosa pelo seu Roteiro do Vinho. Um pouco mais distante, é a cidade de Holambra, que fica a 115 km de Embu das Artes, mas que apresenta diversas atrações, além de ser conhecida como a cidade das flores. Pode valer a pena conferir!

12 coisas para aproveitar o melhor de Embu das Artes

A cidade de Embu das Artes é considerada um dos polos artísticos de São Paulo. As obras que vão desde artistas populares até contemporâneos atraem muitas pessoas para a região, que conta com muitas outras atrações, como você pode conferir:

1. Feira de Arte e Artesanato

Uma das atrações mais famosas de Embu das Artes é a Feira de Arte e Artesanato, que acontece todos os finais de semana e feriados. Mais de 500 expositores de esculturas, porcelanas, roupas e objetos ocupam as principais ruas do centro histórico da cidade. Uma tradição desde 1969, a feira funciona das 9h às 18h.

2. Cidade das Abelhas

O parque apiário, conhecido como Cidade das Abelhas, é um espaço que mostra a vida das abelhas e a importância desse inseto no ecossistema. Nele, é possível ver abelhas e colmeias gigantes, além de trilhas e observatórios para os visitantes. A Cidade das Abelhas fica aberta de terça a domingo, incluindo feriados, das 8h30h às 17h e os ingressos custam R$ 25.

3. Parque Francisco Rizzo

O Parque Francisco Rizzo fica próximo ao centro de Embu das Artes e conta com um belo lago que atrai muitos visitantes. O parque também possui um playground infantil e uma brinquedoteca que são ideais para quem vai viajar com crianças, além de diversas opções de cafés e atividades ao ar livre. O local fica aberto todos os dias, das 5h da manhã até as 22h e a entrada é gratuita.

4. Rua Nossa Senhora do Rosário

Uma das ruas mais famosas de Embu das Artes é a de Nossa Senhora do Rosário, que concentra o maior número de antiquários, decorações e artesanatos. São diversos tipos de lojas, que inclui produção artesanal de velas, tapetes e vasos, além de diversos produtos vintage. Além disso, é possível encontrar locais que são uma mescla de lojas de arte com cafés. Vale a pena conhecer mesmo para quem não deseja comprar nada.

5. Viela das Lavadeiras

Próximo à Rua Nossa Senhora do Rosário está um dos pontos turísticos mais procurados em Embu das Artes, a Viela das Lavadeiras. Nada mais é do que um pequeno beco, que por suas paredes coloridas por flores e diferentes grafites faz com que seja o local ideal para tirar uma foto da sua viagem. É na Viela das Lavandeiras que também é possível encontrar o famoso Empório São Pedro, uma mistura de restaurante com antiquário que promete uma ótima comida e diversas descobertas.

6. Memorial Sakai

Um importante nome para a história artística da cidade é Tadakiyo Sakai, ou o Sakai de Embu, como ficou conhecido. O Memorial Sakai homenageia o escultor e reúne vários dos seus trabalhos, além de oferecer oficinas e cursos gratuitos de arte. Próximo ao centro histórico, o memorial funciona de segunda a sexta, das 8h às 17h, e nos finais de semana das 10h às 16h.

7. Largo São Francisco

Um dos pontos mais importantes para a organização da cidade, ainda na construção de Embu das Artes, é o Largo São Francisco. Era nesse local que ficava a antiga Igreja Nossa Senhora do Rosário e a própria residência dos jesuítas. As duas edificações foram construídas pela Companhia de Jesus e hoje foram transformadas no Museu de Arte Sacra. Ali é possível ver peças de decoração barroca, peças sacras esculpidas em madeira, além de oratórios e altares. Os visitantes devem ficar atentos pois não é permitido tirar fotos internas. O museu fica aberto de terça a domingo, das 9h às 17h e o ingresso custa R$ 8.

8. Capela de São Lázaro

Outro ponto religioso importante é a Capela de São Lázaro, uma pequena construção histórica que contém uma imagem do santo de mesmo nome, esculpida em madeira na década de 1920. A importância da Capela não é apenas religiosa: é uma das mais importantes obras de Cássio M’Boy, um dos maiores nomes artísticos de Embu das Artes. O artista é uma referência da arte brasileira e foi até professor de Tarsila do Amaral. O local é aberto a visitação e fica um pouco distante do centro da cidade.

9. Cachaçarias

Famosa por suas compotas de doces, molhos e suas cachaças artesanais, Embu das Artes tem algumas cachaçarias que valem a pena se conhecer. Dois desses locais são a Casa da Jabuticaba, que é conhecida por uma cachaça que dá nome à loja, e o empório O Barão, que além de diversos tipos de cachaça também tem diversos doces e pimentas artesanais. As cachaçarias ficam concentradas no centro histórico e oferecem degustação gratuita de seus produtos.

10. Centro histórico

Pela extensão de quatro quadras no centro de Embu das Artes, o centro histórico reúne o melhor da arte e da gastronomia da cidade. Os diferentes restaurantes oferecem uma grande variedade de cozinhas, desde pratos mais tradicionais brasileiros e nordestinos até um pouco da culinária argentina e da tradição do vinho. Os restaurantes se espalham pelas calçadas do centro e contam também com música ao vivo para criar um delicioso e animado ambiente.

11. Feira do Verde

Além da Feira de Arte e Artesanato, Embu das Arte conta também com a Feira do Verde. Realizada perto do centro, a feira alternativa reúne pequenos produtores de flores e plantas. Também é possível encontrar muitas barracas de alimentos e bebidas naturais e de produção familiar. É uma ótima opção para quem gosta de produtos orgânicos, além das lindas e coloridas flores.

Embu das Artes tem uma grande diversidade de atrações para serem aproveitadas, além de ser uma linda cidade para se conhecer.

Onde ficar

Para quem quer passar o final de semana em Embu das Artes, o melhor é ficar em um local perto do centro histórico, que concentra a maior parte das atrações. Veja abaixo algumas opções:

1. Rancho Silvestre – $$$$

O Rancho Silvestre é a opção mais luxuosa de hospedagem na cidade. O local lembra a estrutura de hotéis fazenda, com quartos bem espaçosos, grandes piscinas e diversas atividades ao ar livre que fazem parte da diária. O conforto é garantido e o Rancho fica a apenas quatro quilômetros do centro, na Estrada Votorantim, 1700.

2. Villa Serena Bed & Breakfast – $$$

A Villa Serena Bed & Breakfast é uma hospedagem um pouco mais distante das principais atrações de Embu das Artes, mas é uma ótima opção de conforto. A Vila Serena é muito bem avaliada pelo clima aconchegante, que também conta com piscina. A Villa Serena fica na rua João de Barros, 661.

3. Pousada O Garimpo – $$

Uma hospedagem com melhor custo-benefício é a Pousada O Garimpo. Ela também é localizada no centro histórico de Embu das Artes e oferece quartos individuais e para casais com um espaço confortável. A Pousada O Garimpo fica na Rua Belo Horizonte, 119 e aceita reservas pelo número 11 4704-2786.

4. Pousada du Valle – $$

Assim como a O Garimpo, a Pousada du Valle é uma opção para quem busca acomodações para apenas descansar com conforto após aproveitar a cidade. É também uma ótima opção de custo-benefício para quem deseja ficar próximo ao centro de Embu das Artes. A du Valle é localizada a Praça Alberto da Veiga Guignard, 61, e é possível reservar quartos pelo 11 96147-3750.

5. Ibis Budget Osasco – $

Com quartos para até três pessoas, o hotel Ibis Budget Osasco é a hospedagem com preços mais acessíveis e fica a apenas vinte minutos de Embu das Artes. O hotel inclusive é próximo ao centro da cidade e fica na Avenida dos Autonomistas.

A depender do tempo que você pretende ficar em Embu das Artes e se você vai viajar com crianças ou não, o melhor é planejar qual pousada ou hotel escolher para garantir uma viagem mais tranquila.

12 fotos que vão te convencer a visitar Embu das Artes

Confira abaixo algumas imagens para conhecer um pouco mais da cidade e já planejar a sua viagem para Embu das Artes:

1. O colorido das flores está por toda a cidade

2. As lojas de artesanato de Embu das Artes têm uma grande variedade

3. E a Feira de Arte e Artesanato não tem como ser mais diversa

4. A diversão para a família inteira está garantida

5. O centro histórico de Embu das Artes demonstra a beleza da cidade

6. As cachaças e os vinhos são um grande atrativo

7. Assim como a diversa e deliciosa culinária

8. E os doces encontrados em diversas lojas que misturam comida e arte

9. Alguns ateliês permitem que os visitantes acompanhem a produção artística

10. Embu das Artes é puro charme

11. E também pura arte

12. Seja nas lojas ou ar livre, a diversão é garantida

Embu das Artes é uma maravilhosa cidade perto de São Paulo esperando para ser descoberta por você. E há muitas outras como essa no estado paulista, como Guararema. Confira!

PARA VOCÊ