Lençóis Maranhenses (MA): guia completo para uma viagem paradisíaca

Águas cristalinas, azuis e verdes, simplicidade e paisagens de tirar o fôlego. É no maior parque de dunas do Brasil que estão os Lençóis Maranhenses, um destino único que só quem visita sente a energia do lugar. Confira um guia completo desse magnífico paraíso que faz parte da Rota das Emoções.

Publicidade

Onde ficam os Lençóis Maranhenses

O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses possui 155 mil hectares de uma beleza deslumbrante e está localizado no litoral do Maranhão. Por ser muito extenso, os Lençóis abrangem 3 cidades do estado: Barreirinhas, Santo Amaro do Maranhão e Primeira Cruz.

Como chegar

Para quem está em outro estado, a melhor opção é pousar no aeroporto de São Luís, a 250 km do município de Barreirinhas, 240 km de Santo Amaro do Maranhão e 207 km de Primeira Cruz. Depois, é só seguir de carro, transfer, uber ou ônibus. Outra opção é pousar no aeroporto de Parnaíba, no Piauí, que tem menos opções de voos e um custo mais alto. Entretanto, ele fica mais próximo às cidades dos Lençóis Maranhenses, em média 185 km.

  • Barreirinhas: transfer, uber, táxi ou ônibus. O acesso é pela BR-135 e depois pela MA-402. Uma vez em Barreirinhas, é possível seguir para Atins, um povoado que está na extremidade, perto da praia, com ótimas opções de passeios.
  • Santo Amaro do Maranhão: o acesso também é pela BR-402. Porém, o ideal é contratar transfers, pois é preciso trocar de veículo no percurso, uma vez que, geralmente, só o 4×4 atravessa partes do Rio Alegre.
  • Primeira Cruz: também passando pela BR-135 e BR-402, basta ir para o Povoado Sangue, com mais infraestrutura. Esse destino não é muito procurado, pois não tem muita estrutura. Desse ponto, é possível chegar à Lagoa do Cassó.

Provavelmente, você precisará contratar um guia. Por isso, não é uma boa ideia alugar um carro. Para chegar ao parque, é preciso embarcar em um veículo 4×4 em uma jornada que começa a partir de 4 horas até o dia inteiro. Depois, em alguns trajetos, os viajantes deixam o carro e seguem a pé.

Melhor época para ir aos Lençóis Maranhenses

No Maranhão, o clima costuma ser bem definido, com meses de seca e de chuva. Entre janeiro e abril, chove bastante na região, é o período em que as lagoas estão enchendo. Por isso, não é a melhor época para visitar os Lençóis, o tempo fica nublado, diminuindo um pouco o encanto do destino. A partir do final de junho, as chuvas vão dando uma trégua e a seca se aproxima. Logo, entre julho e início de outubro, é a época mais indicada para visitar o local.

Nos meses seguintes, o tempo seco evapora a água, baixando o nível das lagoas. Claro, dependendo do ano, as previsões podem sofrer alterações. Logo, a melhor maneira de garantir uma experiência única e encontrar lagoas cheias e encantadoras, é entrando em contato, via e-mail, com a administração do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

Dicas e informações importantes para aproveitar melhor sua jornada

Como dito, a melhor época para visitar os Lencóis é entre julho e outubro. Entretanto, o parque é aberto o ano inteiro, todos os dias, das 8h às 18h. A seguir, confira dicas e informações importantes para montar um roteiro bem planejado:

Publicidade

  • Existe alguma lagoa perene: a Lagoa da Esperança é o destino para quem visita os Lençóis Maranhenses no período de seca, pois ela fica cheia na maior parte do ano. Contudo, diferentemente das outras lagoas, ela possui águas escuras, provenientes de mangue.
  • Quantos dias ficar: uma vez na região, é preciso se deslocar até as lagoas, passeio que pode durar mais de 4 horas e é bastante cansativo. Por isso, o ideal é ficar, pelo menos, 5 dias ou mais. Assim, também é possível aproveitar outras atividades.
  • Preço aproximado: não é preciso pagar para entrar nos Lençóis Maranhenses, mas se você optar por guias ou outros serviços, deverá desembolsar alguns reais. Os circuitos mais famosos, como o da Lagoa Azul e o da Lagoa Bonita, custam cerca de R$ 80 por pessoa. Para uma viagem individual, a média de gastos é R$ 3.500 com tudo incluso.
  • Compensa comprar pacotes: se você quer facilidade, opte por fechar um pacote completo. Outra opção é montar um pacote independente com guias credenciados da região. Para saber sobre as agências autorizadas, acesse o site do ICMBIO.
  • Leve dinheiro: às vezes, o sinal de celular é fraco por lá, isso pode dificultar alguns tipos de pagamento. Além disso, alguns quiosques não aceitam cartões.

Pronto, depois dessas dicas, já pode começar a preparar a sua mochila com protetor solar, boné, muita água, comida e disposição para andar pelas dunas em pleno sol do Maranhão. Contudo, a vista compensa, e muito, descubra o porquê a seguir.

O que fazer nos Lençóis Maranhenses

Barreirinhas é o ponto mais procurado para partir rumo aos Lençóis, pois possui mais passeios e estrutura. Contudo, está mais distante das paisagens deslumbrantes. Por isso, alguns turistas optam por sair de Santo Amaro do Maranhão. Todas as cidades possuem passeios nas Lagoas, que são diferentes e únicas. Confira as principais atrações:

1. Sobrevoo nos Lençóis Maranhenses

Para começar o passeio nas alturas, aposte em um sobrevoo. A atração custa entre R$ 390 e R$ 730 (2022), dependendo da rota, com uma vista única dos Lençóis. O voo acontece em um monomotor e parte do aeroporto de Barreirinhas. A rota mais procurada dura 30 minutos e passa pelas Lagoas mais conhecidas da região, a Azul e a Bonita.

2. Travessia a pé nos Lençóis Maranhenses

O passeio costuma ser realizado em veículos 4×4, mas há quem prefira trekking pelos Lençóis. Prepare-se para uma jornada de até 5 dias, com paradas para dormir em redes nas comunidades de Baixa Grande e Queimada dos Britos. Você vai passar pela principais Lagoas e é recomendável a contratação de guias experientes. A faixa de preço é alto, começa em R$ 900 por pessoa, mas confira os valores com os realizadores do passeio.

3. Circuito Lagoa Bonita

Embarque em um veículo 4×4, conhecido como jardineira, com bancos externos na traseira. Então, atravesse um rio de balsa, uma estrada de terra e suba em uma duna com ajuda de cordas. Logo, você chegará até a Lagoa Bonita, o passeio mais procurado da região, pois as águas são azuis e cristalinas. O local é perfeito para tirar fotos e ver o pôr do sol. O circuito passa por outras lagoas, como a do Maçarico e a Lagoa do Clone, que, aliás, é onde foi gravada a novela global. O passeio dura meio dia.

4. Circuito Lagoa Azul

Também com duração de meio dia, esse passeio vai até a Lagoa Azul com paradas pelas Lagoas da Preguiça, da Esmeralda e do Peixe. Contudo, a lagoa não possui a água mais límpida e turquesa dos Lençóis.

5. Circuito Lagoa das Américas

Embarque em um emocionante passeio, percorrendo o Rio Alegre por 15 minutos até chegar à Lagoa das Américas. O destino é mais vazio do que as outras lagoas e a paisagem é incrível.

6. Circuito da Betânia

Partindo do Povoado de Betânia, perto de Santo Amaro do Maranhão, você faz esse circuito que passa pela Lagoa do Amor, da Passarela, do Junco e, por fim, da Betânia, uma das maiores e mais bonitas da região. Nesse passeio, é comum a parada para almoço.

7. Lagoa das Emendadas

Após deixar o veículo, é preciso percorrer cerca de 2 horas a pé até essa Lagoa, que também está entre as mais bonitas da região. A água com tom azul bem escuro é o local ideal para tirar fotos e descansar. Não é um passeio indicado para fazer com crianças.

Publicidade

8. Passeio de lancha pelo Rio Preguiça

Embarque em uma lancha voadeira e passeie por cerca de 8 horas com paradas. Você vai passar pelos povoados de Vassouras, Mandacaru e Caburé. Saída de Farol de Barreirinhas. Custa cerca de R$ 100 por pessoa.

9. Atins

Atins é um povoado de Barreirinhas, que possui uma praia na foz do Rio Preguiças. Além disso, é dali que partem passeios para as Lagoas Tropical, da Lorena, Capivara e das Sete Mulheres. Ainda, saindo de Atins, é possível chegar até a Lagoa Verde, uma das mais bonitas. O preço gira em torno de R$ 80 a R$ 100 (2022).

10. Onde comer e restaurantes

Opções simples, mas com um toque caseiro delicioso. Algumas pousadas disponibilizam restaurantes abertos ao público. Fora das hospedagens, você pode ir ao Bambaê, a Canoa, Mangue e ao Restaurante da Regiane, em Barreirinhas. Em Santo Amaro do Maranhão, escolha o Dunas Bistrô.

Os passeios realizados pelas agências podem sofrer alterações, dependendo das lagoas e das dunas que se movimentam constantemente. Por fim, não esqueça de respeitar a fauna, a flora e a população local. Afinal, esse é um Parque Nacional de conservação.

Publicidade

Onde se hospedar

Você vai precisar de um bom descanso. Pousadas e hotéis simples são as principais opções de hospedagens. Entre as mais procuradas pelos turistas, estão:

  • Pousada Vasto Horizonte – $: no centro de Barreirinhas, fica essa pousada com quartos simples, mas aconchegantes. Possui piscina e café da manhã.
  • Pousada Rancho das Dunas – $: uma das melhores opções em Santo Amaro do Maranhão. As instalações são simples, mas confortáveis para uma ótima noite de sono.
  • Pousada Jurará – $: na Vila de Atins, em Barreirinhas, fica essa opção. Uma casa de pescador transformada em uma pousada charmosa e aconchegante. São apenas 7 acomodações, com um café da manhã simples.
  • Encantes do Nordeste – $$$: se você procura uma opção mais requintada, com um charme rústico, fique nessa hospedagem em Barreirinhas. As instalações incluem chalés, espaço zen e gastronomia muito bem servida.
  • Porto Preguiças Resort – $$: a melhor opção nos Lençóis Maranhenses. Localizada em Barreirinhas, a hospedagem oferece uma ótima infraestrutura, com piscinas, quartos confortáveis e um atendimento perfeito.

Além dessas, há outras pousadas e hotéis disponíveis na região. Entretanto, se for procurar opções baratas, fique de olho nas avaliações dos hóspedes. A seguir, conheça um pouco mais da beleza deslumbrante dos Lençóis.

10 fotos dos Lençóis Maranhenses para se encantar com o destino

Viajar para os Lençóis Maranhenses é uma experiência que não tem preço. Todo mundo deveria viver essa aventura pelo menos uma vez na vida. Depois dessa seleção de fotos, com certeza, você vai querer fazer as malas imediatamente. Veja:

1. O sol está nascendo nos Lençóis Maranhenses

2. Suba em um veículo 4×4

3. E comece sua aventura rumo às lagoas

4. Contrate guias, pois há relatos de turistas que já se perderam por lá

5. Os Lençóis Maranhenses já foram cenários para cenas do filme Os Vingadores – Guerra Infinita

6. A areia das dunas não é quente por causa dos lençóis freáticos que deixam a temperatura ideal

7. É possível agendar um café da manhã ou jantar em meio às dunas

8. Você pode nadar nas lagoas dos Lençóis

9. As águas são cristalinas

10. Não deixe de aproveitar muito o pôr do sol

Após visitar essas lagoas maravilhosas, muitos turistas viajam para a Delta do Parnaíba e Jericoacoara, destinos que, juntamente com os Lençóis Maranhenses, formam a Rota das Emoções.

Um pouquinho dos Lençóis Maranhenses para descobrir o paraíso

As estradas até as cidades dos Lençóis Maranhenses já foram piores. Atualmente, contam com uma estrutura melhor, entretanto, há buracos e caminho de terra, especialmente até as Lagoas. Nessa seleção de vídeos, acompanhe alguns percursos, veja uma das paisagens mais bela do Brasil e aproveite as dicas.

Tudo o que você precisa saber sobre o destino

Pai e filho desbravam as lagoas mais bonitas dos Lençóis Maranhenses. Um vídeo recheado de dicas para aproveitar os principais atrativos, uma ótima maneira de conhecer o local sem nunca ter pisado o pé.

Passeio de quadriciclo

Se vai às dunas, você não pode ir embora de lá sem fazer um passeio de quadriciclo. Nesse vídeo, além dos Lençóis, conheça um parque eólico. Anote todas as dicas.

Travessia a pé pelos Lençóis

Se tiver a oportunidade, atravessar os famosos Lençóis Maranhenses andando marcará a sua vida. Nessa primeira parte, o canal A Hora de Ir mostra os perrengues e as imagens deslumbrantes do passeio.

Sobrevoo inesquecível

Para fechar, um vídeo com dicas de passeios e um sobrevoo fantástico. Vale a pena viver a experiência. Aperte o play e aproveite esse pedacinho do paraíso.

Os Lençóis Maranhenses são mesmo um espetáculo, não é? Se você é amante de águas cristalinas, beleza brasileira e natureza, conheça as mais encantadoras piscinas naturais do Brasil. É para desbravar o país tropical e toda sua grandeza.